COMPARTILHAR

ushuaia Apesar dos chilenos contestarem e não serem de acordo com essa fama, não tem jeito – é a argentina Ushuaia que é mundialmente conhecida como “La ciudad del fin del mundo”. Os chilenos não contestam sem nenhum fundamento, muito pelo contrário. Na verdade, a cidade mais austral do mundo é a chilena Puerto Willians, porém, os argentinos alegam que a cidade não passa de um vilarejo com uma única função portuária.

Discussões a parte, sendo ou não a cidade mais ao sul do planeta, Ushuaia merece sua atenção na hora de você montar seu roteiro pela Patagônia. A cidade é extremamente turística, mas nem por isso deixa de ser um lugar atraente. Uma curta caminhada pelo centro te mostrará que não faltam opções de restaurantes, bares, agências de turismo e hospedagens.

No assunto belezas naturais, Ushuaia dificilmente decepciona os viajantes. São várias opções que é difícil escolher o que fazer primeiro. Mas como tudo que é bom tem seu preço, prepare-se, pois essa região não costuma ser muito amiga dos mochileiros econômicos.

# Quando ir

Para os amantes do sol e calor sinto lhes informar que em Ushuaia não tem muita escapatória, mesmo durante o verão é bom estar preparado para os dias frios. Durante todo o ano é ele quem da as caras em Ushuaia.

No verão a temperatura média fica em torno dos 10 °C, já no inverno cai para 2 °C. Acrescente a isso o vento gelado que está sempre presente, e a sensação térmica será muito menos.

Por conta disso, a alta temporada por lá é durante o verão – de fim de novembro ao começo de abril mais ou menos. Nessa época os dias são bem longos, e é comum ter claridade natural até às 22 horas.

O inverno é a época para os amantes da neve. Como vantagem você encontrará melhores preços, a cidade estará mais tranquila e caso queira praticar esportes na neve, essa é a época ideal. Em contrapartida, muitos hostels e restaurantes fecham as portas nessa época diminuindo a oferta. Linhas de ônibus também sofrem uma queda.  Os dias são mais curtos, muitas vezes às 16 horas  a escuridão já tomou conta da cidade.

glaciar martial

Leia também: 12 cidades que você precisa conhecer na Argentina

# Onde ficar

Tudo que você precisa está na região central da cidade, foi lá onde eu fiquei hospedado e gostei bastante. Há muitas opções, de hostels simples a hotéis luxuosos. Fiquei hospedado no Free Style e recomendo.

Esse hostel não é a opção mais barata, mas tem um ótimo custo beneficio. Os dormitórios são espaçosos, a cozinha bem equipada, staffs atenciosos, boa área comum, banheiros limpos e o mais importante: ótimo sistema de aquecimento.

Outros hostels bem cotados são os  Hostel Yakush e o La Posta Hostel. O primeiro está bem no centrinho de Ushuaia. Já o segundo fica mais afastado, cerca de 2,5 quilômetros.

Já quem prefere a privacidade e o conforto de pousadas, as La Casa en Ushuaia B&B e a Nahuel en Ushuaia fazem a linha simples, aconchegante, e que dificilmente decepcionam.

>>> Confira outras ofertas de hospedagem em Ushuaia

# O que fazer em Ushuaia

>>> Isla Martillo

Um dos passeios mais tradicionais em Ushuaia é visitar a Isla Martillo, também conhecida como Pinguinera. Esse passeio só pode ser feito em tours específicos e com a única agência autorizada a visitar o local, a Piratour. A pequena ilha abriga mais de mil pinguins durante os meses de outubro a abril.

pinguinera ushuaia

isla martillo

>>> Glaciar Martial

Um passeio que é relativamente perto do centro de Ushuaia e não precisa fechar com nenhuma agência ou guia. Cercado de belezas naturais, você pode chegar ao ponto mais alto do parque através de caminhadas ou teleférico.

glaciar martial

>>> Parque Nacional Tierra del Fuego

Um parque gigante, com muitas opções de trilhas, mirantes, lagos e paisagens incríveis. Apenas a 11 km de Ushuaia, é aqui que você pode andar no famoso “Trem del fin del mundo”, uma réplica que anda pelos mesmo trilhos do trem usado a mais de cem anos para transportar presidiários que iam trabalhar na floresta.

parque nacional tierra del fogo

Leia também: El Chalthén | Trilhas na Patagônia argentina

>>> Canal Beagle

O passeio pelo Canal Beagle costuma ser um dos mais procurados em Ushuaia. A bordo de um catamarã, o tour tradicional inclui visitas a Isla Pajaro, Isla Bridge e ao Farol do fim do mundo.

>>> Cerro Castor

Que tal começar a esquiar nas pistas mais austral do mundo? O Cerro Castor possui uma das temporadas de esqui mais longas da América do Sul devido a sua localização estratégica. Possui pistas de todos os níveis e a cada ano recebe mais e mais turistas do mundo todo.


QUER AJUDAR O BLOG SEM PRECISAR GASTAR UM ÚNICO CENTAVO POR ISSO? 

Utilizando os serviços dos nossos parceiros através dos links, banners e caixas de pesquisa que estão aqui no blog, nós ganhamos uma pequena comissão e VOCÊ NÃO PAGA ABSOLUTAMENTE NADA A MAIS POR ISSO.

Confira as dicas de como pesquisar e reservar sua hospedagem através do Booking.com

Compare e contrate seu seguro viagem através da Real Seguros


Tem outras dicas de Ushuaia??? Me conta aí nos comentários!!! 🙂

Esse post te ajudou ou foi útil de alguma maneira? Curta e compartilha clicando nos botões abaixo. Não custa nada e é uma forma de sabermos se você está gostando do nosso conteúdo. Além de deixar um blogueiro muito feliz! xD

COMPARTILHAR
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá Murilo!
    gostei muito do seu blog cara, parabéns.
    Dúvida: você foi a parque tierra del fuego? queria saber se tem ônibus ou transporte pra lá por conta, ou se precisa contratar passeio com agências e etc.
    abç!

    • Faaala Rafael, tranquilo!?

      Eu fui com um transfer desses que hostels e agências oferecem, sabe!?

      Se não me engano há uma único horário de transporte público saindo de Ushuaia para o parque… mas sinceramente não me lembro muito bem!

      Essa foi uma das minhas primeiras trips, e quando fiz, não tinha o blog ainda! hahhaa
      Espero que entenda!

      Abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here