Por onde começo a montar um roteiro de mochilão pela América do Sul? Quais países você recomenda? Quantos dias devo ficar em cada lugar?

Essas são algumas das principais perguntas que recebo de vocês, leitores do Volto Logo. Seja por e-mail, nos comentários no final do post ou até mesmo em grupos do Facebook, essas dúvidas parecem tirar o sono de muita gente que quer viajar pela América do Sul.

O que é perfeitamente compressível. Afinal, são 13 países, muitos anos de história e inúmeras cidades para se conhecer.

E para começar, a minha primeira dica pra quem vai viajar pela primeira vez por terras latinas é: você não conhecerá todo o continente em uma única viagem, portanto, não faça do seu mochilão uma maratona.

A segunda, e não menos importante, são na verdade três pequenas tarefas: defina orçamento, tempo de viagem e que tipo de lugares você quer conhecer. Dessa forma, você fechará consideravelmente o seu leque de opções.

Por fim, leia esse post e escolha qual roteiro de mochilão pela América do Sul se enquadra melhor dentro das definições que você fez anteriormente.

Independente de qual for a sua escolha, você com certeza se surpreenderá.

# Roteiros de mochilão pela América do Sul

1- Urbano
2- Eclético
3- Gelado
4- Aventura
5- Andino
6- Inusitado
7- Tropical
» Contratar seguro viagem para América do Sul

# Como organizar um mochilão pela América do Sul

Embora eu vá sugerir algumas opções de roteiros de mochilão pela América no Sul, é importante você ter consciência que esta é apenas a etapa inicial do planejamento da sua viagem. Portanto, use estes roteiros como ideias para organizar seu próprio itinerário, mas não se sinta preso a eles.

É claro que você poderá seguir a risca as rotas sugeridas se assim desejar. Porém, se achar necessário faça as alterações que considerar conveniente.

1- Roteiro Urbano

» Países: Argentina, Chile e Uruguai
» Cidades: Montevidéu – Buenos Aires – Mendoza – Santiago
» Tempo mínimo indicado: 15 dias

Se você é fã de cidades cosmopolitas, que oferecem uma vida noturna e cultural bastante agitada, e ainda por cima quer provar ótimos vinhos, então esse roteiro de mochilão pela América do Sul é ideal pra você.

Comece sua viagem pela capital uruguaia, Montevidéu. Apesar de ser a maior cidade do país, ela preserva até hoje características de cidade do interior. Reserve pelo menos três dias inteiros para conhecer a terra de Mujica e Eduardo Galeano.

Para chegar ao seu próximo destino, Buenos Aires, você pode se locomover de barco ou ônibus.

mochilão América do Sul
Montevidéu, no Uruguai

Argentinos e uruguaios não gostarão nem um pouco dessa comparação. No entanto, na minha opinião, essas duas cidades são muito parecidas. Aliás, costumo dizer que a capital da Argentina é uma versão maior e mais caótica de Montevidéu.

Para tirar suas próprias conclusões, faça um roteiro de quatro ou cinco dias em Buenos Aires e depois me diga o que achou.

Após esses dias por uma das minhas cidades favoritas na América do Sul, é hora de enfrentar longas horas de viagem até Mendoza.

Apesar de ser um pouco diferente das capitais que compõem esse roteiro de mochilão pela América do Sul, Mendoza possui uma localização estratégica e muitas atrações.

Reserve três dias para conhecer algumas de suas vinícolas e também a montanha mais alta do continente, o Ancocágua.

Por fim, hora de seguir para o último destino desse mochilão: Santiago. A viagem de ônibus entre Mendoza e a capital chilena leva aproximadamente seis horas.

dicas de mochilão na América do Sul
Santiago, no Chile

Leia também: Sky Costanera, em Santiago | O mirante mais alto da América Latina

2- Roteiro Eclético

» Países: Colômbia e Equador
» Cidades: Cartagena – Medellín – Bogotá – Quito – Baños
» Tempo mínimo indicado: 20 dias

Esse é um dos roteiros mais ecléticos pela América do Sul. Isso porque, você terá praias, floresta, cidades históricas e grandes metrópoles em uma única viagem.

Comece pelo caribe colombiano, em Cartagena. Mas já aviso: não espere encontrar o famoso mar azul e tranquilo caribenho por lá.

Apesar de ser um dos principais destinos turísticos na Colômbia, não é o mar a grande atração em Cartagena, mas sim, sua história e a bela arquitetura colonial.

Para conhecer o verdadeiro Caribe, faça alguns passeios até as ilhas próximas – como Isla del Rosário e Playa Blanca. Em Cartagena você encontrará diversas agências que oferecem esse pacote.

Após alguns dias de muito calor, pegue um voo e vá para a Cidade da Eterna Primavera: Medellín.

