Uma cidade com aproximadamente 400 mil habitantes, cercada pelo mar do caribe e por muitos vilarejos: assim é Santa Marta, um dos principais destinos para quem viaja pela Colômbia.

Apesar de grande, Santa Marta em si não possui muitos atrativos turísticos. Suas praias não são muito bonitas e em um único dia é possível conhecer seu centro histórico.

Ainda assim, a região está sempre cheia de turistas. Isso porque, sua localização é privilegiadíssima, e uma viagem a Santa Marta serve como base para explorar muitos destinos colombianos.

E, para que você consiga organizar o seu roteiro adequadamente, neste texto eu te contarei tudo o que você precisa saber antes de sair de casa.

Leia também: 11 lugares que você precisa conhecer na Colômbia

# Dicas de viagem a Santa Marta

1- Documentos
2- Melhor época para viajar a Santa Marta
3- Quantos dias ficar?
4- Câmbio em Santa Marta
5- Como chegar em Santa Marta?
6- Hospedagem em Santa Marta
7- O que fazer em Santa Marta?
» Contratar seguro viagem para Colômbia

1- Documentos

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Colômbia caso a viagem seja a turismo por até 90 dias.

Aliás, por causa do acordo do Mercosul, é possível entrar no país utilizando o RG como documento. É necessário, no entanto, que o RG esteja em bom estado de conservação e com foto que permita identificar claramente o titular.

Além disso, os brasileiros devem apresentar o Certificado de Vacinação Contra a Febre Amarela, sendo que a vacina deve ser tomada pelo menos 10 dias antes da data de embarque.

Seguro viagem para a Colômbia

Apesar de não ser obrigatório, recomendo que você contrate um seguro viagem para sua viagem à Colômbia. Aliás, esse é um cuidado que, na minha opinião, devemos ter em qualquer ocasião em que vamos sair do nosso país.

Uma boa plataforma para contratar seu seguro é a Seguros Promo. Lá você encontrará planos de diversas seguradoras que custam a partir de R$ 15,00 por dia de viagem.

Além disso, saiba que utilizando o cupom VOLTOLOGO5 você ganha 5% de desconto. E, fazendo o pagamento através de boleto bancário, pagará mais 5% a menos. Portanto, sua economia pode chegar até 10%.

Se acaso quiser fazer uma cotação online, clique aqui.

2- Melhor época para viajar a Santa Marta

Se depender do calor intenso, fique tranquilo, porque você o terá em qualquer época do ano. Afinal, raramente a temperatura em Santa Marta fica abaixo dos 25˚C.

Aliás, mesmo durante à noite é comum enfrentar sensações térmicas acima dos 30˚C.

Sobre as chuvas em Santa Marta, essas sim são mais frequentes durante uma determinada época do ano: de maio a novembro, com maior taxa de precipitação entre setembro e novembro.

De maio a gosto você até pode arriscar uma viagem, mas esteja ciente de que pode perder um dia ou outro do roteiro por conta dos aguaceiros.

De dezembro a abril é a época seca, sendo que raramente chove durante esses meses. Portanto, esta é considerada a melhor época para viajar a Santa Marta.

3- Quantos dias ficar?

Para visitar as atrações e praias urbanas de Santa Marta, dois dias inteiros são suficientes. No entanto, como esse não costuma ser o principal objetivo de uma viagem por estes lados, normalmente os viajantes passam mais tempo pela região.

Para visitar o Parque Tayrona, por exemplo, o ideal é reservar ao menos mais dois dias.

Se quiser ir a Minca, separe mais ou dia para um passeio bate-volta, ou mais dois para passar ao menos uma noite por lá.

Por fim, há aventureiro que fazem uma viagem a Santa Marta para conhecer a lendária Ciudad Pierdida. Neste caso, apenas para esta etapa do roteiro você precisará de ao menos cinco dias.

melhor época para viajar a Santa Marta
Praia em Taganga

4- Câmbio em Santa Marta

moeda oficial da Colômbia é o peso colombiano (COP).

