Em um primeiro momento pode parecer que Brusque – munícipio de Santa Catarina localizado no Vale do Itajaí – não tem qualidades turísticas suficientes para atrair visitantes.

No entanto, basta um segundo olhar mais atento que começamos entender as razões que colocaram este destino na rota do turismo catarinense.

Ainda assim, é preciso ser realista: não é todo perfil de viajante que morrerá de amores por Brusque. Apesar de ter um IDH altíssimo (0,795) e ser considerado um dos lugares com melhor qualidade de vida do estado, talvez, a cidade seja mais atraente para morar do que para visitar.

Em todo caso, independente da opinião deste autor que escreve, uma coisa é certa: Brusque recebe centenas de viajantes todos os anos. E, para que você consiga aproveitar o seu passeio da melhor forma possível, neste texto eu contarei tudo o que você deve saber antes de sair de casa.

FIP - Feira da Moda de Brusque
A FIP (Feira da Moda) é um dos principais atrativos de Brusque

# Dicas de viagem a Brusque

É incontestável: o principal motivo para uma viagem a Brusque é fazer compras. Isso porque, a cidade é um dos grandes nomes da produção têxtil em todo o território nacional.

Portanto, quem pretende renovar o guarda-roupa encontrará produtos de qualidade por preços que costumam ser mais simpáticos do que nas grandes cidades.

Além disso, sua colonização com forte presença alemã deixou marcas que podem ser vistas até hoje – seja na arquitetura ou nas tradições. Consequentemente, essa também é outra razão que acaba conquistando o coração de parte dos turistas.

Para completar o passeio, há alguns pontos turísticos em Brusque que podem preencher o restante do itinerário. Embora não sejam grandes atrações que por si só justificariam a viagem, desempenham um bom papel de coadjuvante.

Por fim, outra facilidade que contribui para que os turistas incluam Brusque em um roteiro de viagem em Santa Catarina é que o município está muito próximo de outros destinos catarinenses de maior força turística.

Normalmente, Brusque acaba sendo um destino secundário de viagens que têm como principal objetivo lugares como Blumenau (41 km), Balneário Camboriú (43 km) ou Joinville (117 km).

1- Melhor época para viajar a Brusque

2- Quantos dias ficar?

3- Como chegar e se locomover?

4- Passeio bate-volta para Brusque

5- Hospedagem em Brusque

6- O que fazer em Brusque?

7- Lojas e shoppings para fazer compras em Brusque

1- Melhor época para viajar a Brusque

O clima em Brusque não tem grande interferência para a escolha da data da viagem. Isso porque, a cidade é perfeitamente visitável – sem prejuízos no roteiro – em qualquer época do ano.

De modo geral, as estações são bem marcadas: verão chuvoso e inverno mais seco. Ainda assim, o índice pluviométrico até que é bem distribuído ao longo dos meses.

Sobre a temperatura também não há grandes dilemas: durante os meses mais quentes do ano as máximas podem beirar os 30°C. E, nos meses mais frios, as mínimas caem para perto dos 10°C.

Para deixar o roteiro mais especial uma boa opção é se programar para viajar a Brusque durante o mês outubro. Isso porque, durante 10 dias é realizado o evento mais aguardado da cidade, a Fenarreco (Festa Nacional do Marreco).

Embora os pratos típicos com marreco sejam as grandes estrelas da festividade – especialmente o marreco recheado com repolho roxo – a Fenarreco se destaca por apresentar ao público muita música, gastronomia e outras tradições típicas da Alemanha.

melhor época para viajar a Brusque
Parque das Esculturas, em Brusque

2- Quantos dias ficar?

Normalmente os visitantes vão a Brusque apenas para passar o dia. E, de fato, se você estiver em alguma cidade próxima de lá e seu interesse é apenas fazer compras, dá para concluir esta tarefa em um horário comercial.

Aliás, em um dia dá até mesmo para visitar alguns pontos turísticos centrais pela manhã, e na hora do almoço partir para as lojas e shoppings da cidade.

No meu caso, peguei o primeiro ônibus de Balneário Camboriú para Brusque, passeei no centro, fui aos shoppings, e estava novamente na rodoviária aguardando meu ônibus de volta para Balneário às 18hs.

