Cartagena das Índias, ou simplesmente Cartagena, é um dos destinos mais turísticos da Colômbia.

Localizada ao norte do país e banhada pelo mar do Caribe, a cidade teve um dos portos mais importantes da América. Isso porque, era por lá que os espanhóis levavam as riquezas encontradas no nosso continente e onde ocorria um intenso tráfego de escravos vindos da África.

Por esses e outros motivos, Cartagena foi alvo de muitas invasões e ataques de tropas francesas, inglesas e holandesas, o que levou o Rei Felipe II a construir uma muralha de 11 quilômetros de extensão ao redor da cidade.

Tal muralha segue de pé até os dias de hoje. Atualmente, no entanto, a função de proteção perdeu o sentido. Afinal, os únicos invasores da região são os turistas que querem se apaixonar pelos encantos de uma viagem a Cartagena.

# Dicas de viagem a Cartagena

1- Documentos
2- Melhor época para viajar a Cartagena
3- Quantos dias ficar?
4- Câmbio em Cartagena
5- Como chegar em Cartagena?
6- Hospedagem em Cartagena
7- O que fazer em Cartagena?
» Contratar seguro viagem para Colômbia
» Ver preços e reservar passeios em Cartagena

1- Documentos

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Colômbia caso a viagem seja a turismo por até 90 dias.

Aliás, por causa do acordo do Mercosul, é possível entrar no país utilizando o RG como documento. É necessário, no entanto, que o RG esteja em bom estado de conservação e com foto que permita identificar claramente o titular.

Além disso, os brasileiros devem apresentar o Certificado de Vacinação Contra a Febre Amarela, sendo que a vacina deve ser tomada pelo menos 10 dias antes da data de embarque.

Seguro viagem para a Colômbia

Apesar de não ser obrigatório, recomendo que você contrate um seguro viagem para sua viagem à Colômbia. Aliás, esse é um cuidado que, na minha opinião, devemos ter em qualquer ocasião em que vamos sair do nosso país.

Uma boa plataforma para contratar seu seguro é a Seguros Promo. Lá você encontrará planos de diversas seguradoras que custam a partir de R$ 15,00 por dia de viagem.

Além disso, saiba que utilizando o cupom VOLTOLOGO5 você ganha 5% de desconto. E, fazendo o pagamento através de boleto bancário, pagará mais 5% a menos. Portanto, sua economia pode chegar até 10%.

Se acaso quiser fazer uma cotação online, clique aqui.

2- Melhor época para viajar a Cartagena

Se depender do calor intenso, fique tranquilo, porque você o terá em qualquer época do ano. Afinal, raramente a temperatura em Cartagena fica abaixo dos 26˚C.

Aliás, mesmo durante à noite é comum enfrentar sensações térmicas acima dos 30˚C.

Sobre as chuvas em Cartagena, essas sim são mais frequentes durante uma determinada época do ano: de maio a novembro, com maior taxa de precipitação entre setembro e novembro.

De maio a gosto você até pode arriscar uma viagem, mas esteja ciente de que pode perder um dia ou outro do roteiro por conta dos aguaceiros.

De dezembro a abril é a época seca, sendo que raramente chove durante esses meses. Portanto, esta é considerada a melhor época para viajar a Cartagena.

Minha viagem a Cartagena foi em outubro e confirmei a expectativa de que é um mês bem molhado. Choveu todos os dias em que estive lá, mas apenas um dia foi perdido. Nos outros dias a chuva era mais comum no fim de tarde e durante a noite.

melhor época para viajar a Cartagena
Pôr do sol em Cartagena

Leia também: 11 lugares que você precisa conhecer na Colômbia

3- Quantos dias ficar?

Recomendo passar pelo menos três dias inteiros em Cartagena. Dessa forma, você conseguirá visitar as principais atrações da cidade e ainda fazer um passeio de barco pelas ilhas da região.

Com mais tempo – pelo menos uma semana – vale a pena dividir a estadia em dois destinos. 

Neste caso, você pode organizar um roteiro que, além de Cartagena, inclua Santa Marta (Parque Tayrona), San Andrés ou
Arquipélago de San Bernardo.

4- Câmbio em Cartagena

A moeda oficial da Colômbia é o peso colombiano (COP).

