COMPARTILHAR

Atenção Viajante!!!

Economize no seu seguro viagem fazendo uma cotação online, que compara as melhores seguradoras do mercado. E também, utilize o cupom de desconto VOLTOLOGO5 para garantir 5% de desconto.

»»» Clique aqui e descubra agora quanto você vai precisar investir na sua segurança durante a sua viagem.

PS: Pode apostar que é menos do que você imagina! :)
Passeio de trem entre Curitiba e Morretes: Descubra tudo o que você deve saber para organizar seu passeio bate-vota desde a capital do Paraná.
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Não restam dúvidas de que fazer o passeio de trem até Morretes é uma jornada de volta ao passado. Antes mesmo de chegar na cidadezinha histórica mais visitada  num bate-volta desde Curitiba, a viagem no tempo começa logo que embarcamos nos trilhos que corta a Serra do Mar.

Com um projeto pra lá de ousado pra o seu período, a primeira ideia para a Ferrovia Paranaguá – Curitiba era, na realidade, ligar o litoral paranaense a Assunção, a capital paraguaia. Porém, como na época Argentina, Brasil e Uruguai lutavam contra o Paraguai na Guerra da Tríplice Aliança, o plano acabou não vingando.

Ainda assim, em meados de 1870 a necessidade de transportar mate ao litoral do Paraná acabou trazendo de volta o assunto sobre a construção de uma ferrovia no estado. Depois de quase uma década de disputas e entraves para decidir por onde de fato os trilhos da ferrovia passariam, as obras começaram em Paranaguá, no dia 5 de junho de 1880, com a presença do ilustre Imperador Dom Pedro II.

Hoje, mais de cem anos após a sua inauguração, a rota continua sendo uma peça fundamental no transporte de carga entre o litoral e a capital do Paraná. Já os turistas, no entanto, fazem o passeio de trem somente entre Curitiba e Morretes, já que o trecho entre Morretes e Paranaguá é utilizado exclusivamente para o deslocamento de mercadorias.

Leia também: 21 dicas do que fazer em Curitiba

1- O que esperar do passeio de trem até Morretes

Mais do que aprender sobre a história desta região, fazer o passeio de trem entre Curitiba e Morretes é uma oportunidade insubstituível para ver os belos cenários que formam a Serra do Mar. Viajar pelos túneis e viadutos que cortam a Mata Atlântica é um momento pra guardar na memória.

Como se não bastasse o deslocamento que por si só já é especial, Morretes esbanja uma simpatia irresistível. Perambular entre suas construções históricas, almoçar um legítimo Barreado e provar uma deliciosa cachaça de banana, são programas que devem estar no seu roteiro pela cidade.

Enfim. Fazer o passeio de trem até Morretes é uma oportunidade conveniente de aliar as comodidades de Curitiba, com o encanto de uma típica cidadezinha do interior.

morretes dicas para o passeio de trem
Paisagem durante o passeio de trem até Morretes

Leia também: 9 dicas valiosas para sua viagem a Curitiba

2- Ir de trem e voltar de ônibus, ou vice-versa?

Agora que você já entendeu que fazer o passeio de trem até Morretes é um bate-volta e tanto para uma viagem a Curitiba, a primeira coisa que precisa saber é que você não fará a ida e a volta de trem. Ou, ao menos não deveria.

Isso porque, apesar do trecho entre Curitiba e Morretes ter apenas 68 quilômetros, o deslocamento pela ferrovia leva em média quatro horas. Ou seja, fazer a ida e a volta de trem significa que você passaria oito horas dentro de um vagão, e que teria pouquíssimo tempo para aproveitar os encantos de Morretes. Por conta disso os viajantes fazem um sentido de trem e a outro de ônibus.

O ideal, na minha opinião, é fazer a ida de trem e a volta de ônibus. Desta forma você curte o visual da Serra do Mar logo de manhã quando ainda está descansado, e tem o resto do dia para curtir Morretes com tranquilidade – já que o último ônibus de Morretes para Curitiba sai às 20hs.

Caso você opte em ir de ônibus e voltar de trem, precisa se programar para embarcar imprescindivelmente às 15hs na estação de trem de Morretes, já que esse é o único horário para regressar a Curitiba pela ferrovia.

como chegar em Morretes - ônibus ou trem?

3- Qual empresa faz o passeio?

A empresa responsável por comandar o passeio de trem até Morretes é a Serra Verde Express. Inclusive, você pode comprar sua passagem de trem diretamente através do site deles. Porém, antes de fazer isso leia o próximo tópico!

