COMPARTILHAR

ATENÇÃO

Seguro viagem com até 10% de desconto!!!

Contratando seu seguro com a SegurosPromo através deste link , basta aplicar o cupom VOLTOLOGO5 que você ganhará 5% de desconto
E se o pagamento for em boleto bancário você ganha mais 5% 

»»» Clique aqui e faça uma cotação online agora mesmo!

equador Equador e Chile são os dois únicos países sul- americanos que não fazem fronteira com o Brasil. Enquanto isso não parece ser um problema para que muitos brasileiros conheçam o Chile, não se pode dizer o mesmo sobre o Equador. São poucos de nós que conhecem esse pequeno país localizado entre a Colômbia e Peru.

Ah, e não sou apenas eu que penso dessa maneira, a frase que mais escutei dos equatorianos quando falava que sou brasileiro foi: “Porque os brasileiros não viajam pelo Equador?”. 

Não sei. Talvez seja pelo preço das passagens aéreas que não são dos mais convidativos, ou então por falta de conhecimento sobre o país. Porém, com um pouco de pesquisa e planejamento, esses argumentos vão por água abaixo.

Um roteiro de viagem pelo Equador te provará na prática aquele velho ditado de que tamanho não é documento. Apesar de pequeno, o território equatoriano possui os mais diversos tipos de paisagens como ótimas praias, vulcões, montanhas, cidades históricas e até mesmo parte da floresta Amazônica. Junte tudo isso com o fato do Equador ser um dos países mais baratos para mochilar na América do Sul e você terá uma viagem inesquecível.

Quando ir

De um modo geral os meses de seca no Equador são de junho a setembro.  Quito possui uma temperatura média anual de 13 graus, estive lá em outubro e novembro e a rotina foi: sol de manhã, chuva a tarde e frio de noite. No litoral o clima já é bem mais quente e chove mais nos meses de fevereiro e março.

Altitude: Lembre-se que algumas cidades estão muito acima do nível do mar. Quito, por exemplo, está a mais de 2.800 metros de altitude. Se a sua intenção é fazer tours em vulcão, poderá chegar facilmente a mais de 4.000 metros. É importante aclimatar-se antes de fazer atividades físicas nessas condições.

turismo pelo Equador
Laguna Quilotoa

Visto e Vacinas

Brasileiros não precisam de visto para viagem de turismo por até 90 dias, e é possível entrar no país apenas com carteira de identidade nacional (RG) em bom estado. É obrigatório apresentação do Certificado Internacional de Vacina Contra Febre Amarela.

Principais destinos turísticos no Equador

A maior cidade equatoriana não é a capital Quito, mas sim Guayaquil. Ambas merecem sua visita. Além de servir como ótima base para conhecer o litoral Norte e cidades como Otavalo e Baños, Quito possui inúmeras atrações a serem visitadas. Já Guayaquil, será a porta de entrada para as praias do litoral Sul, como a badalada Montañita.

Cuenca, uma cidade com aproximadamente 300 mil habitantes é a terceira maior do país e possuí um centro histórico muito bem preservado, três dias são suficientes para conhecer essa bela cidade.

Para os que podem gastar um pouco mais o Arquipélago de Galápagos é uma atração e tanto.

mochilao Equador
Cuenca

Leia também: Cuenca, um destino imperdível no Equador

Viajando pelo país

Passagens de ônibus são baratas no Equador. De uma maneira geral o custo é de US$ 1,00/ hora de viagem. Para percursos mais turísticos esse valor pode chegar a US$ 2,00/ hora. Não é necessário comprar passagens com antecedência, há muitas saídas durante o dia para as principais cidades. Basta chegar no terminal rodoviário e comprar a passagem para o próximo horário.

Após sair da rodoviária, muitas vezes os motoristas ficam dando voltas em busca de novos passageiros caso o ônibus não esteja lotado. Vendedores ambulantes entrarão nos ônibus vendendo de comida a CDs.