Para sua viagem a Cartagena o ideal é levar real ou dólar dos Estados Unidos, e trocar o seu dinheiro na cidade.

Há muitas casas de câmbio por lá e isso não será um problema. Inclusive, a cotação do real costuma ser realista.

Ainda assim, saiba que costuma haver uma boa diferença entre uma casa de câmbio de outra. Portanto, vale a pena bater-perna em busca de trocas mais vantajosas.

Mesmo o real sendo uma boa moeda para levar durante a sua viagem pela Colômbia, faça as contas com as cotações atuais antes de sair de casa.

Se acaso seu roteiro incluir San Andrés, troque seu dinheiro todo em Cartagena. Isso porque, as cotações na ilha são mais desfavoráveis – principalmente com o dinheiro brasileiro.

Atualmente (novembro/2020), as cotações do peso colombiano, são:

» R$ 1,00 = 680,00 COP

» US$ 1,00 = 3.600,00 COP   

Por fim, sobre cartões de crédito, eles são bem aceitos em Cartagena, porém, não tão comum quanto no Brasil. É comum, por exemplo, pequenos estabelecimentos não aceitarem o dinheiro de plástico ou estipularem um valor mínimo de compra. Portanto, é sempre bom verificar antes de consumir os produtos/serviços.

5- Como chegar em Cartagena?

Saindo do Brasil os voos para Cartagena, provavelmente, farão escala em algumas dessa cidades: Bogotá, Lima ou Cidade do Panamá.

Se acaso você já estiver viajando por alguma outra cidade colombiana e quiser chegar até lá, uma opção que costuma ter um ótimo custo benefício é voar com a Viva Air (antiga Viva Colombia). Trata-se de uma companhia aérea colombiana que normalmente tem ótima promoções.

Além disso, casso queira chegar de ônibus em Cartagena, as rotas mais comuns, são:

» Barranquilla x Cartagena, 2 horas, 25.000,00 COP (R$ 39,00).

» Santa Marta x Cartagena, 5 horas, 50.000,00 COP (R$ 78,00).

» Medellín x Cartagena, 14 horas, 180.000,00 COP (R$ 273,00)

» Bogotá x Cartagena, 22 horas, 195.000,00 COP (R$ 300,00).

Se estiver em Santa Marta, outra possibilidade é seguir viagem a Cartagena com o shuttles, ou seja, transfers compartilhados oferecidos por agências e hostels.

Embora o shuttles custe um pouco mais caro que os ônibus comuns, você tem a vantagem dele te buscar e te deixar na hospedagem que ficará. Assim você evita o deslocamento entre sua acomodação e a rodoviária.

6- Hospedagem em Cartagena

Na minha opinião, os melhores bairros para ficar em Cartagena são os que estão situados pelos arredores do centro-histórico, como: San Diego, Getsemani ou a própria Cidade Amuralhada.

Em todas estas vizinhas você terá diversos tipos de hospedagens a disposição, e estará próximo de muitos bares, restaurantes, pontos turísticos e comércios em geral.

Hostels e hotéis em Cartagena

O albergue mais famoso de Cartagena é o El Viajero Hostel. Com ambiente animado e ideal para quem gosta de conhecer outros viajantes, o hostel possui uma boa estrutura e bom custo-benefício.

Para ficar em um hostel dentro da Cidade Amuralhada, o The Clock Hostel & Suites é a melhor pedida. Apesar de não ser dos mais econômicos, conquista os viajantes pelo seu conforto, limpeza impecável e decoração bacaninha.

Se acaso você não abre mão de um hotel convencional, ainda que econômico, recomendo consultar as tarifas do Hotel Casa Pedro Romero.

Outra opção que costuma encantar os viajantes é o charmoso e bem localizado Casa India Catalina.

Para uma estadia mais especial ao melhor estilo cinco estrelas, quem reina na cidade são os Sophia Hotel e Bastión Luxury Hotel.

Por fim, se acaso preferir, clique aqui e encontre outras opções de hospedagem em Cartagena.

centro histórico de Cartagena
Centro Histórico de Cartagena

7- O que fazer em Cartagena?

Há muitos passeios para fazer em Cartagena.

