Melhores praias e bairros para ficar no Rio de Janeiro: Descubra quais são as vizinhanças mais seguras para se hospedar, além de hospedagens com bom custo-benefício.
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Num primeiro momento, decidir onde ficar no Rio de Janeiro parece ser uma missão impossível. Como qualquer boa metrópole que é, não faltam bairros adequados para se hospedar durante uma viagem à cidade que já foi a capital do Brasil.

Além disso, ficar numa praia que seja a sua praia, e que ao mesmo tempo esteja numa vizinhança segura, são outras preocupações que complementam este dilema.

No entanto, uma vez com um roteiro bem organizado, ficará fácil perceber que as dúvidas de antes já não fazem tanto sentido – principalmente se for sua primeira viagem ao Rio. Para quem nunca esteve na cidade, apostar nas zonas mais tradicionais de hospedagem é a escolha mais acertada.

Ainda assim, para que você possa tirar suas próprias conclusões sobre onde é melhor ficar no Rio de Janeiro, neste texto eu explicarei o que você pode esperar dos bairros mais adequados para os viajantes, e indicarei acomodações de diversas categorias com bom custo-benefício.

Dicas de onde ficar no Rio de Janeiro

» Informações básicas para escolher hospedagem no Rio de Janeiro
» Melhores bairros para ficar no Rio de Janeiro
» Leblon
» Ipanema
» Copacabana
» Leme
» Botafogo
» Santa Teresa e Lapa
» Vale a pena se hospedar no centro do Rio de Janeiro?
» Barra da Tijuca e Jardim Oceânico
» Parque Olímpico (Jacarepaguá)
» Hotéis próximos aos aeroportos do Galeão e Santos Dumont
» Hotéis baratos no Rio de Janeiro

# Informações básicas para escolher hospedagem no Rio de Janeiro

Possivelmente, a maior preocupação dos viajantes ao decidir onde ficar no Rio de Janeiro é saber se irá se hospedar num bairro seguro. E, pra início de conversa, é preciso entender que há muitos Rios de Janeiro dentro do Rio de Janeiro.

O Rio de Janeiro turístico – ou ao menos a parte hoteleira – se concentra em sua maioria pela Zona Sul da cidade, onde estão alguns dos bairros mais famosos para se hospedar, como Leblon, Ipanema e Copacabana. E, sem dúvida, essa é a zona mais segura para ficar no Rio,

Há assaltos na Zona Sul do Rio de Janeiro? Pode apostar que sim! No entanto, pode ter certeza que o risco que se corre por estas bandas não é nem um pouco comparável com o de quem vive em bairros mais afastados.

# Melhores bairros para ficar no Rio de Janeiro

Conforme já indicado, os melhores bairros para ficar no Rio de Janeiro são o trio Leblon, Ipanema e Copacabana. Na minha opinião, quem vai pela primeira vez à cidade deve fazer o possível para se hospedar em algum deles.

Além da segurança, essas vizinhanças não ficam tão distantes de outras áreas turísticas e possuem fácil acesso ao metrô.

Também ostentam uma infinidade de acomodações de diversas categorias, são os pedaços de areia mais frequentados e oferecem ótima estrutura comercial.

O maior inconveniente talvez seja o preço, tanto da hospedagem em si como também dos comércios em geral, que são mais alto do que em outros bairros. De qualquer forma, é um investimento que vale a pena.

Porém, caso o orçamento esteja apertado, há outras regiões igualmente bem localizadas e com boa estrutura, que rendem uma estadia sem grandes inconvenientes, como Leme e Botafogo.

Saindo do burburinho turístico, outra região segura, com bons hotéis e estrutura de primeira é a Barra da Tijuca. No entanto, a hospedagem aqui só é válida se você tiver compromisso pela vizinhança, ou se já conhece a cidade e quer outros ares para a próxima viagem.

A seguir, mais detalhes sobre cada bairro para ficar no Rio de Janeiro, além de indicações de hotéis que valem a pena.

1- Leblon

Dizem por aí que Leblon é o bairro mais nariz empinado da Zona Sul do Rio de Janeiro. E claro que não é sem motivos: qualquer um que caminha pelas suas ruas percebe os estabelecimentos mais requintados que dominam o pedaço.

Encontra-se ao lado de Ipanema, é atendido pelas estações de metrô Jardim de Alah e Antero de Quental, e na praia é dono dos postos 11 e 12. Aliás, por falar em praia, se comparada a sua vizinha Ipanema, o espaço na areia é claramente menos concorrido.

Além dos preços mais altos das hospedagens, outro ponto contra é que há poucas acomodações disponíveis.

hospedagem no Leblon
Vista do Mirante do Leblon

Acomodações no Leblon

Novinho e bem estruturado, o Brazilodge All Suites Leblon é o melhor albergue para se hospedar no bairro mais valorizado do Rio. Inclusive, além dos dormitórios compartilhados, o hostel também oferece suítes privativas com ótimos preços.

