Dicas e roteiros de viagem pela América Latina

Por Murilo Pagani

5 (bons) motivos para você viajar sozinho

Essa ideia de viajar sozinho nunca tinha passado pela minha cabeça até eu fazer meu primeiro mochilão. Isso porque, durante minha viagem pela Bolívia e Peru, eu e meus amigos conhecemos diversas pessoas que eram adeptas a esse estilo de viagem.

A princípio pode parecer um pouco estranho. Ainda mais para nós, brasileiros, que estamos acostumados a viajar na maioria das vezes acompanhados de alguém, seja amigos, família ou namorada (o).

Porém, nem sempre é possível conseguir companhia para aquela viagem que você tanto deseja. A não ser que você desista, o que eu realmente não aconselho, a única opção que nos resta é cair na estrada desacompanhado.

E, neste texto,  darei a você cinco bons motivos para viajar sozinho.

Leia também: Meus 11 melhores conselhos para quem vai viajar sozinho

1- Sozinho é diferente de solitário

“Nossa, mas qual a graça de viajar sozinho, sem a companhia de ninguém?”. Ouvi essa pergunta muitas vezes quando falei que iria viajar “sozinho” durante 25 dias.

É importante deixar claro que não é porque você vai iniciar sua viagem desacompanhado, que você ficará sozinho durante todo o período em que estiver viajando, a menos que você queira.

Viajar sozinho o deixará mais disposto e aberto a fazer novas amizades.

Além disso, você encontrará pessoas que assim como você, também decidiram cair na estrada sem a companhia de conhecidos e que mesmo assim estão aproveitando (e muito) a viagem.

2- Você fará apenas o que quiser e na hora que quiser

Sabe aquela discussão de onde iremos almoçar ou então a que horas vamos sair à noite, que sempre existe quando se viaja acompanhado? Isso não acontecerá.

Quando viajamos na companhia de alguém é normal ter que se chegar a um acordo, apesar de  nem sempre ser o que mais te agrada. Viajando sozinho você será o único responsável pelo que faz e pela hora que deseja fazer.

3- É uma atividade de auto-conhecimento

Esse tempo que você estiver sozinho será ótimo para pensar sobre o que você realmente gosta e o que te faz se sentir bem. Afinal, durante a nossa rotina habitual de trabalho, faculdade, amigos e mais trabalho, inevitavelmente fazemos coisas que não nos agradam muito.

Às vezes somos obrigados, outras, queremos evitar alguma discussão ou então porque queremos agradar alguém. Viajando sozinho a única vontade que importa é a sua.

Leia também: 9 dicas para você aproveitar mais sua viagem

4- Você se tornará mais responsável

Sua viagem dependerá exclusivamente de você.

Se acaso você quer ir a um lugar e não sabe como, caberá somente a você descobrir isso. Se você optou em fazer um caminho alternativo para ir à algum lugar ou então não gostou daquele restaurante que parecia ser bom, a responsabilidade é totalmente sua.

Portanto, você não poderá culpar ninguém por essas decisões.

motivos para viajar sozinho

Leia também: Viajar e suas consequências, algumas verdades que você deve saber

5- Você irá praticar muito mais outro idioma

Quando viajei com meus amigos quase nunca era o porta voz do grupo. Isso porque, ao invés de tentar praticar o bom e velho portunhol, preferia deixar essa tarefa para os que já estavam mais acostumados com a língua estrangeira.

Na ocasião em que viajei sozinho a situação foi completamente diferente. Ou eu tentava ao menos me comunicar ou então não faria absolutamente nada.

Resultado: além de aprender a me comunicar de forma mais clara e objetiva, aprendi algumas palavras em espanhol.

Ou seja, aprender praticar outro idioma – de verdade – é mas um dos vários excelentes motivos para viajar sozinho.

Evite este erro ao viajar sozinho

Não contratar um bom seguro para sua viagem é um erro do qual você não gostará de se arrepender. Ainda mais quando descobrir que ele pode custar muito menos do que você imagina.

Portanto, clique aqui e faça uma cotação online que compara os planos com melhor custo-benefício do mercado.

E, se sua viagem já estiver com as datas definidas, contrate um plano agora mesmo para não esquecer (e se arrepender) depois.

Murilo Pagani
Introvertido de carteirinha com picos de sociabilidade quando necessário ou depois de alguns goles de cerveja. Queria saber escrever bonito, mas cultivo um enorme apego à desculpa de que sou originalmente de exatas para justificar a minha falta de dedicação em combinar as palavras uma depois da outra. Espero que entenda!
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentários:
Dinha disse:

Sempre viajei só.zurich,Colômbia,Sampa,RJ,Madrid, Argentina,Paraiba e por aí vai….
Afirmo … vc nca estará só, vc retorna com um novo leque de amigos, vc retorna se conhecendo melhor, vc se sente poderos@!
N sou anti social… o contrário… mas amo viajar só!

Murilo Pagani disse:

Super de acordo, Dinha!
🙂 🙂 🙂

Abraço

Murilo, concordo com você. A grande maioria das minhas viagens faço com o Douglas, mas as vezes não bate as datas por causa do trabalho. Ou mesmo por causa do trabalho, temos que viajar sozinhos. E vale a pena.
Claro que faz falta a companhia, tem coisas que você gostaria de comentar ou compartilhar naquele momento. Mas as vezes curtir a sua própria companhia faz muito bem. Abraço

Murilo Pagani disse:

Que bom que gostou Julia!!!

🙂

Abraço

Adorei o post! Já viajei sozinha e pude experimentar tudo isso que você falou! Foi uma experiência incrível!

abraços

Murilo Pagani disse:

Que bom que gostou Camila!

Abraço!

🙂

Sirlene disse:

Achei as fotos incríveis,lugares muito lindo.

Murilo Pagani disse:

🙂 🙂 🙂

Maria Tereza Gauna disse:

Já curti muito estrada carona mas agora menos pois moro no AC agora fsço ponte aerea devido a idade e ser sozinha….bate medinho andar por ai so.

Murilo Pagani disse:

Entendo perfeitamente Maria! hehe

🙂 🙂 🙂

Abraço

Douglas disse:

Compartilho da mesma ideia. Fiz minha primeira viagem sozinho ano passado pelo BR mesmo, e foi uma das melhores decisões que tive. Tanto que estou embarcando num mochilão sozinho pela América do Sul daqui alguns meses, sem previsão de volta. Acho que o medo sempre existe, mas o jeito é ir com medo mesmo. Acho que nessas viagens mais do que conhecer os lugares por onde passa, é sobretudo conhecer a si mesmo.
Abraço!

Murilo Pagani disse:

🙂 🙂 🙂

sandra disse:

pretendo fazer uma dessas viagens ja estou anciosa antes mesmo de começar gostei das dicas obrigada

MuriloPagani disse:

Que bom que gostou Sandra!
xD