Praias de Paraty: Descubra como são algumas das principais praias da cidade-histórica, e descubra quais delas vale a pena você incluir no seu roteiro de viagem.
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Embora a arquitetura colonial seja um destaque e tanto entre as dezenas de atrações da cidade histórica mais famosa do Rio de Janeiro, é impossível organizar uma viagem e não querer aproveitar também as praias de Paraty. O que é compreensível, afinal, o mar por estes lados rende passeios privilegiados.

E engana-se quem pensa que o destino tem poucos pedaços de areia a disposição. Apesar das praias mais atraentes ficarem afastadas do centro-histórico de Paraty, é possível dedicar ao menos três dias inteiros somente para se encantar com a costa da cidade.

Porém, como sei que nem todos os viajantes têm tanto tempo disponível, neste post vou te contar o que você pode esperar das principais praias de Paraty.  Entenda que essa não é uma lista com as melhores praias da cidade. Apesar de muitas delas poderem encabeçar facilmente uma lista deste tipo, o que irei compartilhar a seguir são minhas impressões de cada um dos lugares que já conheci por lá.

Leia também: 7 coisas que você não pode deixar de fazer em Paraty

# Praias de Paraty

Confira no mapa abaixo a localização das praias de Paraty que serão indicadas neste texto. Para mais detalhes sobre cada uma delas basta ler o post até o final.

1- Praia do Jabaquara

A Praia do Jabaquara é uma das praias centrais de Paraty e que se encontra a uma curta caminhada do centro-histórico – cerca de 20 minutos andando. Porém, apesar do fácil acesso, ela não é nem de longe uma das melhores praias de Paraty.

Ainda assim, há quem se banhe nas suas águas que nem sempre são lá muito limpas, ou aproveite um fim de tarde em algum dos seus vários quiosques à beira-mar – aliás, para mim o passeio só vale a pena pela boa estrutura pé na areia.

De qualquer forma, não se preocupe em reservar um espaço no seu roteiro para a praia. Passe por lá apenas se estiver com tempo de sobra, ou caso decida se hospedar por essa região.

Apesar do mar pouco aproveitável, o bairro Jabaquara possui pousadas com excelente custo-benefício e oferece uma boa estrutura para os turistas. Lembre-se, porém, que você não estará grudado no centro-histórico.

Por aqui, vale consultar as ofertas da Pousada Aquarium Beach, Planeta Banana B&B ou do Canguru Hostel.

Parai do Jabaquara, em Paraty, no Rio de Janeiro
Praia do Jabaquara

Leia também: Os melhores lugares para ficar em Paraty

2- Trindade

Localizada a 25 quilômetros do centro da cidade, a vila de Trindade é um dos destinos mais concorridos pelos viajantes que querem aproveitar as praias de Paraty. Inclusive, é um lugar que sempre faço questão de voltar.

Praia bacana, fácil acesso apesar de distância e ambiente perfeito para um dia de frente para o mar – você encontrará tudo isso em Trindade.

Quem estiver de carro não terá a menor dificuldade para chegar até lá e poderá deixar o veículo em algum estacionamento. Para os desmotorizados, há uma linha de ônibus que sai de hora em hora da rodoviária de Paraty rumo a Trindade – basta descer no ponto final que você estará a uma quadra da praia.

Na minha opinião, é perfeitamente viável – e até mais bacana – conhecer a vila por conta própria. Além de poder visitar as diversas praias no seu ritmo, tenha em mente que Trindade é pequena. De ponta a ponta sua faixa de areia principal – que começa na Praia do Cepilho e vai até a Praia dos Ranchos – possui menos de dois quilômetros de extensão. Caminhando um pouco mais se chega à Praia do Meio, e, a partir desta, é possível começar a trilha que vai à Praia do Cachadaço, piscinas naturais e pedra que engole.

Para se hospedar em Trindade as dicas são: Pousada Cachadaço, Pousada Canto da Cachoeira e Ti Hostel Trindade.

praia de Trindade, perto de Paraty
Praia do Meio, em Trindade

3- Praia do Sono

Selvagem e hospitaleiro, assim é o ambiente que você encontrará na Praia do Sono. Considerada por muitos a melhor praia de Paraty, para chegar lá é preciso enfrentar um trilha de três quilômetros percorrida em aproximadamente uma hora, ou então fazer o deslocamento de barco (aproximadamente R$ 30,00 o trecho. Sim, caro!).