O lugar que anos atrás ficou mundialmente famosa pelo Cartel de Medellín, Pablo Escobar e por ser uma das mais perigosas do mundo, hoje é considerada uma das cidades com melhor qualidade de vida da América Latina.

roteiro América do Sul 20 dias
Jardim botânico de Medellín, na Colômbia

Fique pelo menos três dias inteiros em Medellín para que você possa conhecer algumas de suas belas praças, parques, museus e se apaixonar pela simpatia e hospitalidade dos seus moradores.

Não diga a nenhum deles que seu próximo destino é Bogotá, ou provavelmente eles te farão mudar de ideia.

Apesar de muitos paisas – como é conhecida a população de Medellín reconhecerem as coisas bacanas que há na capital da Colômbia, a maioria não gostam de lá e fazem de tudo para te convencer a não ir.

Caso eles não tenham te convencido a mudar de planos, reserve três dias para a maior cidade do país. Cerro de Monserrate, Candelária, Zipaquirá, Museu del Oro e o famoso restaurante Andrés Carne de Rés são apenas alguns dos lugares que você não pode deixar de conhecer em Bogotá.

Depois, é hora de se despedir da Colômbia e um voo de menos de duas horas te levará à outra capital sul-americana que faz parte desse roteiro de mochilão pela América do Sul: Quito, no Equador.

Vá sem pressa. Isso porque, a capital equatoriana está a mais de 2.800 metros acima do nível do mar. O que, consequentemente, pode fazer seu organismo levar alguns dias para se adaptar à mudança.

mochilão América do Sul pacote
Quito, no Equador

Três dias inteiros em Quito são suficientes para conhecer as atrações da cidade. No entanto, se quiser fazer passeios bate-volta à lugares como Otavalo, Quilotoa e Cotopaxi, pode reservar uma semana sem medo.

Por fim, seu próximo e último destino será Baños. A viagem de ônibus da capital equatoriana até lá leva aproximadamente quatro horas, sendo que há muitas saídas durante todo o dia e não é necessário comprar a passagem com antecedência.

Essa pequena cidade foi o meu lugar favorito no Equador. Com ótimas opções de hospedagem, restaurantes, passeios e tudo isso a um preço que cabe no orçamento de qualquer mochileiro, é impossível não se encantar pela região.

mochilão América do Sul preço
Casa del Árbol, em Baños, Equador

3- Roteiro Gelado

» Países: Argentina e Chile (Patagônia)
» Cidades: Ushuaia – Puerto Natales (Torres del Paine) – El Calafate – El Chaltén
» Tempo mínimo indicado: 15 dias

Para os viciados em natureza, trilhas e paisagens cinematográficas, a Patagônia é um destino certeiro para um mochilão pela América do Sul.

Inicie sua aventura no destino mais Austral do Mundo (pelo menos de acordo com os argentinos): Ushuaia.

Fique pelo menos três dias na cidade e conheça um pouco do que ela tem a te oferecer. No mesmo dia em que chegar já compre a sua passagem de ônibus para o próximo destino: Puerto Natales, no Chile.

Depois de algumas horas viajando para cruzar a fronteira entre Argentina e Chile, você chegará à cidade que servirá como base para você explorar um dos parques nacionais mais fantásticos que já conheci na América do Sul, o Torres del Paine.

Há diversas formas de conhecer o lugar. De trilhas que levam de 4 a 10 dias até passeios bate-volta de um único dia. Tudo depende do seu tempo, preparo físico, disposição e orçamento.

como planejar um roteiro de viagem pela América do Sul
Torres del Paine, no Chile

Após alguns dias em território chileno é hora de voltar à Argentina, rumo à El Calafate. A viagem de ônibus leva aproximadamente seis horas.

Apesar de não ser a única atração da cidade, a maioria dos turistas estão ali em busca de outra joia da Patagônia, o Glaciar Perito Moreno.

mapas e rotas América do Sul
Glaciar Perito Moreno, na Argentina

Fique dois ou três dias nessa cidade e parta rumo a El Chaltén, um pequeno vilarejo que fica localizado dentro do Parque Nacional los Glaciares.

Considerada a capital mundial do trekking, El Chaltén possui inúmeras opções de trilhas que podem ser feitas de forma independente.

Se você curte longas caminhadas com vistas de tirar o fôlego, fique pelo menos três dias inteiros em Chaltén.

4- Roteiro Aventura

» Países: Argentina, Bolívia, Chile e Paraguai
» Cidades: Foz do Iguaçu – Encarnación – Humahuaca – Salta – Deserto do Atacama – Salar de Uyuni
» Tempo mínimo indicado: 21 dias

Apesar desse roteiro de mochilão pela América do Sul possuir muitos países, não será possível explorar a fundo cada um deles. Porém, mesmo assim, essa rota te levará a alguns dos lugares mais incríveis do continente.