4- Quais as categorias e passeios disponíveis

Além de vender os bilhetes comuns (Vagão Turístico) entre Curitiba x Morretes e Morretes x Curitiba, que custa R$ 119,00 cada, a Serra Verde Express oferece ainda outros tours.

O Pacote Pôr-do-Sol Completo, por exemplo, inclui ida de ônibus para Morretes, almoço, tour em Antonina (outra cidade da região), e a volta de trem de Morretes para Curitiba, por R$ 285,00.

Para consultar todos os passeios disponíveis basta clicar aqui.

Caso queira fazer tudo por conta própria, você precisará apenas comprar um dos trechos de trem (R$ 119,00), e não se esquecer de providenciar a outra parte do trajeto. A empresa responsável pelos ônibus entre Curitiba e Morretes é a Viação Graciosa, e a passagem custa R$ 22,00.

Leia também: Onde se hospedar em Curitiba | Dicas, bairros e hotéis

5- O que fazer em Morretes?

Como boa cidade-histórica que é, Morretes concentra suas principais atrações pelos arredores do seu centrinho turístico e às margens do Rio Nhundiaquara. Mas a real é que se você for fazer o passeio bate-volta, o mais legal mesmo é perambular pelas ruas estreitas, observar os casarões antigos e aproveitar as delícias locais. Não faltarão lojinhas de guloseimas, cachaçarias, restaurantes e cervejarias para você deixar seu estômago contente.

Com mais tempo, o Ekôa Park é uma atração e tanto para quem curte atividades de aventura em meio à natureza, como trilhas, arvorismo, tirolesa e até mesmo passeio de balão.

dicas de Morretes
Morretes

Leia também: 7 Parques em Curitiba (Para conhecer ou não!)

6- Onde comer Barreado em Morretes?

Além do passeio de trem e da arquitetura histórica, outra grande atração de Morretes é o Barreado – prato típico do Paraná cujo preparo é um verdadeiro ritual que pode levar mais de 12 horas para ficar pronto.

Feito com carne, toucinho e outros temperos, o Barreado é finalizado com farinha de mandioca, e acompanhado com rodelas de banana e arroz. E, apesar da maioria dos restaurantes servirem o prato típico em Morretes, a minha dica é que você vá diretamente ao Restaurante Madalozo.

Além do espaço organizado e do atendimento pra lá de simpático, me faltam palavras para descrever todas as delícias servidas. É aquele tipo de restaurante que você come muito bem, e fica com pena de não conseguir comer mais.

Por lá o Barreado é servido no sistema de rodízio, e, além do prato mais famoso do Paraná, outras deleites servidos – já inclusos no valor de R$ 65,00/pessoa – são: salada verde, maionese, bananinha recheada (!!!), peixe a milanesa, camarão ao molho e batata-frita. Vai por mim, reserve umas duas horas pra dar conta de comer um pouquinho de tudo.

Não menos importante, o Madalozo ainda oferece como cortesia a degustação de cachaças típicas da região. Não vá embora sem provar a tradicional cachaça de banana.

7- Faço o passeio bate-volta ou fico mais dias?

Poucos destinos cabem tão bem num passeio bate-volta como Morretes durante uma viagem a Curitiba. Portanto, fique tranquilo que você conseguirá aproveitar muito bem este seu dia afastado da capital.

Porém, se você gosta de aventurar em trilhas e cachoeiras, os arredores de Morretes oferece atrações para preencher mais um ou dois dias do seu roteiro.

+ Dicas para fazer o passeio de trem de Curitiba a Morretes

>>> O trem para Morretes sai da Rodoferroviária de Curitiba. Isso mesmo, a rodoviária e a estação de trem da cidade estão no mesmo local, mas em blocos diferentes. Fica na região central e o acesso até lá é fácil fácil.

>>> Reserve algum dia do final de semana para fazer o passeio de trem até Morretes. O motivo é que o trem de passageiros só funciona de sexta a domingo. O que, consequentemente, faz com que a cidade fique mais animada e divertida nestes dias.

Apenas durante a alta temporada – parte de dezembro, janeiro, fevereiro e parte de julho – há trem nos outros dias da semana.

>>> Aliás, justamente pelo fato do trem não sair todos os dias, o ideal é que você compre sua passagem com antecedência. (Principalmente se sua viagem for durante um feriado prolongado!)

>>> Morretes possui temperaturas bem mais altas do que em Curitiba. Mesmo que esteja frio na capital, vá ao menos com uma camiseta fresca por baixo da blusa para não passar muito calor.

>>> NOTA: Realizei o passeio de trem até Morretes durante o Encontro da Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem. O passeio de trem e o almoço foram cortesias da Serra Verde Express e do Restaurante Madalozo, respectivamente.

COMPARTILHAR
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here