Independente de qual seja a sua escolha, a primeira parada é o Condomínio das Laranjeiras, que é de onde saem os barcos e de onde se inicia a trilha. Atente-se, porém, que os pontos de partida não são os mesmos. Se estiver de carro peça instruções na portaria do condomínio, ou se for de ônibus – use a linha Vila Oratório – é só avisar o motorista onde deseja descer (se for pela trilha é o ponto final!).

Uma vez na Praia do Sono, além de curtir seu visual paradisíaco é possível fazer uma trilha para a Praia dos Antigos, que rende uma vista panorâmica da própria Praia do Sono – vale a pena!

Durante a alta temporada é comum encontrar muitos quiosques a disposição na praia. Já durante a baixa é bom garantir e levar ao menos um pouco de água e uns lanchinhos para enganar a fome.

Quem quiser passar alguns dias neste paraíso a Praia do Sono possui alguns campings e quartos para alugar. Tenha em mente, no entanto, que toda a estrutura na praia é bastante simples.

Praia do Sono, uma das melhores em praias de Paraty
Praia do Sono

Leia também: 3 cachoeiras em Paraty que (talvez) valem a visita

4- Praia da Lula

A Praia da Lula é, para mim, a parada que faz o tradicional passeio de escuna em Paraty valer a pena. Acessada somente de barco, é àquele tipo de lugar que conquista logo de longe quando ainda estamos na embarcação: areia clarinha, mar calmo e esverdeado, além de uma vegetação abundante que ajuda a compor um cenário pra lá de fotogênico.

Sem dúvida alguma é uma das mais belas praias de Paraty. O inconveniente, porém, é que como ela é uma parada comum dos passeios de escuna, dificilmente você irá encontrá-la completamente vazia.

Praia da Lula, em Paraty, no Rio de Janeiro
Praia da Lula

5- Praia de São Gonçalo

A trinta quilômetros do centro de Paraty, sentido Angra dos Reis, a Praia de São Gonçalo é uma boa pedida para quem gosta de praias com uma estrutura legal a beira mar, mas nem por isso quer ficar num ambiente completamente urbano.

Com uma extensa faixa de areia, mar quentinho e com pequenas ondas, a praia oferece ainda um riacho com água doce – aliás, prepare-se para atravessá-lo para chegar à praia.

Para quem for pra passar o dia, há uma boa oferta de quiosques para comes e bebes de frente para o mar.

Outra possibilidade é incluir também no seu itinerário a travessia de barco até a Ilha do Pelado. Basta chegar à Praia de São Gonçalo você certamente será abordado por barqueiro que fazem este transporte.

Apesar de não ter visitado a ilha, quem já foi garante que suas águas são um tanto cristalinas e o visual estonteante. Apenas vá preparado para gastar mais $$$ nos comes e bebes.

Praia de São Gonçalo, em Paraty, dicas
Praia de São Gonçalo, em Paraty
melhores praias de Paraty - São Gonçalo
Riacho para chegar à Praia de São Gonçalo

Leia também: 10 pousadas baratas em Paraty

6- Praia de Paraty-Mirim

Outro lugar para incluir no seu roteiro pelas praias de Paraty é Paraty-Mirim, que fica a quinze quilômetros distantes do burburinho central. Para chegar lá com o transporte público basta utilizar a linha de ônibus Paraty-Mirim, apenas consulte os horários antecipadamente porque não há muitas saídas por dia.

Assim como a Praia de São Gonçalo, Paraty-Mirim faz o tipo praiona ideal para passar o dia, e com um quiosque que fornece cadeiras e guarda-sol, além de quitutes a beira-mar, claro!

Além disso, Paraty-Mirim também é o ponto de partida para quem quer explorar as belezas do Saco do Mamanguá. Chegando na praia é comum que barqueiros ofereçam seus serviços para levar os viajantes à lugares praticamente desertos, com areia clara e água verdinha.

Ainda que você não queira fazer nenhum passeio de barco, Paraty-Mirim é um lugar que vale a visita e rende um ótimo dia à beira-mar.

Paraty Mirim
Praia de Paraty-Mirim

7- Praia Grande do Saco do Mamanguá (e outras da região!)

Apesar de indicar a Praia Grande neste texto, pelo simples fato dela ter sido a minha favorita durante um passeio de barco, saiba que o Saco do Mamanguá possui dezenas de refúgios que poderiam facilmente ocupar um espaço nas listas de melhores praias de Paraty.

