Dicas e roteiros de viagem pela América Latina

Por Murilo Pagani

Canal do Panamá: 4 dicas para o seu passeio

12 mil quilômetros. Após a inauguração do Canal do Panamá, esta foi a distância encurtada, em média,  para se navegar até destinos situados em países sul americanos da costa pacífica. 

Antes disso, um navio que saísse da costa leste dos Estados Unidos, ou até mesmo da Europa, teria que contornar toda a costa atlântica da América do Sul para chegar em países como Peru e Equador.

Não à toa, o Canal do Panamá, que é considerada uma das maiores obras de engenharia do mundo, abriu as portas para o comércio marítimo internacional.

Além de reduzir o tempo de navegação e consequentemente custos de viagem, o canal que liga os oceanos Atlântico e Pacífico  entrou para a história mundial, ao ser inaugurado oficialmente em 1914.

Leia também: 10 hotéis baratos na Cidade do Panamá

# Dicas para visitar o Canal do Panamá

1- História do Canal do Panamá
2- Curiosidades
3- Como chegar ao Canal do Panamá?
4- Passeios para o Canal do Panamá
» Reservar passeios na Cidade do Panamá

1- História do Canal do Panamá

O sonho de ligar esses dois oceanos surgiu ainda no século XVI, quando o espanhol Vasco Nunes Balboa se deu conta de que ambos eram separados por uma estreita faixa de terra.

Porém, foi somente no ano de 1.880 que os franceses iniciaram a construção do tal canal. Nessa época, o território panamenho ainda fazia parte da atual Colômbia.

Durante 20 anos a França se esforçou na construção da obra, porém, foram tantas as dificuldades encontradas que não houve outra saída senão abandoná-la.

Terreno desafiador, projetos de uma complexidade sem tamanho e doenças tropicais, foram os principais motivos do fracasso francês.

Aliás, estima-se que aproximadamente 20.000 trabalhadores morreram durante esse período, atingidos por doenças como a Malária e Febre Amarela.

Em 1904, depois de assinar um contrato com o Panamá e comprar todos os direitos e propriedades francesas sobre o Canal, os Estados Unidos tomaram frente à execução da obra. Foram mais 10 anos de trabalho, aproximadamente $375 milhões de dólares investidos e mais 5.000 trabalhadores mortos.

Tanto investimento não era em vão. Após a inauguração do canal, os Estados Unidos administravam e tinham total controle sobre a chamada Zona do Canal, conforme previa um tratado assinado, em 1903.

Depois de muitos conflitos e tensões, os americanos assinaram outro tratado, em 1.977, que previa devolver gradualmente a administração do canal ao Panamá. 

Por fim, os panamenhos só assumiram o controle total das operações no dia 31 de dezembro de 1.999.

como visitar o Canal do Panamá?

Canal do Panamá

2- Curiosidades

» O Canal do Panamá tem aproximadamente 80 quilômetros de extensão.

» Uma embarcação demora de oito a dez horas para cruzá-lo.

» A fila de espera pode passar das 27 horas.

» O custo médio para atravessar o canal é de U$ 60.000,00 e o valor é calculado de acordo com a carga transportada.

» De 13 a 15 mil embarcações transitam pelo canal anualmente

» Os Estados Unidos usaram o canal durante a Segunda Guerra Mundial para chegar à costa pacífica após o ataque a Pearl Harbour.

curiosidades sobre o Canal do Panamá

Canal do Panamá

3- Como chegar ao Canal do Panamá?

Nada mais natural do que uma das mais importantes obras de engenharia do mundo também ser uma grande atração turística. E, como não poderia deixar de ser, o canal é um dos lugares mais visitados na Cidade do Panamá.

Muitas pessoas que estão viajando pela capital panamenha ou até mesmo os que fazem apenas uma escala no país, incluem o canal em seu roteiro pelo Panamá.

Há duas eclusas que são abertas para o turismo: a Gatún, que fica do lado Atlântico; e a Miraflores, com melhor infraestrutura para o turista e mais perto da Cidade do Panamá.

Para chegar até a Eclusa de Miraflores, a mais próxima da capital panamenha, que fica a aproximadamente 11 quilômetros do centro, é bem fácil.

Do principal terminal de ônibus da cidade, o Albrook, saem ônibus a cada hora com destino ao canal.

No entanto, saiba que se você quiser ir de Uber até lá será bastante prático e barato. A corrida não levará mais do que 30 minutos e o preço será de aproximadamente US$ 7,00.

O preço da entrada ao Canal do Panamá é de US$ 20,00.

Além de poder ir até aos mirantes com vista para o canal, você pode assistir a um vídeo informativo e conhecer o museu que conta toda a história da sua construção.