Comece sua viagem ainda pelo Brasil, em Foz do Iguaçu, e conheças as famosas Cataratas – tanto do lado brasileiro como argentino.

Após visitá-las parta com destino ao Paraguai, que por sinal também está logo ao lado.

A primeira e única parada nesse país será na região de Encarnación, onde você poderá conhecer as belas Missões Jesuíticas.

Na minha opinião, seis dias são suficientes para você completar essa primeira etapa do roteiro.

Hora de voltar ao território argentino para explorar o norte do país, que por sinal, é pouquíssimo visitado pelos brasileiros.

Reserve uma semana para conhecer cidades como Salta e Humahuaca, e depois continue viagem para cruzar mais uma fronteira, dessa vez com o Chile.

A pequena San Pedro do Atacama será sua base para que você possa conhecer o deserto mais seco do mundo.

Fique pelo menos cinco dias nessa região que pode ser considerada uma das mais lindas do planeta.

Para encerrar esse roteiro vá para a Bolívia e conheça outro deserto, só que dessa vez um deserto de sal.

O Salar de Uyuni é daqueles lugares que não podem faltar no seu roteiro de viagem pela América do Sul.

mochilão América do Sul
© Fernanda Souza [Blog Preciso Viajar]

Leia também: Quais os gatos de uma viagem no Atacama?

5- Roteiro Andino

» Países: Bolívia e Peru
» Cidades: La Paz – Copacabana – Cusco – Lima
» Tempo mínimo indicado:16 dias

Esse roteiro costuma ser a porta de entrada para os mochileiros de primeira viagem. Com preços bastante convidativos, paisagens exuberantes e grandes cidades, Bolívia e Peru formam uma grande dupla.

Comece sua viagem pela alta, confusa e intrigante La Paz. Aliás, tenha em mente que a capital boliviana é o tipo de cidade que você vai amá-la ou odiá-la, mas só a conhecendo para saber.

Reserve pelo menos três dias inteiro paraexplorar lugares como Mirador Kili Kili, Valle de la Luna,Mercado das Bruxas.

Além disso, se acaso curtir esportes e aventura, essa é a sua chance de também fazer o downhill pela famosa Estrada da Morte.

Seu próximo destino será Copacabana. A viagem de La Paz à pequena cidade que fica às margens do Lago Titicaca não leva mais do que quatro horas. Inclusive, há muitas saídas de ônibus durante todo o dia e não há necessidade de comprar passagem com antecedência.

mochilão América do Sul
Lago Titicaca, na Bolívia

Diversas agências de turismo em Copacabana oferecem passeios para as Isla del Sol e Isla de la Luna. Em ambas você poderá desfrutar das belezas do mais alto lago navegável do mundo.

Hora de cruzar a fronteira e entrar em território peruano. A primeira parada após deixar a Bolívia será a cidade de Puno.

Caso tenha tempo disponível, você pode ficar um ou dois dias para conhecer as atrações dessa cidade. Caso contrário, após chegar à rodoviária já compre sua passagem com destino à Cusco.

Essa será uma das cidades onde você melhor poderá aprender a cultura Inca, e claro, conhecer Machu Picchu.

mochilão América do Sul - dicas
Machu Picchu, no Peru

Apesar de ser a grande atração dessa região, não deixe que sua viagem para Cusco se limite a uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo.

Aproveite para conhecer as Ruínas de Sacsayhuamam ou até mesmo fazer um passeio de rafting.

De Cusco a Lima são aproximadamente 20 horas de ônibus, portanto, se for comprar uma passagem aérea de múltiplos destinos, talvez seja interessante incluir esse trecho.

Assim como quase toda metrópole latino americana, em Lima você terá diversas opções de hospedagem, bares, restaurantes e bons museus para conhecer.

Reserve de 3 a 4 dias para a capital peruana e finalize seu roteiro pelos Andes.

6- Roteiro Inusitado

» Países: Guiana, Guiana Francesa, Suriname e Venezuela
» Cidades: Mérida – Los Roques – Gran Sabana – Georgetown – Paramaribo – Cayenne
» Tempo mínimo indicado: 21 dias

*** ATUALIZAÇÃO ***

Este texto foi escrito originalmente em meados do ano de 2015. Naquele ano, organizar um roteiro de viagem por estes países ainda era minimamente viável.

Atualmente, no entanto, devido a escassez de voos, complicações políticas e econômicas, na minha opinião, esse itinerário se tornou inviável!

Ainda assim, deixarei o roteiro indicado neste texto. Afinal, seguimos na esperança de algum dia podermos viajar por todos estes destinos da América do Sul.