Para quem curte passeios de barco – no caso lanchas rápidas – fazer um tour pelo Saco do Mamanguá é uma escolha certeira. Além da Praia Grande, outras que costumam entrar num passeio por estas bandas é o Saco da Velha, Praia do Engenho e Praia do Cruzeiro – essa última trata-se do ponto de partida para a trilha do Pico do Pão de Açúcar.

Os barqueiros costumam ser bastante flexíveis quanto aos pontos de paradas. Como esse é um passeio privado para poucas pessoas, você pode tanto aceitar as sugestões do próprio barqueiro como também indicar lugares que gostaria de conhecer. Tudo é negociável, do preço ao roteiro.

Para conhecer as praias do Saco do Mamanguá é só ir direto a Paraty-Mirim, e lá negociar o serviço com algum barqueiro. O valor cobrado costuma depender do número de pessoas, e o ideal é que você já esteja com um grupo que pretende fazer o passeio.

No entanto, se você estiver sozinho – eu mesmo estava – a dica é ir para Paraty-Mirim e se enturmar com outras pessoas que também estejam sozinhas. No meu caso, acabamos formando um grupo de cinco pessoas (eu + duas amigas + duas amigas) e o barqueiro fez o passeio por R$ 450,00. Ou seja, R$ 90,00 para cada um.

Outra possibilidade é contratar o tour oferecido por algumas agências do centro-histórico. Neste caso, porém, o preço por pessoa tende a ser mais alto e o roteiro do passeio é definido previamente estabelecido.

Praia Grande do Saco do Mamanguá, em Paraty
Praia Grande do Saco do Mamanguá

+ Dicas sobre as praias de Paraty

Para os praieiros de plantão, a boa notícia é que há ainda outras praias para conhecer em Paraty. Uma que ainda não visitei mas que costuma ser bastante frequentada é a Praia do Iriri.

Além disso, uma boa pedida para quem estiver de carro é seguir em direção a Angra dos Reis e ir parando ao longo do caminho. Há muitas praias de diferentes estilos que podem agradar boa parte dos viajantes.

Caso tenha outras dicas de praias de Paraty ou tenha ficado com alguma dúvida me conte aí nos comentários! 🙂  

3 lugares para se hospedar em Paraty

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Che Lagarto é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, a Pousada dos Contos tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir um pouco mais, vale conferir as suítes da Pousada Jardim dos Oliveiras.

» Se preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em Paraty

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

10 COMENTÁRIOS

  1. Sou louca para conhecer Paraty e já está nos planos de viagens para o próximo ano. Este ano estive tão pertinho de lá, na Praia do Prumurim em Ubatuba, mas acabou faltando tempo, afinal, é sempre bom focar em um só lugar e no caso um bate e volta iria ficar muito corrido. Melhor ir com mais tempo né 🙂 Abraços

  2. Eu visitei Paraty, há quase 20 anos. Sempre que leio alguma coisa de lá, me parece que pouco mudou, o que acho sensacional!

    Não visitei quase nenhuma destas praias. Apenas Trindade, onde passei o dia. Lembro que fui de busu, que estava nublado e que almoçamos na praia depois de fazermos algumas trilhas. Um lugar lindo. Não sei se pela época, ou se pelo tempo, mas só eu e uma amiga estávamos por lá neste dia.

    Fiz também um passeio de barco para uma praia que não tenho ideia do nome. Fiquei lendo suas descrições e observando as imagens, mas confesso que não consegui descobrir qual foi. Só lembro que também estava meio vazia. 🙂

    Deu saudades de Paraty! 🙂

  3. São muitas praias em Paraty para visitar!!! Já conheci algumas e fiquei com vontade de voltar para ir na Praia do Sono e no Saco de Mamanguá. Que paraísos!!! Em Trindade recomendo tentar ir em dia de semana para conhecer as piscinas naturais vazias.

  4. Estive em Paraty há pouco tempo e amei! Fui em Trindade e fiz um passeio de barco que, entre outros lugares, passou pela Praia da Lula. Mas faltou muito lugar dessa lista pra eu conhecer, preciso voltar! rs

  5. * Para evitar comentários spans (falsos), solicitamos que ao deixar sua mensagem você também preencha um campo com seu nome e e-mail.
    Mas não se preocupe, pois estas informações estão seguras e seu e-mail não será exibido e nem compartilhado com outras pessoas!
    Para mais informações clique aqui para ler a nossa Política de Privacidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here