Já um albergue com localização mais conveniente é o Lemon Spirit Hostel.

Para se hospedar com privacidade sem gastar uma fortuna, os apartamentos do Leblon The Best of Brazil é uma boa pedida. E, embora seja uma acomodação menos convencional, inclui um café da manhã caprichadíssimo.

Se estiver disposto a investir a cifra de mais de quatro dígitos por dia para uma experiência cinco estrelas, o Janeiro Hotel é o seu lugar.

» Encontre outros lugares para ficar no Leblon

2- Ipanema

Situada entre os bairros de Leblon e Copacabana, no trecho que vai do posto 10 ao posto 7, a Praia de Ipanema é a queridinha para se hospedar no Rio de Janeiro.

Apesar de também ser uma das regiões mais valorizadas da cidade, a rede hoteleira é diversificada e há de hostels a hotéis cinco estrelas. Portanto, não é difícil encontrar um lugar que caiba no seu bolso.

Aliás, assim como as opções de hospedagens, os bares e restaurantes também são um tanto variados e há pra todos os gostos – embora com uma média de preços mais alta do que em outras localidades.

Tenha em mente que esse é possivelmente o bairro que mais acomoda viajantes no Rio, portanto, praia lotada e lugares cheios costumam fazer parte do dia a dia.

O bairro é atendido pelas linhas de metrô Nossa Senhora da Paz e General Osório.

dicas de hotéis para ficar no Rio de Janeiro
Praia de Ipanema

Acomodações em Ipanema

Com localização imbatível a uma quadra do metrô e do posto 9, o  El Misti Hostel é um dos albergues mais bem cotados para se hospedar na vizinhança. Tem astral animado, dormitórios confortáveis e funcionários que ajudam. Dica: o café da manhã é cobrado à parte e deixa a deseja, melhor ideia é usar o dinheiro para comer em outro lugar.

Embora esteja um pouco mais afastado do mar, outro hostel bem avaliado é o Mojito Hostel & Suítes.

Dois lugares bons, bonitos e baratos, são a Margaridas Pousada e a JM Guesthouse Ipanema. A primeira, fica próxima ao Leblon. Já a segunda está na divisa com Copacabana.

Para uma estadia mais tradicional num hotel quatro estrelas, duas hospedagens bem avaliadas são a Arena Ipanema e o Best Western Arpoador. Ambos estão próximos de Copacabana e facilitam o deslocamento para os viajantes poderem aproveitar as duas praias.

» Encontre outros lugares para ficar em Ipanema

3- Copacabana

Há quem diga que os dias de ouro de Copacabana já se acabaram há bastante tempo. No entanto, a praia continua sendo uma boa pedida para ficar no Rio de Janeiro.

Tomando conta da faixa de areia que vai do posto 6 ao posto 2, quem se hospeda próximo aos postos 6 e 5 estará grudado em Ipanema – o que facilita a vida para aproveitar as duas praias e ir caminhando de uma a outra.

Para quem quer economizar, a boa notícia é que dá pra encontrar hospedagens com ótimas tarifas pelo bairro. Das praias clássicas da zona sul, inclusive, é aqui que se tem mais chance de encontrar uma pechincha.

Para quem pretende utilizar o metrô, o bairro é atendido pelas linhas Cantagalo, Siqueira Campos e Cardeal Arcoverde. Já a três quadras do mar, tenha a Rua Barata Ribeiro como referência para comes e bebes, além de comércios em geral.

bairros seguros para se hospedar no Rio de Janeiro
Orla de Copacabana

Acomodações em Copacabana

O melhor albergue para ficar em Copacabana é o Hoshtel, que tem organização impecável, limpeza bem feita e funcionários hiper atenciosos. Precisando de uma hospedagem mais econômica, o Solar Hostel Beach Copacabana cumpre essa função com maestria.

Na categoria de hotéis com precinho camarada, o Hotel Atlântico Rio é o quatro estrelas acessível mais tradicional do pedaço.

Embora tenha uma estrela a menos, outra opção com ótimo custo-benefício, e mais perto da praia, é o B&B Hotels RJ Copacabana.

Situado num ótimo trecho de Copa, o Miramar Hotel é pra quem quer investir numa estadia mais requintada sem precisar vender um rim.

E claro, se falando de hospedagem em Copacabana, impossível não se lembrar do icônico e desejado Copacabana Palace, onde as diárias mais em conta não saem por menos de R$ 1.660,00.

