COMPARTILHAR

ATENÇÃO

Seguro viagem com até 10% de desconto!!!

Contratando seu seguro com a SegurosPromo através deste link , basta aplicar o cupom VOLTOLOGO5 que você ganhará 5% de desconto.
E se o pagamento for em boleto bancário você ganha mais 5%

»»» Clique aqui e faça uma cotação online agora mesmo!
Búzios: Dicas para organizar sua viagem. Descubra quando ir, quantos dias ficar, como chegar e se locomover, onde se hospedar, quais as principais praias, atrações, passeios e onde comer.
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Viajar a Búzios não estava no meu plano inicial. Apesar de há tempos querer conhecer outro destino na Região dos Lagos, foi só depois que comecei a pesquisar sobre Arraial do Cabo que percebi que, com tempo disponível, é possível fazer um belo roteiro incluindo outros lugares da conhecida Costa do Sol.

A maior surpresa, porém, foi no momento em que me dei conta que para conhecer Búzios – ou menos suas principais praias e atrações – precisaria de mais tempo do que na sua vizinha. E assim, aumentando o ritmo das minhas pesquisas para organizar a viagem, fui sendo conquistado por um destino que ainda não tinha considerado visitar.

Chegando lá, apesar do tempo nublado na maioria dos dias, o balneário mais sedutor do Rio me revelou que sua fama não é em vão. E, neste post, quero te ajudar a constatar o mesmo.

Irei te contar tudo o que você deve saber para planejar uma viagem a Búzios. Da melhor época para conhecer aos restaurantes que experimentei, passando, claro, pelas principais praias, atrações, lugares para se hospedar e como se locomover por lá.

Leia também: Onde ficar em Búzios | Dicas, praias e pousadas

10 pousadas baratas em Búzios 

1- O que esperar de uma viagem a Búzios

Uma viagem a Búzios certamente te brindará com momentos inesquecíveis. Seja em suas praias de águas calmas, em seus restaurantes irresistíveis, ou em alguma pousada onde será difícil querer sair para perambular pela cidade.

Sobre as praias, como se elas por si só já não bastassem, Búzios ainda nos presenteia com vistas e mirantes que nos dão a real noção da sua beleza.

Espere encontrar também uma estrutura pra lá de adequada, serviços de qualidade e muitos, muitos argentinos. Nossos hermanos estão em peso por estas bandas e se ouve pelas ruas mais espanhol do que português! Sem exagero.

Apesar de ser um destino pra lá de romântico ideal para uma viagem a dois, Búzios também recebe de braços abertos famílias com crianças e viajantes solteiros em busca de agito. É claro que na alta temporada é quando a noite é mais animada, porém, mesmo fora dela não é difícil encontrar lugares legais para terminar o dia.

No mais, espere gastar boa parte do seu orçamento com alimentação. Apesar de ter opções para todos os bolsos, comer bem em Búzios não é tão econômico.

búzios dicas de viagem
Estrutura à beira-mar na Praia João Fernandes

2- Quando ir?

Para se encantar por Búzios e ter uma boa primeira impressão das sua praias, recomendo que você fuja dos meses de alta temporada – dezembro a fevereiro – e dos feriados prolongados. É claro que se você gosta de ambientes lotados e com agito, essa é a melhor época. Porém, na minha opinião, as desvantagens acabam vencendo neste caso.

Além dos preços mais altos e trânsito, nos meses de verão a chance de chuva é maior. E, além disso, a sensação que você terá nas praias do balneário pode não ser das melhores. Umas das características das parais de Búzios são suas faixas de areia curtas e estreitas, o que deixa o metro quadrado à beira-mar ainda mais concorrido.

Abril e maio são dois meses para aproveitar a cidade com tranquilidade e dias ensolarados. Outra época intermediaria e que eu consideraria organizar a minha viagem é de setembro a outubro.

búzios quando ir - dicas
Praia Azeda

3- Quantos dias ficar?

Três dias inteiros é o tempo mínimo que eu recomendo. Com dois dias até dá pra você ter uma ideia do que a cidade tem pra te oferecer, porém, é quase certo de que você irá embora com aquele gostinho de que foi muito pouco.