No geral, espere gastar entre duas e três horas para conhecer o local. Se for do seu interesse, saiba que lá também há loja de lembrancinhas, cafeteria e restaurante.

como chegar ao Canal do Panamá

Eclusa de Miraflores

4- Passeios para o Canal do Panamá

Embora não seja essencial você contratar um passeio guiado para visitar o Canal do Panamá, saiba que algumas agências oferecem tours que levam os viajantes até lá.

Na minha opinião, como é bem fácil chegar até lá por conta própria, esses tours valem mais a pena para quem tiver pouco tempo na cidade, como por exemplo, durante uma escala de pelo menos seis horas.

Em uma escala dessas, contratar um tour que saia do aeroporto, e depois te deixe lá novamente, tem um ótimo custo-benefício.

Além de toda a praticidade de não ter que se preocupar com o seu deslocamento, o guia fornecerá informações importantes para que você, de fato, consiga visitar o local da melhor forma possível em tão pouco tempo.

Se acaso precisar de mais informações sobre este tipo de passeio, clique aqui.

Murilo Pagani
Introvertido de carteirinha com picos de sociabilidade quando necessário ou depois de alguns goles de cerveja. Queria saber escrever bonito, mas cultivo um enorme apego à desculpa de que sou originalmente de exatas para justificar a minha falta de dedicação em combinar as palavras uma depois da outra. Espero que entenda!
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários:
Renato Benedetti disse:

Vale a pena esse passeio de barco pelo canal do panamá ? ou apenas visitar essa eclusa mirafiores já é o suficiente ?
sabe me dizer se é aberto pra visitação todos os dias ? e os passeio de barco sao todos os dias também ?

Murilo Pagani disse:

Oi, Renato, tudo bem?

Quando eu fui ainda não existia este passeio de barco, então não fiz. Estava dando uma olhada a respeito e não pareceu ser muito o meu tipo de passeio, até porque, o investimento é alto. hehehe

Mas é claro, isso depende do seu perfil e do tipo de experiência que quer. Para mim, a esclusa e o museu já foram suficientes.

Aparentemente este passeio de barco funciona mais aos finais de semana, mas dependendo da época há mais saídas.

Já a esclusa funciona de terça a domingo.

Abraço!

ANDRIELI disse:

muito interessante suas dicas, estava quase contratando esse passeio por agencia, será que é tranquilo ir de carro até la? Irei em abril do ano que vem

Murilo Pagani disse:

Oi, Andrieli, tudo bem?

Se você já vai alugar um carro para ir a outros destinos, dá para ir até lá também.

Por outro lado, se você pretende alugar somente para este passeio, acho mais prático ir com alguma agência.

Abraço

O canal do Panamá é um grande feito de engenharia. Já vimos um documentário sobre o projeto, foi assombroso como tudo se passou. Nunca vi ao vivo, mas o seu post aguçou a vontade. E o resto da cidade, o que achou dela?

Murilo Pagani disse:

Oi Ruthia, tudo bem?

Realmente, chega a ser assustador quando nos damos conta de como foi a construção do Canal, né?!

Abraço!

Mariana disse:

Eu nem sabia que haviam eclusas abertas para o turismo no Canal do Panamá! Sempre tive curiosidade, mas nunca passou pela minha cabeça visitá-lo… Achei o post super curioso.

Murilo Pagani disse:

Oi Mariana, tudo bem?

É uma das principais atrações da Cidade do Panamá! Realmente imperdível.

Abraço

Ângela Martins disse:

Tenho muita vontade de conhecer o Canal do Panamá! Um espetáculo da engenharia. Eu não sabia nenhuma dessas curiosidades! Não fazia ideia do custo para atravessa-lo. Adorei o post

Murilo Pagani disse:

Oi Ângela, tudo bem?

O Canal do Panamá é uma super atração, viu?!

Que bom que gostou do post!

Abraço

Marina disse:

Muito informativas suas dicas para visitar o Canal do Panamá! Sempre fiquei em dúvida se seria possível conhecê-lo durante uma escala… Obrigada!

Murilo Pagani disse:

Oi Marina, tudo bem?

Que bom que gostou das dicas!

Dependendo do tempo que você terá disponível, dá para conhecer o Canal do Panamá durante uma escala, sim!

Abraço!

Roberto Caravieri disse:

Eu sou louco pra conhecer o Panamá. A importância do Canal do Panamá é gigantesca e mudou tudo no país, além de ser incrível de se ver, eu acho. Quero muito!

Murilo Pagani disse:

Oi Roberto, tudo bem?

O Panamá é um baita destino, viu!? E o Canal é apenas uma das várias atrações que há por lá! hehehe

Abraço