Seguro viagem para o Chile: É obrigatório? Como escolher? Quanto custa? Descubra tudo o que você deve saber para não errar na hora de contratar o seu plano!
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Contratar um bom seguro viagem para o Chile deve ser prioridade na sua lista de afazeres antes de sair de casa. Aliás, não apenas para este destino, mas para qualquer lugar que você vá viajar.

É assim: ninguém contrata um seguro querendo de fato utilizá-lo, porém, no primeiro imprevisto que aparece, chega a escorrer uma lágrima no canto do olho por não termos saído de casa sem ele.

É claro que com tantos gastos que uma viagem nos exige, cortar algumas despesas pode ser necessário. Mas vai por mim, economize com hospedagem, alimentação, transporte, lembrancinhas ou qualquer outra coisa, mas não com algo que pode salvar a sua vida – seja ela propriamente dita, ou a sua vida financeira.

Mas não se preocupe, pois como você verá a seguir, um seguro viagem para o Chile pode sair mais barato do que você imagina.

# Por que devo contratar um seguro viagem para o Chile?

Verdade seja dita, o atendimento à saúde pública na América Latina, de um modo geral, não é lá tão eficiente. E, embora não seja obrigatório contratar um seguro viagem para o Chile – isso quer dizer que ninguém irá te barrar na imigração por estar sem ele – eu recomendo que todo viajante contrate um plano antes de viajar.

Para algum inconveniente não emergencial, como uma inflação na garganta ou algo do gênero, talvez – veja que eu disse talvez – você até conseguiria solucionar esse problema por conta própria e sem maiores complicações.

O grande senão, num caso como este, é que você provavelmente perderia um dia inteiro da sua viagem tentando solucioná-lo. Já com um seguro viagem em pouco tempo você terá um suporte adequado.

Por outro lado, no caso de uma emergência a situação muda completamente. Quebrar um braço, torcer o pé ou pegar alguma infecção mais complexa, são coisas que podem acontecer no nosso dia a dia comum, e, obviamente, também durante uma viagem.

E aí, caro viajante, tentar solucionar esses imprevistos sem um bom seguro viagem será bastante complicado. Ou no mínimo, te custará algumas centenas de dólares que você não tinha planejado.

Como se não bastasse, de todos os países na América do Sul, o território chileno talvez seja o mais propício a se utilizar um seguro viagem. Mesmo quem vai só para a capital Santiago, normalmente inclui no roteiro atividades com maiores chances de se acidentar, como por exemplo, brincadeiras na neve. Um único escorregão pode ser suficiente para que você tenha que acionar o seu seguro viagem para o Chile.

Outros destinos famosos do país também costumam envolver uma programação cheia de aventura. A altitude no Atacama, as escaladas nos vulcões na região dos Lagos Andinos, e as espetaculares trilhas da Patagônia, embora rendam uma viagem inesquecível, também podem fazer com que você precise de algum atendimento emergencial.

E lembre-se sempre: quanto menor a cidade que você irá visitar, menor é a chance de ter algum posto de saúde ou hospital público.

Além disso, contratar um seguro viagem para o Chile pode te ajudar em outros casos. Apesar de serem problemas secundários e que não colocam a nossa vida em risco, receber auxilio ($$$) quando uma bagagem é extraviada, ou quando precisamos antecipar o retorno da nossa viagem, é sempre muito bem vindo.

seguro viagem barato para o Chile
Torres del Paine, um dos destinos da Patagônia chilena!

# Como funciona?

De um modo geral, um seguro viagem irá pagar ou te reembolsar todos estes gastos inesperados. Seja com a sua saúde, extravio de bagagem ou qualquer outro problema. Desde que, obviamente, o seu plano tenha cobertura para tais imprevistos.

Por isso, antes de contratar o seu seguro viagem para o Chile é importantíssimo que você leia com atenção quais coberturas são oferecidas pelo plano que você escolher.

Já na parte prática, ou seja, durante a viagem, caso você precise utilizar o seu seguro a primeira coisa a fazer é entrar em conato com a seguradora e seguir as orientações que ela te passar.

Lembrando ainda que a prática mais comum é que você pague as despesas inicialmente e guarde todos os comprovantes dos gastos, para que a seguradora te reembolse depois. Portanto, levar um cartão de crédito para gastos surpresas pode ser uma boa ideia.

Um hábito que eu tenho e que pode ser útil é deixar uma cópia do contato do meu seguro viagem junto com a minha carteira de identidade (ou passaporte). Isso porque, no caso de uma emergência em que eu fique inconsciente, quem for me socorrer (e espero que alguém me socorra!) verá que eu tenho um seguro viagem para o Chile e poderá aciona-lo por mim.

# Quanto custa?

O preço total de um seguro viagem para o Chile vai depender da duração da sua viagem, da cobertura da apólice e da sua idade. Mas sem delongas, é possível encontrar planos que custam a partir de R$ 10,00 por dia.

Ou seja, para uma viagem de sete dias você gastaria em torno de R$ 70,00, o que é bem menos do que uma diária em um hotel razoável.

# Como escolher e contratar um bom seguro viagem para o Chile?

Para contratar os meus seguros viagem, seja para o Chile ou para qualquer outro destino, eu uso a plataforma da Seguros Promo.

Apesar de não ser uma seguradora em si, no site da Seguros Promo é possível fazer uma comparação online entre as melhores seguradoras do mercado. Desta forma eu consigo enxergar de forma clara os benefícios e preços de cada uma delas.

Além disso, contratando o plano com a Seguros Promo é possível conseguir 5% de desconto pagando no boleto bancário, e mais 5% utilizando o cupom de desconto VOLTOLOGO5. Ou seja, você pode pagar 10% mais barato no seu seguro viagem para o Chile.

Sobre qual seguradora escolher, normalmente eu contrato os planos da Assit Card, GTA ou Travel Ace, que são três das mais conhecidas do mercado e que oferecem planos com excelente custo-benefício.

Na hora de escolher o plano, fique atento para o valor de cada serviço que é coberto pela apólice. Normalmente eu escolho algum que tenha valor de assistência médica de no mínimo US$ 20.000,00.

 Pode parecer muito num primeiro momento. Porém, se você pesquisar sobre os preços de atendimento, cirurgias e outras despesas médicas no Chile, perceberá que, no caso de uma emergência mais séria, é perfeitamente possível que seus gastos cheguem a este valor.

Como fazer uma cotação online agora!

Para fazer uma cotação de um seguro viagem para o Chile, basta clicar aqui para acessar o site da Seguros Promo, inserir o seu destino e a data da sua viagem,

Lembrando que no campo destino, basta escolher a opção “América do Sul”, que automaticamente ele já cobrirá uma viagem pelo Chile. Já nas datas, não se esqueça de que você deve colocar o dia de embarque/desembarque, para que você, de fato, tenha cobertura durante todos os dias da sua viagem.

»»» Não deixe para depois. Clique aqui para fazer uma cotação online, e economize na hora de contratar o seu seguro viagem para o Chile.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here