Já os viajantes que gostam de explorar o máximo do destino em uma única viagem, pode apostar que Búzios tem praias (+ de 20), passeios, atrações e restaurantes pra pelo menos uma semana. Neste caso, quantos dias ficar vai ao gosto do viajante! 

4- Como chegar de ônibus?

Cerca de cento e oitenta quilômetros separam a cidade do Rio de Janeiro de Búzios. Se você chegar de avião ao Rio, escolher o Aeroporto Galeão é uma alternativa conveniente pois te dá a oportunidade de pegar um ônibus no próprio aeroporto com destino a Búzios.

A empresa 1001 oferece cinco horários diários para a rota Galeão-Búzios, sendo o primeiro às 8h30 e o último às 18h40.  A viagem leva cerca de três horas e custa R$ 70,00. Ou ainda, saindo da Rodoviária Novo Rio há outros horários disponíveis.

Quem quiser ir de ônibus desde São Paulo até Búzios, a 1001 oferece um único horário por semana: sexta-feira às 21h50, saindo da Rodoviária Tietê. A viagem leva em torno de dez horas e a passagem custa R$ 210,00 ou R$ 310,00, dependendo do tipo de assento escolhido. Para o retorno o ônibus sai de Búzios às 20h15 do domingo.

Já se você estiver em Cabo Frio, há ônibus de linha comum que circula entre estas duas cidades. O percurso leva cerca de uma hora e a passagem custa R$ 6,00. Uma opção econômica pra quem não faz questão de conforto e está com pouca bagagem.

Se você estiver em Arraial do Cabo, basta pegar um circular até Cabo Frio, descer no ponto final, e pegar outro até Búzios.

5- Como se locomover?

Numa primeira viagem a Búzios é natural querermos conhecer o maior número de lugares possíveis. E, a boa notícia, é que isso é perfeitamente viável. Porém, é importante se organizar não apenas sobre como você irá se locomover entre eles, mas também criar uma estratégia para otimizar o seu tempo. Ou seja, é recomendável que você inclua num mesmo dia do seu roteiro praias ou atrações que sejam próximas uma da outra.

Para quem estiver sem carro, algo muito comum em Búzios é alugar um buggy para se locomover. As diárias do veículo custam em torno de R$ 160,00.

Alugar uma bike para passar o dia também pode render um belo passeio. Porém, nem todos os percursos são adequados para pedalar. Além de certos deslocamentos terem subidas bem íngremes, outros mais planos não possuem um acostamento bem feito. Ainda assim, repetiria o meu passeio saindo do centro rumo a Praia da Tartaruga, Praia de Geribá, e terminaria o dia no Porto da Barra.

Outra alternativa que pode te levar aos principais pontos da cidade são as vans compartilhadas, que fazem a vez de um ônibus público. Elas circulam pelas principais avenidas de Búzios e costumam deixar os viajantes bem perto de alguma praia. A passagem custa em torno de R$ 3,00.

Se locomover por água também é possível. Os barco-táxis estão lá pra isso e levam os passageiros que não se importam em se molhar durante o caminho para algumas praias. O valor depende do trecho, mas espere gastar entre R$ 10,00 e R$ 25,00 por pernada.

E claro, apesar de não ser a opção mais barata, não é difícil encontrar pontos de táxis pela cidade.

6- Onde se hospedar?

A primeira pergunta que você deve fazer para decidir onde se hospedar em Búzios, é: “Quero ficar perto de alguma praia, ou da badalação e agito da incomparável Rua das Pedras?”. Nos dois casos não faltarão acomodações com bom custo-benefício.

Localizada na região central de Búzios, a Rua das Pedras e o seu entorno é o lugar ideal pra quem gosta de ficar próximo a incontáveis restaurantes e comércios em geral. A principal desvantagem, no entanto, é que você não ficará grudado em uma praia bacana.

Por esta área, vale conferir os quartos do Che Lagarto Hostel Búzios, CLH Suites Búzios e da Pousada Casa do Centro. Todas estas opções possuem uma boa reputação e localização privilegiada.