⇒ ⇒ ⇒ Tempo de viagem entre as principais cidades

Quito ↔ Baños: 4 horas

Quito ↔ Latacunga: 1:30 horas

Quito ↔ Otavalo: 2 horas

Quito ↔ Cuenca: 9 horas

Quito ↔ Guayaquil: 8 horas

Cuenca ↔ Ambato: 7 horas

Ambato ↔ Baños: 1 hora

Guayaquil ↔ Montañita

Guayaquil ↔ Cuenca: 5 horas

viagem e turismo no Equador
Guayaquil

Leia também: Baños, muita aventura no Equador

Dinheiro

Em janeiro de 2000, o Equador substituiu o sucre pelo dólar americano como uma maneira de tentar controlar a inflação do país – e o dólar segue até hoje.

Caixa eletrônicos  são facilmente encontrados em grandes cidades, porém em cidades menores já não é garantido, o melhor é levar dinheiro em espécie. Se você for levar dólar, opte por notas menores de US$ 50,00, as de 100 e 50 não são muito fáceis de trocar em comércios a não ser que você gaste boa parte desse valor.

Quanto custa viajar pelo Equador ?

Como já mencionei acima, o Equador é um dos países mais baratos para viajar na América do Sul. Meus gastos básicos como alimentação, hospedagem e transporte público raramente passava dos US$ 20,00/ dia. Passeios que duram o dia inteiro custam em média US$ 40,00, e muitos deles já incluem almoço.

O prato do dia é chamado de “almuerzo” e “merienda” (na hora do almoço e jantar respectivamente) e custa de dois a três dólares. Esse valor inclui sopa de entrada, prato principal (arroz, carne e salada), um copo de suco e às vezes um doce ou fruta de sobremesa.

Abaixo os preços de alguns itens que todo viajante cosruma consumir.

  • Hospedagem em quarto compartilhado: US$7,00/ noite
  • Almoço, “almuerzo” ou “merienda” (opção do dia): US$3,00
  • Almoço, prato “diferenciado” (sem ser a opção do dia): US$5,00 a US$7,00
  • Garrafa de água 600 ml: US$0,40
  • Empanada: US$0,50
  • Passagem de transporte público: US$0,25
  • Cerveja long neck em supermercados ou na rua: US$0,70
  • Cerveja long neck na balada: US$2,00
  • Táxi: Outra coisa bem barata, uma corrida de quinze minutos irá te custar de 3 a 5 dólares. Os táxis não possuem taxímetros, portanto negocie o preço antes de entrar no carro.

⇒ ⇒ ⇒ NOTA: Os preços indicados nesse post são referente ao mês de novembro/2014


QUER AJUDAR O BLOG SEM PRECISAR GASTAR UM ÚNICO CENTAVO POR ISSO?

Ao reservar os serviços dos nossos parceiros através dos links, banners e caixas de pesquisa que estão aqui no blog, nós ganhamos uma pequena comissão e VOCÊ NÃO PAGA ABSOLUTAMENTE NADA A MAIS POR ISSO.

Confira as dicas de como pesquisar e reservar sua hospedagem através do Booking.com

Compare e contrate seu seguro viagem através da Real Seguros


Ficou com alguma dúvida ou tem outras dicas sobre viagem e turismo pelo Equador? Deixe um comentário abaixo!

Esse post te ajudou ou foi útil de alguma maneira? Curta e compartilha clicando nos botões abaixo. Não custa nada e é uma forma de sabermos se você está gostando do nosso conteúdo. Além de deixar um blogueiro muito feliz! xD

COMPARTILHAR
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

23 COMENTÁRIOS

  1. Olá! Gostei muito das suas dicas. Parabéns!
    Estou planejando viagem para o Equador. Recentemente visitei o Peru e fiquei encantada. Já conhecia Chile e parte da Argentina.
    Quero saber sua opinião sobre os deslocamentos entre as cidades no Equador… terrestre ou aéreo entre as principais? como ajeitar o roteiro da melhor forma para não perder as principais atrações?

  2. OLÁ, EU VOU EM jUNHO, VOU FICAR EM hOTEL, PQ hOSTEL FICA DIFICIL SABER A SEGURANÇA NÉ?
    Quando fui para o Peru fiquei em hostel, mas essa viagem vou sozinha, fico com receio, o que acha?

    Quanto levo em dolar??
    Amei suas dicas, obrigada!! beijos

    • Oi Juliana,
      Nunca tive problemas em hostel, mas se você não se sente segura talvez seja melhor ficar em um quarto privado mesmo…

      Sobre $$$, depende muito de quanto tempo vai ficar e do seu estilo de viagem!!!
      Da uma olhadinha nos valores que indiquei no post que pode ser que ajude!