» Encontre outros lugares para ficar em Copacabana

4- Leme

Enquanto Ipanema é a vizinha de Copacabana próxima ao posto 6, quem está ao lado do posto 2 é a Praia do Leme – que é dona apenas do posto 1. Embora esteja grudada em Copa, a vizinhança por aqui é tranquila e com um movimento consideravelmente menor de turistas – inclusive, na areia de frente para o mar.

Apesar de ter hospedagens com bom preço e uma praia bacana para passar o dia, não é atendida pelo metrô – sendo a estação mais próxima a Cardeal Arcoverde, em Copacabana. Além disso, espere caminhadas mais longas na hora de sair para jantar.

melhores praias para ficar no Rio de Janeiro
Praia do Leme

Acomodações no Leme

Com uma reputação invejável, o Aquarela do Leme é um dos melhores albergues do Rio. Nem mesmo seu acesso por uma ladeira íngreme faz com que os viajantes se arrependam de tê-lo escolhido como casa.

Caso prefira uma acomodação mais convencional, o Windsor Leme fica de frente para o mar, a uma quadra de Copacabana, e garante uma estadia agradabilíssima.

» Encontre outros lugares para ficar no Leme

5- Botafogo

Embora não seja um bairro para aproveitar o mar, Botafogo pode render uma estadia conveniente durante uma viagem ao Rio de Janeiro. E, o principal motivo, é a sua localização: fica no meio do caminho entre as praias da Zona Sul e o centro.

Além disso, o bairro conta com uma boa rede de comércios, bares e restaurantes. Inclusive, a vida noturna por aqui vem conquistando cada vez mais fiéis.

Para não errar na experiência, prefira uma acomodação que esteja próxima da estação de metrô que leva o nome do bairro.

De brinde, os viajantes que se hospedam por aqui conseguem encontrar preços mais camaradas em todos os serviços, além de ganhar a melhor vista para o Pão de Açúcar.

É um bom lugar para se hospedar no Rio de Janeiro, principalmente para os viajantes que:

– Querem economizar
– Curtir a noite
– Farão um roteiro que não prioriza dias de praia

hospedagem em Botafogo
Melhor vista para o Pão de Açúcar é da Praia de Botafogo

Acomodações em Botafogo

Situado a uma quadra da estação do metrô Botafogo, o Injoy Hostel é o queridinho do bairro e não decepciona. Tem instalações novas, decoração bacaninha, limpeza bem feita e funcionários simpáticos.

Para turma que quer economizar sem abrir mão de um hotel, vale apostar no Ibis Budget Botafogo. Além das comodidades típicas da linha econômica da rede Ibis, o hotel está numa boa área do bairro – praticamente ao lado do Botafogo Praia Shopping.

Para suítes mais espaçosas e café da manhã mais variado, o Mercure Botafogo é quem recebe a maior parte dos viajantes mais exigentes.

» Encontre outros lugares para ficar em Botafogo

6- Santa Teresa e Lapa

Embora sejam bairros diferentes, decidi incluir Santa Teresa e Lapa no mesmo tópico por dois motivos. Primeiro, porque eles são vizinhos e estão na área central do Rio. E segundo, porque eu não considero nenhum dos dois boas vizinhanças para ficar no Rio de Janeiro.

Apesar de ambos merecerem espaço na sua programação pela cidade, Santa Teresa para o dia e Lapa para curtir a noite, salvo raríssimas exceções – como por exemplo, se sua viagem for dedicada unicamente a algum evento nestes bairros – não vejo nenhuma grande vantagem de se hospedar por aqui.

Sim. Santa Teresa tem uma bela arquitetura colonial, além de bares e restaurantes charmosinhos. Porém, o acesso ao bairro não favorece a logística. Como está no alto de um morro, além de não ter acesso ao metrô, subir e descer a pé é inviável tanto pela distância como pela segurança. Ou seja, o viajante fica limitado a Uber e as poucas linhas de ônibus que passam pelo bairro.

Já a Lapa, que está na parte baixa ao lado de Santa Teresa, é o mais famoso point de agito noturno do Rio de Janeiro. Visitá-la durante a noite, de fato, é um belo programa para os festeiros de plantão. No entanto, além de ter os mesmos inconvenientes de Santa Teresa, nem sequer tem o charme da sua vizinha.

hospedagem em Santa Teresa
Santa Teresa
hospedagem na Lapa
Arcos da Lapa

7- Vale a pena se hospedar no centro do Rio de Janeiro?

A única razão para se hospedar no centrão propriamente dito é ter compromisso de trabalho por essa região, e querer ficar o mais próximo possível do local que terá que comparecer. Ainda assim, até mesmo a Lapa, que fica grudada no centro, pode ser uma escolha mais adequada por causa do movimento noturno – que falta em outras áreas centrais.

Para o viajante comum que irá pela primeira vez na cidade e pretende apenas turistar, não vale a pena se hospedar no centro do Rio de Janeiro.