Também pela região central, o Morro do Humaitá é pra quem quer ter as comodidades do centro, e se hospedar em pousadas românticas e aconchegantes, como a Pousada Abracadabra e a Vila d’este Handmade.

Cerca de dois quilômetros do centro, a Praia da Ferradura é muito procurada por famílias com crianças, já que o mar calmo desta praia é ideal para os pequenos. Algumas acomodações bem cotadas são a Pontal da Ferradura, Villa Bella Pousada e a Pousada Akaroa.

Outra opção de praia com ótima infraestrutura e não muito distante do centro é a João Fernandes. Por lá, quem reina são as acomodações de grande porte e hotéis com estrutura mais completa, como por exemplo o Colonna Park Hotel.

Mais distante do centro e com estrutura própria é a Praia de Geribá, uma das mais populares de Búzios. Quem estiver em busca de um albergue o Blanca Hostel é uma das melhores alternativas por lá. Já os viajantes que não abrem mão de privacidade, podem gostar da Pousada Blue Marlin, Pousada dos Tangarás e da Pousada Maravista.

Orla Brigitte Bardot, e a estátua da atriz francesa que colocou Búzios no cenário turístico na década de 60.

»»» Confira outras ofertas de hospedagem em Búzios

7- Praias

Com mais de vinte pedaços de areia de frente para o mar, Búzios oferece uma variedade de praias pra viajante nenhum botar defeito.

Pertinho do centro, as irmãs Azeda e Azedinha possuem um cenário pra lá de fotogênico e estrutura limitada.

Não muito longe, com ótimos restaurantes e sempre cheia, está a Praia de João Fernandes. Sua vizinha, João Fernandinho, não faz feio e também merece a sua visita.

Mais longe e fazendo o estilo praiona, a Praia de Geribá possui faixa de areia extensa, boa estrutura e agito. Uma opção menor e mais charmosa bem ao seu lado é a Praia da Ferradurinha.

A Praia Brava é pra quem não se importa com um mar agitado, mas não dispensa uma faixa de areia simpática e espaçosa. Já no seu canto direito começa a trilha que dá acesso à única praia de nudismo da cidade, a Praia Olho de Boi.

Outras praias que você ainda pode conhecer durante sua viagem a Búzios é a Praia da Tartaruga e a pequenina Praia da Foca.

viagem a Búzios - praias
Praia da Ferradurinha

Leia também: 15 praias de Búzios | O Guia Indispensável

8- Atrações e passeios em Búzios

Ficou surpreso com a quantidade de praias que há em Búzios e não sabe por onde começar? O passeio de escuna é uma boa maneira de descobrir quais são àquelas que te parecem mais atraentes. O tour, que dura cerca de três horas e custa em torno de R$ 50,00, costuma passar por doze praias da península e tem três paradas para banho.

Outro jeito de ter esse panorama de Búzios é alugando um buggy e percorrer diversas praias e mirantes em um único dia. Desse modo você consegue ter uma melhor percepção do que cada praia pode te oferecer.

A Rua das Pedras e a Orla Bardot, no centro de Búzios, é o point dos restaurantes e agito. Lugares para comer bem e observar cenários clássicos da cidade.

Outro cantinho para aproveitar uma ótima gastronomia e ter um visual digno de cartão postal é no complexo Porto da Barra.

viagem búzios - passeios
Vista da Praia Brava

Leia também: 7 coisas que você não pode deixar de fazer em Búzios

9- Onde comer em Búzios?

Quem curte se esbaldar em restaurantes bacanas, saiba que isso poderá ser uma realidade durante a sua viagem a Búzios. Porém, como tudo tem seu preço, já aviso que ele não é dos mais amigáveis.

Além dos quiosques à beira-mar, a Rua das Pedras, a Orla Bardot e o Porto da Barra são os outros três lugares com maior oferta de restaurantes em Búzios. Como eu fiquei hospedado pelo centro, as minhas principais comilanças foram por esta região.