Para sua viagem a Santa Marta o ideal é levar real ou dólar dos Estados Unidos, e trocar o seu dinheiro na cidade.

Há algumas casas de câmbio por lá e isso não será um problema. Inclusive, a cotação do real costuma ser realista.

Ainda assim, saiba que costuma haver uma boa diferença entre uma casa de câmbio de outra. Portanto, vale a pena bater-perna em busca de trocas mais vantajosas.

Mesmo o real sendo uma boa moeda para levar durante a sua viagem pela Colômbia, faça as contas com as cotações atuais antes de sair de casa.

Atualmente (novembro/2020), as cotações do peso colombiano, são:

» R$ 1,00 = 680,00 COP

» US$ 1,00 = 3.600,00 COP   

Por fim, sobre cartões de crédito, eles são bem aceitos em Santa Marta, porém, não tão comum quanto no Brasil. É comum, por exemplo, pequenos estabelecimentos não aceitarem o dinheiro de plástico ou estipularem um valor mínimo de compra. Portanto, é sempre bom verificar antes de consumir os produtos/serviços.

5- Como chegar em Santa Marta?

Avião

O pequeno aeroporto de Santa Marta (código SMR) recebe voos diários de cidades como Bogotá, Medellín e Cali.

Portanto, se acaso você estiver em alguns desses destinos antes de ir ao norte do país, ir de avião seja a melhor solução.

Aterrissando em Santa Marta, você precisará tomar um ônibus ou táxi para ir até a região central da cidade. O percurso tem aproximadamente 15 quilômetros.

A corrida de táxi custa em torno de US$ 20,00 e a passagem de ônibus US$ 2,00.

Ônibus

Essa opção é mais utilizada para quem está em Cartagena. Afinal, apenas quatro horas de estrada separam as duas cidades. 

Além de poder utilizar ônibus comuns que fazem esse percurso, outra alternativa interessante é utilizar o transporte oferecido  por hostels e agências de turismos. 

Apesar de custar ligeiramente mais caro do que os ônibus, os shuttles – como é conhecido este transfer compartilhado – tem um excelente custo-benefício.

Isso porque, a van irá te buscar no lugar em que está hospedado e o deixará na acomodação em que se hospedará na outra cidade. Assim, você não precisa ir até as rodoviárias, já que nas duas cidades elas são bem afastadas.

Também é possível ir de ônibus de Bogotá a Santa Marta, mas esteja preparado para uma viagem de aproximadamente 20 horas.

6- Hospedagem em Santa Marta

Os dois principais bairros para ficar em Santa Marta são El Rodadero e Centro, sendo que o primeiro custa um pouco mais.

O bairro El Rodadero possui a praia mais frequentada de Santa Marta, porém, é mais longe do centro histórico e dos demais acessos para outros lugares.

Ainda assim, se optar em ficar nessa região, o Calle 11 Hostel e o Hotel Bello Caribe são bastante recomendados.

Eu decidi me hospedar na parte central e gostei bastante. Há muitos bares, restaurante e supermercados por lá. Além disso, no centro você pode pegar ônibus para todos os lugares que pretende ir.

Se você está em busca de um lugar mais tranquilo e, na região central, o La Guaca Hostel possui uma reputação invejável e vale a estadia.

Para mais privacidade e conforto, sem precisar ir à falência, dois bons lugares são o Hotel Boutique Casa Carolina e o Casa del Escritor.

Ou, se acaso preferir, clique aqui e encontre outros lugares para ficar em Santa Marta.

dicas de Santa Marta
Centro da Cidade

7- O que fazer em Santa Marta?

Praias

As praias urbanas de Santa Marta não são bonitas, ou ao menos não se comparadas ao elevado nível do extenso litoral brasileiro. Portanto, não espere encontrar o mar azul e cristalino do caribe.

