Dicas e roteiros de viagem pela América Latina

Por Murilo Pagani

El Chaltén [Argentina]: 7 dicas para viagem

Localizado dentro do Parque Nacional los Glaciares, o pequeno vilarejo de El Chaltén, na Argentina, atrai apaixonados por trekking, montanhismo e natureza. O que é compreensível, afinal, os cenários por estas bandas estão entre os mais lindos da América do Sul.

A poucas horas da cidade de El Calafate, já faz alguns anos que essa pequena cidade vem ganhando destaque entre os destinos mais procurados da Patagônia Argentina.

Ainda assim, muitos viajantes insistem em deixar El Chaltén de fora de um roteiro pela Patagônia. Eu, inclusive, quase cometi este equívoco. Sorte a minha que apertei minha programação e passei alguns dias por lá. 

Isso porque, no final das contas este foi o meu destino favorito do sul da Argentina. E, para que você também consiga se encantar com as belezas da região, neste texto eu contarei tudo o que você deve saber para organizar uma viagem a El Chaltén.

Leia também: Os melhores passeios para fazer na Patagônia

# Dicas de viagem a El Chaltén

1- Documentos para viajar à Argentina
2- Melhor época para ir a El Chaltén
3- Quantos dias ficar?
4- Câmbio e dinheiro em El Chaltén
5- Como chegar em El Chaltén?
6- Hospedagem em El Chaltén
7- O que fazer em El Chaltén?
» Contratar seguro viagem para Argentina

1- Documentos para viajar à Argentina

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Argentina caso a viagem seja a turismo por até 90 dias.

Aliás, por causa do acordo do Mercosul, é possível entrar no país utilizando o RG como documento. É necessário, no entanto, que o RG esteja em bom estado de conservação e com foto que permita identificar claramente o titular.

Se acaso preferir, você também entrar na Argentina utilizando o seu passaporte válido. 

Seguro viagem para Argentina

Apesar de não ser obrigatório, recomendo que você contrate um seguro viagem para sua viagem à Argentina. Aliás, esse é um cuidado que, na minha opinião, devemos ter em qualquer ocasião em que vamos sair do nosso país.

Uma boa plataforma para contratar seu seguro é a Seguros Promo. Lá você encontrará planos de diversas seguradoras que custam a partir de R$ 15,00 por dia de viagem.

Além disso, saiba que utilizando o cupom VOLTOLOGO5 você ganha 5% de desconto. E, fazendo o pagamento através de boleto bancário, pagará mais 5% a menos. Portanto, sua economia pode chegar até 10%.

Se acaso quiser fazer uma cotação online, clique aqui.

2- Melhor época para ir a El Chaltén

A melhor época para ir a El Chaltén é durante o verão, entre os meses de dezembro e março. Isso porque, as temperaturas não estão congelantes e os dias são mais longos, formando assim as condições ideias para percorrer as famosas trilhas da região.

No entanto, tenha em mente que o verão é a altíssima temporada na Patagônia. Portanto, vá preparado para pagar mais caro em todos os serviços.

Por outro lado, se você quiser escapar das multidões, considere viajar na primeira quinzena de abril ou entre o final de outubro e novembro. Apesar das temperaturas mais frias do que no verão, você terá um clima razoavelmente favorável e preços mais camaradas.

Por fim, lembre-se de que o clima na Patagônia, mesmo durante o verão, ostenta temperaturas baixas. Em El Chaltén, por exemplo, nos meses mais quentes os termômetros registram médias entre 7°C e 12°C.

El Chaltén clima

El Chaltén durante um dia de verão

3- Quantos dias ficar?

O ideal é passar ao menos dois dias inteiros em El Chaltén. Afinal, dessa forma você conseguirá fazer as duas principais trilhas da região. Com mais tempo você pode incluir passeios complementares no seu roteiro.

Além disso, se você for viajar fora da alta temporada, recomendo deixar um dia extra na sua programação. Isso porque, o clima pode atrapalhar os seus planos talvez você não consiga fazer todas as atividades como planejado.