Seja para explorar a cidade por conta própria ou se juntando à um tour guiado, não faltarão atividades para você preencher três ou quatro dias do seu roteiro.

Confira a seguir quais são os melhores programas para incluir no seu itinerário.

Atrações históricas e culturais em Cartagena

Sem dúvida o ponto alto de uma viagem a Cartagena é percorrer o seu centro histórico, conhecido também como Ciudad Amurallada.

Cercada por uma muralha de 11 quilômetros de extensão, a Ciudad Amurallada é a principal atração da cidade. Você caminhará por muitas quadras ao meio de uma arquitetura colonial preservada, casas coloridas, catedrais, restaurantes e bares.

Além de perambular sem rumo por conta própria, recomendo que você faça um tour guiado por essa vizinhança. Afinal, dessa maneira você aprenderá sobre a história de cada um dos pontos turísticos.

No fim do dia, não deixe de ver o pôr do sol no Café del Mar. Pode ter certeza de que você não se arrependerá de cumprir esse ritual-clichê de Cartagena.

Foras das muralhas, os dois pontos turísticos de Cartagena mais visitados são o Castillo de San Felipe de Barajas e o Cerro de la Popa.

Além disso, vale dedicar algumas horas caminhando pelo bairro
Getsemaní, que é vizinho do centro-histórico. Além de uma vida noturna animada, você encontrará casarões coloniais, paredes grafitadas e um astral lá no alto.

Castillo de San Felipe
Castillo de San Felipe

Praias de Cartagena

Apesar de ser banhada pelo mar do Caribe, as praias de Cartagena devem ser consideradas atrações secundárias do seu roteiro.

Na área urbana, o principal pedaço de areia é a praia de Boca Grande. Para os padrões brasileiros, é possível que você ache a praia bastante sem graça ou até mesmo feiosa. Mas, ainda assim, podem reder um mergulho para se aliviar do calor em um dia desocupado.

Para visitar o caribe de águas cristalinas e areia branca é preciso fazer um passeio de barco às ilhas da região. Os dois principais tours são para Playa Blanca (na Isla Baru) e para as Islas del Rosario.

A dinâmica dos dois passeios são bem parecidas. Basicamente, você sairá cedo do píer de Cartagena, visitará algumas praias e passará o restante do dia em uma delas.

A grande questão é que o passeio para a Playa Blanca pode ser bastante frustrante. Não que a praia em si seja feia, mas falta algo de especial e, para piorar, a superlotação de viajantes, barcos por todos os lados e vendedores ambulantes insistentes, não contribuem para deixar o seu dia melhor.

Se acaso quiser incluir um passeio de barco no seu roteiro de viagem a Cartagena, melhor escolha é fazer o tour pelas Islas del Rosario.

Passeios em Cartagena

Caso você queira deixar todos os seu passeios acertados para a sua viagem a Cartagena, indicarei a seguir alguns tours que você pode contratar através do site da Get Your Guide

Para mais detalhes sobre cada experiência basta clicar no link destacado com esta cor.

» Passeio Islas del Rosario, com almoço e snorkel (US$ 75,00).

» Passeio de barco durante o pôr do sol (US$ 25,00).

» Tour ao Castillo de San Felipe de Barajas e o Cerro de la Popa (US$ 40,00).

» Passeio de bicicleta em Cartagena (US$ 20,00).

» Bate-volta ao Vulcão de Lama El Totumo (US$ 25,00).

3 lugares para se hospedar em Cartagena

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o El Viajero Hostel é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, a Casa India Catalina tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir em um hotel cinco estrelas, vale conferir as suítes do Sophia Hotel.

» Se acaso preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em Cartagena.

Avatar para Anônimo
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

20 COMENTÁRIOS

  1. Essas fortalezas espanholas são interessantes, porque aqui na Toscana houve dominação espanhola e muitos fortes são bem parecidos. Inclusive aqui tb tem um Forte/Castelo Felipe!

  2. Nossa, estou louca pra conhecer a Colômbia e já tive que adiar 3x… Claro que Cartagena está na lista e esse post com dicas de quando viajar para lá e quantos dias ficar ajuda demais a planejar o roteiro!

    • Oi Fernanda, tudo bem?

      Sério que já adiou tantas vezes assim?! hahahaha

      Sem dúvida, Cartagena é um destino que vale muito a pena incluir no roteiro!