Para aproveitar o calor que faz na cidade a melhor maneira é ir para as ilhas ou praias que estão pelos arredores da cidade.

Parque Tayrona

Esse é um dos principais motivos de quem faz uma viagem a Santa Marta.

O parque fica a 35 quilômetros da cidade e o trajeto pode ser feito de ônibus.

Apesar de você poder ir bem cedo e passar apenas o dia por lá, eu recomendo que você fique ao menos uma noite no Parque Tayrona. Afinal,  as praias são bem bonitas e há muitas trilhas.

o que fazer em Santa Marta
Parque Tayrona

Leia também: Guia prático (e completo) para sua viagem pela Colômbia

Minca

Esse pequeno povoado fica a uma hora de Santa Marta.

Para chegar lá é necessários ir em táxis ou vans coletivas que saem do centro. É uma vila bem pequena e, por ser perto de Santa Marta, fiz um bate volta.

Se você preferir pode se hospedar por lá, há alguns hostels com preços bem parecidos com os de Santa Marta.

O principal atrativo do lugar são as cachoeiras.

Santa Marta roteiro de viagem
Cachoeira em Minca

Centro Histórico

A parte histórica da cidade pode ser percorrida em poucas horas. Apesar de não estar muito bem conservada, vale a pena conferir.

Taganga

A 20 minutos de Santa Marta, Taganga é uma vila de pescadores bem simples e tranquila. Como costuma receber muitos turistas, a orla da praia é bem estruturada com restaurantes, bares e alguns hostels.

Saindo da orla, esqueça essa estrutura e até mesmo as ruas asfaltadas.

Ciudad Perdida

Santa Marta também serve de base para que vai fazer a trilha até a Cidade Perdida.

A cidade, que algumas vezes é comparada à Machu Picchu, fica dentro do Parque Nacional Natural Sierra Nevada  e para chegar até lá é necessário fechar algum pacote com agências de turismo ou com pelo menos um guia.

Há diversas opções de trekking que vão de quatro a seis dias, e preços em torno de US$ 300,00.

3 lugares para se hospedar em Santa Marta

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Masaya Hostel Santa Marta é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o Casa del Escritor tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir um pouco mais, vale conferir as suítes do Hotel Boutique Casa Carolina.

» Se acaso preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem.

Avatar para Anônimo
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

26 COMENTÁRIOS

  1. Olá!
    Estou fazendo meu planejamento de viagem para a Colômbia desde setembro, e agora em novembro anunciaram que fecharão o Parque Tayrona no período que estarei por lá. O que mais recomenda em Santa Marta que não fique no Parque Tayrona? Quanto tempo acha que vale a pena ficar na cidade se não der para visitar o parque?

    • Oi Priscila, tudo bem?

      Poxa, que chato. O Parque Tayrona é a grande atração desta região. A cidade de Santa Marta em si não tem lá taaaantos atrativos.
      Talvez você poderia incluir Minca no seu roteiro. Fica +- perto de Santa Marta, mas não é praia. Dê uma pesquisada e veja se o vilarejo faz seu estilo…

      Se Minca não te interessar, não sei se vale a pena incluir Santa Marta sem o Tayrona…

      Abraço!

  2. Irei com minha esposa no final de outubro para Cartagena e depois San Andres, mas ela gostaria de fazer esse passeio nos golfinhos, em Santa Marta. Daria para ir de Cartagena, fazer esse passeio e retornar no mesmo dia? Obg

    Responder

      • Obg, Murilo e sobre este mergulho com os Golfinhos. Sabe informar se vale a pena? Poderíamos ficar 2 dias em Santa Marta, em vez de ir e voltar no mesmo dia. Abç

        • Então Joaquim, sobre este mergulho com golfinho eu não sei te responder pois não fiz.
          Na verdade acho que na época que fui nem ouvi falar sobre ele… rs
          =[

          Abraço!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here