      Abraço

  3. Olá Murilo!
    Lí aqui que você decidiu viaja e trabalhar pela América Latina, esse é o meu sonho e o melhor momento para realizá-lo. Por onde me indicaria começar, já que terei que trabalhar para ajudar nas despesas de moradia.
    Obrigada.

    • Olá Nilva,

      Uma ótima forma de não ter gastos com hospedagem é fazendo trabalho “voluntário” em hostels.
      Você troca algumas horas do seu dia, normalmente de 4 a 6, e recebe hospedagem e alimentação em troca!
      Cada lugar possui suas próprias regrinhas!

      Duas plataformas para encontrar esse tipo de trabalho são a Workaway e a Worldpackers.

      Abraço

  4. adorei as informações para quem quer viajar a turismo, mas você saberia me dizer sobre morar la?Melhor cidade no litoral custo x beneficio. Como alugueis e taxas. TV e internet.? obrigada

  5. Caro Murilo,
    Legais tuas dicas!

    Viajo na próxima semana ao Equador.

    Sobre a receptividade dos equatorianos conosco (brasileiros), o que diz?

    E as precauções, relativas à segurança de quem viaja sozinho, precisam ser extremas?

    Desde já, muito obrigado!

    • Oi Caio, que bom que bom que gostou!

      Achei os equatorianos, de um modo geral, bem reservados. Mas isso não quer dizer que não são receptivos, apenas uma característica deles.
      Sempre que precisava de alguma informação, por exemplo, eles estavam mega dispostos em ajudar.
      E sempre que dizia que era brasileiro eles já se animavam em conversar, saber porque quase não visitamos o país deles…

      Não tive nenhum problema em relação a segurança… Viajei durante 20 dias e foi beeem tranquilo.
      Apenas fique atento em cidades grandes e em lugares com muita gente (mas isso vale pra qualquer lugar né?!) hehehe

      Abraço

    • Gostaria de saber como faço para morar em outro país,sou militar da reserva,aposentado,seria muito difícil?
      Quito me pareceu um lugar ótimo e tranquilo,moeda é o dólar,e comprar uma moradia é caro por lá? e qual a faixa de salário boa pra se viver lá sem sufoco.
      Grato.

      • Olá Hildebrando!

        Então, viajei pelo Equador somente a turismo…
        Muitos países emitem um visto Mercosul, que você tira aqui no Brasil mesmo… Não tenho certeza se o Equador possui essa categoria de visto.
        Normalmente ele tem validade de 2 anos e permite que você trabalhe legalmente em outro país.

        Quito realmente é uma cidade bem interessante, mas infelizmente não sei te informar sobre preços de moradia e salário…

        =/

        Abraço

  6. Oi, boa tarde!
    Achei muito interessante o espaço; se não fosse ele eu talves teria problemas. em setembro faço uma viagem pro ecuador, e nem suspeitava que era obrigatorio a vacina contra febre amarela… agora so não sei onde pego esse certificado internacional de vacinação; pois moro em Marabá – PA.

    • Oi Eraldo!

      Pois é… Apesar de nem sempre pedirem na hora da imigração, é um documento obrigatório.
      Ou seja, se eles pedirem e você não tiver, terá problemas!

      Muitos aeroportos emitem o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP).
      Caso não exista nenhum posto de saúde que faça esse serviço na sua cidade, provavelmente você terá que fazer
      em algum aeroporto.

      Nesse post, o pessoal do 360 meridianos ensinam como tirar o certificado.
      http://www.360meridianos.com/2014/12/cartao-de-vacinacao-internacional.html

      Entra no site da ANVISA também! Eles tem muitas informações lá e podem te ajudar!

      Abraço,
      Murilo

  7. Ótimas dicas, muito obrigada! Estou estudando e me planejando para primeiramente viajar, e logo após ir morar no Equador. Essas dicas com certeza me ajudaram muito e reafirmou minha certeza de que quero ir para lá.

  8. * Para evitar comentários spans (falsos), solicitamos que ao deixar sua mensagem você também preencha um campo com seu nome e e-mail.
    Mas não se preocupe, pois estas informações estão seguras e seu e-mail não será exibido e nem compartilhado com outras pessoas!
    Para mais informações clique aqui para ler a nossa Política de Privacidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here