4- Câmbio e dinheiro em El Chaltén

Antes de chegar a El Chaltén você deve se planejar quanto aos gastos que terá na cidade e levar seu dinheiro em espécie. Além da cidade não ter caixa eletrônico, a maioria dos estabelecimentos não aceitam cartão de crédito.

Além disso, não deixe para trocar seu dinheiro por lá pois não há casa de câmbio e a cotação dos comércios são pouco vantajosas.

Portanto, quando estiver em alguma cidade maior, como El Calafate ou Ushuaia, organize suas finanças.

5- Como chegar em El Chaltén?

A maioria das pessoas que vão a El Chaltén saem de El Calafate.

A viagem de ônibus entre as duas cidades é bem tranquila, dura em torno de três horas e a passagem custa em aproximadamente AR$ 900,00 (R$ 70,00).

Algumas empresas que fazem essa rota, são: Taqsa, Chaltén Travel e Caltur.

Durante a alta temporada é recomendável comprar sua passagem com antecedência.

viagem a El Chaltén - Argentina

El Chaltén

6- Hospedagem em El Chaltén

Toda a cidade de El Chaltén se concentra em duas ruas principais. É nelas que estão as casas e estabelecimentos que oferecem serviços ao turismo, como por exemplo: hospedagem, restaurantes, bares, mini-mercados e agência de viagem.

Portanto, não há motivos para se preocupar se a sua hospedagem é bem localizada ou não, pois tudo é feito a pé e essa é, de fato, a única região para ficar em El Chaltén.

A minha estadia foi no Hostel Condor de los Andes, um dos albergues mais famosos no vilarejo.  O hostel é bastante justo em relação ao preço, possui um amplo espaço de área comum e cozinha equipada.

Os dormitórios também eram bem confortáveis e possuíam lockers. Sem dúvida alguma é um lugar que recomendo.

Se você vai viajar com mais gente e prefere algo mais privativo e charmoso, vale a pena consultar a Anita’s House e a Cabañas Rivendel.

Além disso, vale ficar de olho nas ofertas do Booking.com. Muitas vezes, há acomodações com até 40% de desconto.

Ou se acaso preferir, clique aqui e encontre outros lugares para se hospedar durante sua viagem a El Chaltén.

El Chaltén - mapa

Centro de El Chaltén

7- O que fazer em El Chaltén?

Conhecida como a capital do trekking na Argentina, não há dúvidas sobre qual a principal intenção dos turistas que vão a El Chaltén, certo?!

Bem sinalizadas, sem custo e com diferentes níveis de dificuldade, não há desculpas para você não se aventurar por pelo menos uma das várias opções de trilhas disponíveis.

Os trekkings Laguna de los Tres e Laguna Torre são dois dos mais procurados na cidade. Aliás, é o primeiro que possui um excelente mirante para  avistar a famosa montanha Fitz Roy. No entanto, possui um grau de dificuldade difícil e é recomendado que se tenha o mínimo de preparo físico.

O Mirador de los Condores é uma boa opção para os que não querem caminhar muito e ainda assim ter uma bela vista da região. Do centro da cidade você não gastará mais do que uma hora para chegar até lá.

Além das trilhas é possível fazer alguns passeios diferentes como navegar pelo Lago Viedma ou até mesmo realizar um trekking no glaciar de mesmo nome. Para isso você precisará realizar a atividade através de alguma agência.

El Chaltén Argentina

Cerro Fitz Roy

3 lugares para se hospedar em El Chaltén

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Hostel Condor De Los Andes é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o hotel  El Alamo tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir um pouco mais, vale conferir as suítes do Kau Si Aike.

» Se acaso preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem. 

Murilo Pagani
Introvertido de carteirinha com picos de sociabilidade quando necessário ou depois de alguns goles de cerveja. Queria saber escrever bonito, mas cultivo um enorme apego à desculpa de que sou originalmente de exatas para justificar a minha falta de dedicação em combinar as palavras uma depois da outra. Espero que entenda!
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentários:
Ita kirsch disse:

Oi Murilo! Tudo bem! Qual melhor mês para fotografar as árvores no outono ( amareladas e avermelhadas) Abril ou Maio?

Murilo Pagani disse:

Oi, Ita, tudo bem?

Março e abril. A partir de maio a paisagem já estará mais branca devido ao início das nevascas.