Em todo caso, se você pretende comprar muitas coisas, considere ficar ao menos uma noite em Brusque.

E, no caso de uma viagem que contemple a Fenarreco, um bom plano é passar o final de semana inteiro por lá – chegando na sexta-feira de manhã e partindo no final do domingo.

quantos dias ficar em Brusque
Prefeitura Municipal de Brusque

3- Como chegar e se locomover?

O aeroporto mais próximo de Brusque é o Aeroporto Internacional de Navegantes (NVT), localizado a 55 quilômetros de distância.

Outros locais que podem ser utilizados para desembarque em território catarinense são os aeroportos de Florianópolis ou Joinville – ambos a aproximadamente 120 quilômetros de Brusque.

Independente da sua cidade de chegada, a melhor forma de seguir viagem até Brusque é alugando um veículo e ir dirigindo por conta própria.

Além disso, também dá para chegar a Brusque de ônibus. No entanto, há poucos horários disponíveis entre os principais destinos catarinenses desta região.

Quem opera essa rota é Reunidas, e você pode consultar todos os horários e valores atuais no site oficial da empresa. Em julho/2021, as opções disponíveis, são:

– Balneário Camboriú x Brusque: 8h25 e 14h25, R$ 27,00, sendo aproximadamente uma hora de viagem.

– Blumenau x Brusque: 17hs, R$ 20,00, sendo aproximadamente uma hora e meia de viagem.

– Joinville x Brusque: 11h45, R$ 55,00, sendo aproximadamente três horas e meia de viagem.

A rodoviária de Brusque se encontra no centro da cidade, e dá para circular entre as atrações utilizando os aplicativos de serviços de corrida.

Vale destacar ainda que para os viajantes que estiverem em Balneário Camboriú outra opção para visitar Brusque é com os passeios no esquema bate-volta, assunto que será discutido no próximo tópico.

como chegar em Brusque de ônibus
A rodoviária de Brusque se encontra na área central da cidade

4- Passeio bate-volta para Brusque

Uma das maneiras para visitar Brusque em um único dia é com os passeios bate-volta que saem de Balneário Camboriú. No entanto, tenha em mente que esse tour também passará por outros destinos.

Normalmente, o passeio começa em alguma outra cidade da região do Vale do Itajaí, como por exemplo, São João Batista, Nova Trento ou até mesmo Blumenau. No caso, o itinerário muda de agência para agência, mas não costuma fugir deste padrão.

A parada em Brusque costuma ser última do roteiro, e é apenas na FIP (Feira da Moda) e no Stop Shop – dois dos principais shoppings da cidade. Além disso, saiba que o tempo para compras não é tão longo, sendo que costuma ser no máximo de duas a três horas.

Ou seja, se a sua intenção é pesquisar e comprar muitos produtos, pode ser que este tempo não seja suficiente.

Portanto, na minha opinião, fazer o passeio bate-volta de Balneário Camboriú para Brusque é uma boa ideia para os viajantes que querem conhecer outros destinos no mesmo dia, e não estão muito preocupados com as compras.

É claro que durante a parada do tour você conseguirá passear e comprar o que desejar. Porém, o que quero dizer, é que este não será o único e principal objetivo do seu dia.

Sobre a dinâmica do passeio, este é um tour que dura o dia todo – saindo de Balneário Camboriú por volta das 8h30 e retornando às 17h30. Via de regra, os receptivos buscam cada turista em seu hotel, fazem o passeio, e na volta também deixam cada viajante no seu endereço de estada.

Os tours mais básicos que incluem apenas o transporte e acompanhamento de guia custam em torno de R$ 100,00 por pessoa, Porém, também há passeios mais caros que podem incluir almoço durante a atividade.

Por fim, saiba que as agências costumam fazer este passeio apenas duas vezes por semana. Portanto, o ideal é que você reserve com antecedência para já deixar o seu roteiro organizado.

passeio bate-volta para Brusque - Santa Catarina
Brusque

5- Hospedagem em Brusque

O melhor bairro para ficar em Brusque é o centro da cidade. Afinal, além do fácil acesso e da boa estrutura comercial, é lá onde se encontram os hotéis e as pousadas. Portanto, neste caso, não há muito o que ser decidido.

