tour em paratyToda cidade tem sua própria história, seja ela qual for. E, na minha opinião, conhecer um pouco sobre o passado do destino que estou visitando é uma excelente forma de começar uma viagem. Ainda mais quando esse lugar teve grande relevância na história do nosso país, que é exatamente o caso de Paraty e de muitas outras cidades históricas brasileiras.

Caminhar pelas ruas de pedra, observar as construções coloniais, e até, presenciar a alta da maré, passa a ter um significado completamente diferente depois de ter aprendido um pouco sobre a história de Paraty. Não que isso seja obrigatório para que você se encante com o charme dessa cidade, mas acredite, faz muita diferença.

Leia também: 7 hostels em Paraty que realmente valem a pena

Uma ótima forma para você conhecer o centro histórico de Paraty

Parati ou Paraty? Responda rápido e sem consultar o Google qual é a forma correta de se escrever e, qual a forma que os moradores gostam de utilizar? Nosso tour pelo centro histórico de Paraty começou com essa observação sobre o nome da cidade, que por sinal, foi nomeada assim devido a grande quantidade de peixe branco (parati) que havia nessa região.

Ainda na Praça da Matriz, ponto onde começa o tour, a guia Luana nos contou algumas curiosidades sobre a Igreja de Nossa Senhora dos Remédios. Como por exemplo, o porquê dela não possuir uma torre de sino e os possíveis símbolos de maçonaria que há na construção.

tour em Paraty

Leia também: Onde ficar em Paraty | Os melhores bairros, hostels e pousadas

Aliás, quando se fala da história de Paraty, é impossível não mencionar a influência maçônica que existe pelos mais diversos cantos da cidade. Alguns símbolos relacionados a esse grupo e que também estão presentes em Paraty, são as esquinas com pedra lavrada e que formam o triângulo maçônico, a proporção dos vãos entre as janelas que formam um retângulo áureo na concepção maçônica, além do tradicional compasso, esquadro e da letra “G”, que estão na entrada da cidade. Outra referência muito forte na cultura da maçonaria é o número 33, e em Paraty, ele está presente desde a quantidade de quarteirões a detalhes arquitetônicos.

Sobre a arquitetura, a Luana ainda nos explicou durante o passeio qual o motivo de apenas algumas casas serem mais altas do que outras, o porquê das grandes portas, e a principal razão pela qual as casas são tão parecidas.

passeios e tour em Paraty

Leia também: 7 coisas que você não pode deixar de fazer em Paraty

A segunda igreja que conhecemos durante o passeio foi a Igreja de Nossa Senhora das Dores, muito próxima à casa que pertence ao príncipe português João Henrique de Orléans e Bragança. Nessas duas construções pudemos observar diversos detalhes que representam a presença dos portugueses em território brasileiro.

passeios em Paraty
A casa o príncipe

Leia também: Guia prático (e completo) para sua viagem em Paraty

Continuamos nossa caminhada pelas ruelas do centro histórico de Paraty , e quando estávamos indo em direção ao cais e da Igreja Santa Rita de Cássia, tivemos que acelerar o ritmo pois a maré estava começando a subir. Mesmo em um momento de mudança de rota, descobrimos que apesar da maré alta ser um tanto quanto inconveniente nos dia de hoje, ela tinha uma função bastante nobre no passado.

Já na reta final do nosso passeio pelo centro histórico de Paraty passamos em frente a lugares como o antigo presidio da cidade, a igreja Nossa Senhora do Rosário e São Benedito e da Casa da Cultura. Encerramos o tour na Praça do Chafariz, bem perto da Praça da Matriz que foi onde começamos.

Leia também: Top 5 | As melhores pousadas em Paraty

Informações sobre o Free Walking Tour em Paraty

⇒ Quando: Todos os dias, exceto quarta- feira
⇒ Que horas: Há dois grupos por dia, um às 10h30 e o outro às 17hs
⇒ Ponto de Encontro: Praça da Matriz (não é necessário agendamento, basta comparecer)
⇒ Duração: Aproximadamente 2 horas
⇒ Valor: Contribuição voluntária (normalmente os participantes contribuem com algo entre R$20,00 e R$30,00. Porém, não há valor mínimo e definitivamente não há valor máximo).
⇒ Site oficial: Free Walker Tours Paraty
⇒ Fanpage: @paratyfreewalkingtour

 

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

8 COMENTÁRIOS

  1. Paraty para mim é sem dúvidas o lugar mais completo para turismo no Rio de Janeiro. Lindas cachoeiras, praias e serras. O centro histórico é lindo demais e eu sugiro pra quem tiver tempo de conhecer o Saco do Mamanguá, a Praia do Sono e a Cachoeira da Melância roteiros pouco explorados em Paraty. Parabéns pelo post abs

  2. Parabéns e obrigada pela materia. Fiz o tour há alguns dias, citei o blog, e o guia Juan disse que vários viajantes já comentaram sobre ele.
    Boa sorte!!!

  3. * Para evitar comentários spans (falsos), solicitamos que ao deixar sua mensagem você também preencha um campo com seu nome e e-mail.
    Mas não se preocupe, pois estas informações estão seguras e seu e-mail não será exibido e nem compartilhado com outras pessoas!
    Para mais informações clique aqui para ler a nossa Política de Privacidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here