      Abraço

    • Oi Carla, tudo bem?

      Sério?! hahahhaahaha

      Mas é assim mesmo. Às vezes tem alguns destinos que por mais vontade que a gente tenha de conhecer, demora a tirar a viagem do papel, né?!

      Espero que em breve consiga enfim viajar a Cartagena!

      Abraço

  3. Oie Murilo, tudo bem?

    Em toda a trip que você fez na Colombia, qual foi o custo, tempo e o que vc recomenda? Ahh eu costumo viajar com a minha dog… tem lugares na Colombia que aceitem?

    • Oi Carol, tudo bem e você?

      O custo depende muito do perfil de cada um! Vou deixar abaixo o link de um texto onde falo sobre os gastos pela Colômbia!
      Recomendo passar pelo menos duas semana. Se tiver 20 dias será ainda melhor!

      Alguns lugares sim! (hotéis, restaurantes, lojas…). Mas não sei como é questão para fazer os deslocamentos! =(

      Abraço

  4. Oi Murilo, você tem algum post sobre alguma empresa que faz os passeios? Gostaria de saber sobre os preços e como achar, se é fácil encontrar essas empresas por lá, ou se é melhor já comprar antes de ir?

    • Oi Mônica, tudo bem?

      Não tenho post sobre isso… =[
      Mas fique tranquila que é bem fácil encontrar isso por lá, já que a cidade é beeem turística.
      Muitas hospedagens, inclusive, costumam auxiliar os hóspedes com isso.

      A não ser que eu fosse na altíssima temporada, tipo Ano Novo, ou algo assim, eu deixaria pra contratar isso lá.
      Apenas pesquisaria algumas agências antes (como você está fazendo) pra ter uma ideia dos valores!

      Abraço

    • Faaala Nivaldo , tudo bem?

      Cara, eu particularmente fui muito pouco abordado…
      Mas de um modo geral, um “no, gracias” e não dar atenção costuma resolver… hehehe

      Abração e boa viagem! xD

  5. Olá Murilo, estava lendo sobre suas dicas de viagem pela Colômbia e achei muito interessante. Eu pretendo viajar ainda esse ano de 2018 até a Colômbia, mais precisamente para Cartagena. Existe algum tipo de burocracias que pode nós empedir de entrar no país ?

    Desde já agradeço sua atenção.

    • Oi Nilzania , tudo bem?

      Muito bom saber que gostou das dicas!

      É bem tranquilo entrar na Colômbia.
      Apenas leve os documentos obrigatórios: passaporte (ou RG emitido a no máximo 10 anos, em bom estado de conservação e com foto que você possa ser facilmente reconhecida) + certificado internacional de vacinação contra a febre amarela!

      Abraço!

  6. Olá Murilo, costumo viajar sozinha, estive no Uruguai há pouco tempo, meu portanhol da para me virar, consigo tb na Colômbia?
    Seu Blog é mt legal, já peguei tds as dicas, pretendo passar meu niver lá que é em março
    obrigada

    • Oi Jussara, tudo bem?

      Que bacana!!

      Sim, irá se virar super bem com seu portunhol. O sotaque deles é bem diferente dos uruguaios, mas ainda assim compreensível!
      Além do que os colombianos são super atenciosos e não se importaram de repetir o que falaram algumas vezes… hehehe

      Abraço!

  7. Olá Murilo,
    Estou planejando uma viagem para Colômbia de 02/03/18 à 12/03/18, pretendo ir a Cartagena, Medellin e Bogotá, porém gostaria de conhecer San Andrés, você teria algum roteiro para que não perca muito tempo, pois não são muitos dias já que vou perder um dia pra ir (02/03) e outro pra voltar (12/03).
    Obrigado, Valmir / Lourdes

    • Oi Valmir, tudo bem?

      Acho que fica inviável conhecer todos estes lugares com este tempo!
      Até porque também tem o tempo que você perderá com deslocamento interno. Recomendo que você visite no máximo três cidades.
      O ideal é começar por Bogotá e depois ir voando para os outros destino que você escolher.
      Poderia ser Bogotá – Medellín – Cartagena.

      Espero ter ajudado!
      Abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here