Para quem pretende fazer compras na FIP (Feira da Moda) e no Stop Shop – os dois principais shoppings de Brusque – a boa notícia é que ambos estão a menos de cinco quilômetros do centro. Uma corrida de Uber, por exemplo, deve custar menos de R$ 15,00.

Sobre os preços das pousadas em Brusque, a diária de uma suíte para duas pessoas custa entre R$ 150,00 e R$ 280,00 – a depender do quão estrelada é a acomodação.

Para os viajantes que prezam por economizar ao máximo, um dos hotéis mais baratos em Brusque é o Hotel Veneza.

Outra opção na região central da cidade que tem um estilo mais clássico-convencional é o Tri Hotel Executive Brusque. A rede está presente em várias cidades de Santa Catarina, e, em Brusque, é uma das acomodações com melhor custo-benefício.

Por fim, se você estiver em busca de um hotel mais estrelado, porém, sem precisar gastar uma fortuna, o melhor local é o Monthez Hotel & Eventos.

Ou, se acaso preferir, clique aqui e encontre outras ofertas de hospedagem em Brusque.

dicas de hospedagem em Brusque
Muitos hotéis de Brusque ficam próximos a Praça Baräo de Schneeburg, no centro da cidade

6- O que fazer em Brusque?

Embora seja um destino conhecido pelas suas lojas de malhas e shoppings, há alguns pontos turísticos de Brusque que você pode incluir na sua programação.

O principal cartão postal da cidade é o Santuário Nossa Senhora de Azambuja, localizado a cinco quilômetros do centro.

No burburinho central, outra atração de perfil religioso é a Igreja Matriz Paróquia São Luís Gonzaga, que fica em frente à Praça Baräo de Schneeburg.

Por falar em praça, a Praça Sesquicentenário é uma das principais de Brusque e em frente à ela você encontrará três belas construções com arquitetura bechamel: a Prefeitura Municipal, a Câmara de Vereadores e o Fórum de Brusque.

No meio do caminho entre o centro e a Feira de Moda está outro atrativo que você pode visitar durante a sua viagem a Brusque: o Parque das Esculturas.

Finalmente, inclua no seu itinerário alguns locais onde o foco seja compras. Mas isso é assunto para o próximo tópico.

o que fazer em Brusque - dicas
Igreja Matriz Paróquia São Luís Gonzaga

7- Lojas e shoppings para fazer compras em Brusque

Apesar de ter dezenas de lojas para fazer compras em Brusque, elas se concentram em poucos endereços.

No centro da cidade há uma boa variedade de comércios de todos os tipos. Tenha como referência a Praça Baräo de Schneeburg, a Avenida Cônsul Carlos Renaux e o Shopping Gracher.

Porém, os dois grandes centros comerciais da cidade são a Feira da Moda (FIP) e o Shopping Stop Shop – ambos estão localizados na Rodovia Antônio Heil, um de frente para o outro, a sete quilômetros do centro.

Além disso, pelos arredores da FIP, à beira da própria Rodovia Antônio Heil, há muitas outras lojas independentes onde sempre há ótimas promoções.

Em todos estes lugares você encontrará muitos produtos de malhas, desde roupas para uso pessoal, como também para cama, mesa e banho.

lojas para fazer compras em Brusque
Área de comércio de rua próxima à FIP (Feira da Moda)

3 lugares para se hospedar em Brusque

($) Para os viajantes em busca de economia, o Hotel Veneza é um dos mais em conta da cidade.

($$) Na categoria de hotéis de rede, o Tri Hotel Executive é o que oferece melhor custo-benefício.

($$$) Querendo uma acomodação mais estrelada, vale conferir as suítes do Monthez Hotel & Eventos.

» Se acaso preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em Brusque.

Avatar para Anônimo
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Brusque é tudo de bom,o que mais me empreciona é a capacidade desse povo de superação, quando as fábricas de tecido fecharão,achei que a cidade iria sentir o impacto econômico significante, e olha no que se transformou.
    Parabéns ao povo Brusquense.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here