Abraço

ana disse:

Nunca tinha ouvido falar em El Chaltén, e o lugar parece ser lindo. Valeu pela dica.

Murilo Pagani disse:

Na minha opinião, El Chaltén é um dos lugares mais lindos da América Latina, Ana!

Vale muito a pena visitar. =)

Abraço

Marcos Santos disse:

Oi Murilo estou pensando em ir maio será que consigo pegar neve?

Murilo Pagani disse:

Oi, Marcos, tudo bem?

Vai depender de temporada anual, No final de maio, é provável que sim.

Abraço

Lais disse:

Olá, bom dia! Saberia me dizer se na primeira quinzena de maio é muita loucura de ir por conta do frio?
As trilhas ainda estão abertas e podem ser feitas numa boa? Precisaria de equipamento especial?
Obrigada!

Murilo Pagani disse:

Oi, Lais, tudo bem?

Depende muito do volume de neve do ano. Mas há um risco de algumas trilhas já estarem complicadas, sim. É meio que uma loteria, conheço gente que já foi nesta época e conseguiu aproveitar e gente que precisou mudar o roteiro.

Eu, particularmente, não arriscaria porque sei que poderia ficar frustrado. hahaha

Abraço

Fernanda disse:

Eu ainda não conheço nada da Argentina pra baixo de Buenos Aires rs Esse post com certeza é essencial para ajudar na logística de uma viagem pela Patagoônia! Com certeza eu vou incluir El Chalten no meu futuro roteiro!

Murilo Pagani disse:

El Chaltén é um dos meus destinos favoritos na Patagônia, Fernanda!

Vale a pena visitar! Aliás, a Patagônia inteira é um super destino!

Abraço

Sil Mendes disse:

Nossa, adoro trilha e esse contato com a natureza. El Chaltén me lembrou as Dolomitas no norte da Itália. Fiquei encantada com as fotos. Quero ir em breve.

Murilo Pagani disse:

El Chaltén é um baita destino para quem gosta de trilhas, Sil!
Acho que irá gostar.

Abraço

Leo Vidal disse:

Ótimas dicas sobre El Chaitén, em especial a de levar dinheiro em espécie. Fiquei chocado dos locais não aceitarem cartão de crédito. Sempre bom ler e seguir as dicas de quem entende. =)

Murilo Pagani disse:

Ao menos no Brasil cartão de crédito é algo tão comum, que nos choca quando descobrimos que em outros lugares não são bem aceitos, né Leo?! hehehe

Abraço

Itamar disse:

Sensacional! El Chalten é um dos lugares que mais anseio conhecer! Infelizmente ainda não tive oportunidade, mas a cada matéria e foto que vejo aiumenta ainda mais meu desejo!

Adorei a dica sobre a melhor época pra ir. Abril é normalmente a época que costumo fazer uma trip, então dá bem certinho! Valeu e parabéns pelo post!

Murilo Pagani disse:

Que bom que gostou das dicas, Itamar!

El Chaltén é um luar que eu pretendo voltar, de tanto que gostei!

Abraço

Sarah Gomes disse:

Lindo post, parabéns!

Murilo Pagani disse:

🙂 🙂 🙂

Rafael disse:

Fala Murilo…. eu de novo cara, vou te encher o saco aqui com várias duvidas hahaha
Em El Chalten, do local onde normalmente se hospeda, que tem os hostels e tal, para se chegar ao ponto de início dos trekkings ao fitz roy, que pelo q eu entendi são esses da laguna de los tres etc, é longe? tem ônibus ou transportes publicos que te levam até lá?
Você poderia dizer quais os trekkings e passeios desses mencionados você fez?
abç!!!

Murilo Pagani disse:

E aí Rafael, tudo certo???

El Chaltén é basicamente 2 ruas… Não há transporte público lá dentro (eu acho..kkk)… Dessas 2 ruas até os começos das trilhas é suuuuuper tranquilo ir caminhando..
Tipo uns 10/15 min, dependendo de qual for!
Tudo bem sinalizado e super fácil de achar! 🙂

Fiz a Laguna Torre, Mirador de los Condores e mais algum que não me lembro agora! hehehe

Abraço