Apesar de estarem na minha bucket list, confesso que ainda não conheço nenhum desses países. Portanto, essa sugestão de roteiro é baseada em pesquisas e não na minha experiência.

Separe dez dias para conhecer um pouco da Venezuela. Um país que, apesar de passar por uma situação delicada, possui belos destinos turísticos.

Alguns lugares que você pode incluir no seu roteiro por lá são: Mérida, Salto Angel, Los Roques e Gran Sabana.

Outro destino também muito procurado é o Monte Roraima. No entanto, para conhecê-lo você precisará esticar o seu roteiro em no mínimo uma semana e estar bem preparado para os vários dias de caminhada.

Hora de se aventurar por lugares que muita gente jamais imaginou em passar as férias: Guiana, Suriname e Guiana Francesa.

Esses três países fazem parte de um pequeno grupo que possui características históricas e culturais totalmente diferentes do restante da América do Sul. [Na verdade apenas dois países. Pois a Guiana Francesa ainda é um departamento da França]

Passe alguns dias em Georgetown, capital da Guiana. Essa é a maior cidade do país e considerada um caldeirão étnico. Ainda na Guiana aproveite para conhecer a Iwokrama Forest.

No Suriname aproveite para gastar o seu holandês (sim, se fala holandês na América do Sul) e conheça a capital Paramaribo e o Peperpot Park.

Se acaso quiser fazer esse roteiro por completo vá até Albina e cruze a fronteira com a Guiana Francesa. Ao atravessar esse limite você estará oficialmente na França.

Algumas cidades que podem ser interessantes, são: Awala Yalimapo, Iracoubo e Cayenne.

7- Roteiro Tropical

» País: Brasil
» Tempo mínimo indicado: pode levar uma vida inteira

Jamais em sã consciência eu me arriscaria sugerir um único roteiro de mochilão pelo Brasil. E o motivo você já deve imaginar, certo?

O Brasil ocupa quase 50% de todo o território sul americano, e dentro dele você encontrará uma diversidade natural, cultural e gastronômica vista em pouquíssimos países do mundo.

De norte a sul e de leste a oeste, o que não faltam em terras tupiniquins são destinos para você fazer viagens incríveis.

Mesmo não sendo louco de sugerir apenas um roteiro, vou me arriscar e indicar alguns lugares que são ótimos destinos nacionais.

» Destinos Populares no Brasil: Jericoacoara, Lençóis Maranhenses, Florianópolis, Fernando de Noronha, Maragogi, Chapadas (Diamantina, Veadeiros e Guimarães), Morro de São Paulo, Gramado, Bonito, Paraty, Rio de Janeiro e litoral norte de São Paulo.

» Destinos (ainda) não tão populares no Brasil: Alter de Chão, Jalapão, Vila Velha e Belém do Pará.

mochilão dicas
Jericoacoara

+ Dicas de mochilão pela América do Sul

» É óbvio que não seria possível listar em um único post todos os lugares incríveis e todas as possibilidades que existem para um mochilão pela América do Sul. Mas acredito que esses são uma boa base para você começar a conhecer o nosso continente.

» Vale lembrar que você pode alterar esses roteiros da maneira que mais te agrade.

» Se você não quiser viajar de ônibus entre essas cidades, uma boa alternativa é comprar uma passagem aérea múltiplo-destinos. Normalmente se economiza um bom dinheiro comprando a passagem dessa forma.

» Para evitar perrengues desnecessários, recomendo que você também leia o artigo ” 7 roubadas clássicas em uma viagem pela América do Sul “ .

» Para descobrir quando viajar para cada destino destes roteiros, recomendo que leia o artigo “Qual a melhor época para viajar pela América do Sul ?”

» Ficou com alguma dúvida ou tem outras dicas sobre roteiro de mochilão pela América do Sul? Deixe um comentário abaixo!

Evite este erro no seu mochilão pela América do Sul

Não contratar um bom seguro para sua viagem pela América do Sul é um erro do qual você não gostará de se arrepender. Ainda mais quando descobrir que ele pode custar muito menos do que você imagina.

Clique aqui e faça uma cotação online que compara os planos com melhor custo-benefício do mercado.

E, se sua viagem já estiver com as datas definidas, contrate um plano agora mesmo para não esquecer (e se arrepender) depois.

Avatar para Anônimo
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

23 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde, estou querendo fazer um mochilão completo kkk, quantos dias seriam ideiais, para conhecer Bolívia-Paraguai-Uruguai-Argentina-Chile-Peru-Equador-Colômbia-Venezuela

    • Oi Ana Flávia, tudo bem?

      Isso bastante relativo pois depende de quais destinos você quer conhecer em cada país.

      Mas por alto, e baseado nos lugares que eu gostaria de visitar, precisaria de pelo menos entre 4 e 5 meses. heheheh

      Abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here