Porém, se a estadia por estas bandas fizer sentido para você, a boa notícia é que há hotéis com bom custo benefício, como por exemplo, o quatro estrelas Hotel Atlântico Business Centro.

vale a pena ficar no centro do Rio de Janeiro?
Praça Mauá, que fica próxima da revitalizada Região Portuária na área central do Rio de Janeiro.

8- Barra da Tijuca e Jardim Oceânico

Fora dos holofotes turísticos, a Barra da Tijuca é um bairro que tem hotéis com ótimo custo-benefício, boa segurança e estrutura de primeiro nível. Além disso, sua praia tem faixa de areia enorme e é bem mais vazia do que as concorridas orlas da Zona Sul.

Seria um dos melhores bairros para ficar no Rio de Janeiro se não fosse um detalhe: está a pelo menos vinte quilômetros da primeira “praia turística”, Leblon. Para ir ao centro, onde há muitos atrativos, é necessário se deslocar por mais de trinta quilômetros.

Por causa disso, quem vai ao Rio de Janeiro pela primeira vez e quer fazer um roteiro pelos lugares clássicos da cidade, não deve considerar se hospedar na Barra da Tijuca.

Para os que já conhecem o Rio e quer novos ares, ou irá participar de algum evento por estas bandas, a Barra é um local que rende uma boa estadia.

Para facilitar em possíveis deslocamentos para a Zona Sul e o Centro, a dica é escolher um hotel na região do Jardim Oceânico, que é onde fica a estação de metrô de mesmo nome e é considerado um sub-bairro da Barra.

hospedagem Barra da Tijuca
Praia da Barra da Tijuca, no trecho do sub-bairro Jardim Oceânico

Acomodações no Jardim Oceânico

Apesar de ser oficialmente uma pousada, a Hygge House também oferece dormitórios compartilhados e acaba fazendo a função de um hostel. Fica no meio do caminho entre a estação de metrô Jardim Oceânico e a praia.

Para se hospedar bem sem precisar gastar muito, o Hotel Praia Linda é o que oferece melhor custo benefício por estas bandas da Barra. E o melhor: está a uma quadra do mar.

Tendo orçamento para investir, o Windsor Barra Hotel é a melhor chance de se hospedar num cinco estrelas pagando consideravelmente menos para um hotel deste padrão.

» Encontre outros lugares para ficar na Barra da Tijuca

9- Parque Olímpico (Jacarepaguá)

Se você acha que nada pode ser mais longe do que a Barra da Tijuca, sinto lhe informar que há um bairro ainda mais afastado, que tem ótimos hotéis, e que, dependo do caso, é um lugar adequado para ficar no Rio de Janeiro. Isso porque, é pelos arredores do bairro de Jacarepaguá que estão o Parque Olímpico, que atualmente recebe o Rock in Rio e outros eventos, além do Riocentro, que é o segundo maior centro de convenções da América Latina.

Portanto, se sua viagem for exclusivamente para algum compromisso por estes lados, considere se hospedar por aqui.

Acomodações próximas ao Parque Olímpico e Riocentro

O Gran Mercure Riocentro é o representante oficial do Riocentro e um dos lugares mais próximos para se hospedar da Cidade do Rock. Podendo se afastar um pouco para economizar na diária, o Midas Rio Suites tem tarifas mais em conta e, ainda assim, continua bem localizado tanto para quem vai ao Rock como também para quem tem evento no Riocentro.

Já na avenida que vai da Barra ao Parque Olímpico, o Novotel Parque Olímpico tem bom custo-benefício e fica perto do Shopping Metropolitano Barra.

+ Dicas de onde ficar no Rio de Janeiro

» Lugares para ficar durante o Rock in Rio, Carnaval e Ano Novo? Começando a procurar um hotel com antecedência você terá mais chances de reservar um quarto com melhor custo-benefício.

» Se por algum motivo precisar passar a noite no distante Aeroporto do Galeão, o Rio Aeroporto Hotel é a opção mais conveniente.

» Para ficar ao lado do central Aeroporto Santos Dumont, o melhor custo-benefício é no Ibis Rio de Janeiro Santos Dumont.

» Além disso, antes de garantir o seu quarto vale ficar de olho nas ofertas do site Booking.com. Muitas vezes dá pra encontrar hotéis no Rio de Janeiro com até 40% de desconto.

» Verifique também quais as formas de pagamento utilizadas na hospedagem, se o café da manhã está incluído no valor da diária, e se há estacionamento disponível (caso você precise!). Tudo isso pode gerar chateações durante a sua estadia caso você não se informe antecipadamente.

» Se preferir, clique aqui e encontre outros lugares para ficar no Rio de Janeiro.

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here