Imponente em uma esquina perto da Rua das Pedras, o restaurante Lorenzo é uma boa pedida pra comer um prato executivo menos básico e sem gastar uma fortuna. O menu, que inclui entrada, prato principal e sobremesa, sai por R$ 40,00 na hora do almoço.

Um barzinho/restaurante/hamburgueria que me conquistou foi o Bastidores. Música ao vivo de primeiríssima, atendimento eficiente e um hambúrguer que me enche a boca d’água só de lembrar.

Já a cafeteria que deixou saudades foi a Maria Maria Café, com sua torta de banana com chocolate capaz de alegrar até mesmo um dia chuvoso.

O crepe do Chez Michou é praticamente um patrimônio da cidade e atrai multidões de turistas. Em um ambiente informal e animado, você poderá escolher entre dezenas de sabores doces e salgados, que custam entre R$ 25,00 e R$ 45,00, e que você pagará em dinheiro vivo.

A boa e velha pizza pode ser provada em diversos lugares, mas acabei escolhendo a do La Barceloneta e não me arrependi. Além disso, por lá você ainda encontrará diversos tipos de pratos e porções.

Para gastar pouco, algumas opções são a Empanaderia Real, Sabor de Pescador e Jack Restaurante. Estes dois últimos servem refeições do dia a dia bastante saborosas e por um preço pra lá de camarada.

viagem a buzios - restaurantes
Bastburguer, do Bastidores

Leia também: Onde comer em Búzios [Minhas Experiências]

10- Principais gastos

Assim como em qualquer outro destino, os principais gastos de uma viagem a Búzios vai depender, principalmente, do seu estilo. Porém, é inegável que a cidade não é das mais econômicas.  

Se por um lado é possível encontrar acomodações com bom custo-benefício, por outro, se você quiser comer nos restaurantes mais arrumadinhos terá que desembolsar uma grana considerável.

Quem for ficar em dormitórios compartilhados de albergues espere gastar entre R$ 45,00 e R$ 60,00 pela diária. Já para uma pousada simples na região central, é possível encontrar suítes duplas com tarifas entre R$ 130,00 e R$ 200,00. Se você quiser se hospedar em grande estilo e perto de alguma praia, espere gastar pelo menos R$ 300,00 por noite.

Para comer, um prato feito básico fora da Rua das Pedras deve sair por cerca de R$ 20,00 ou R$ 25,00. Já na rua mais famosa da cidade quem reinam são os menus mais elaborados que servem duas pessoas, e custam facilmente a partir de R$ 90,00.

Uma pizza grande custa em torno de R$ 65,00. E também há lugares que oferecem rodízios por R$ 45,00. Já um hambúrguer deve custar aproximadamente R$ 35,00.

Na praia, é comum os quiosques e restaurantes cobrarem consumação mínima para que você usufrua das suas cadeiras e guarda sois a beira mar. O preço varia de acordo com a praia e estabelecimento, mas é difícil encontrar algo por menos de R$ 60,00. Se não for consumir nada, você pode só alugar as parafernálias por um valor mais baixo.

*** Todos os preços informados neste post são de abril/2018

»»» Ficou com alguma dúvida ou tem outras dicas para organizar uma viagem a Búzios? Me conta aí nos comentários! 🙂 


QUER AJUDAR O BLOG SEM PRECISAR GASTAR UM ÚNICO CENTAVO POR ISSO? 

Utilizando os serviços dos nossos parceiros através dos links, banners e caixas de pesquisa que estão aqui no blog, nós ganhamos uma pequena comissão e VOCÊ NÃO PAGA ABSOLUTAMENTE NADA A MAIS POR ISSO.

 Confira as dicas de como pesquisar e reservar sua hospedagem através do Booking.com

COMPARTILHAR
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

2 COMENTÁRIOS

  1. Búzios tem um passeio de buggy que dura em média 1h e 30minutos que lhe dá a oportunidade de ver oito praias e dois mirantes, o visual é incrível vale muito apena fazer o passeio de Buggy, durante o Passeio é comum o bugueiro contar um pouco da história da cidade, dos nomes das praias, dos monumentos, entre outras curiosidade!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here