Viagem a Maragogi, em Alagoas: Dicas para organizar seu roteiro. Descubra quando ir, quantos dias ficar, como chegar, onde se hospedar, o que fazer e onde comer!
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Ostentando um mar com água azul hiper cristalina, uma viagem a Maragogi, no estado de Alagoas, se tornou o sonho de muitos viajantes que querem sombra e água fresca para as férias.

O que muita gente não sabe, porém, é que para conseguir aproveitar tudo o que há de melhor nas praias desta região, é preciso ter muita atenção na hora de planejar o roteiro. Eu mesmo, fui até lá e não consegui ver suas praias no auge de sua beleza.

É claro que deu para aproveitar bastante e comprovar que, de fato, a natureza foi generosa por estas bandas. No entanto, não dá pra negar que ficou aquele gostinho amargo por eu não viajado na melhor época do ano.

Portanto, para que você não tenha nenhuma surpresa desagradável durante sua viagem a Maragogi, neste texto eu contarei tudo o que você deve saber para se planejar adequadamente.

Tenho certeza que se você ler este texto atentamente até o final, e seguir as dicas sugeridas, as suas férias serão inesquecíveis (no bom sentido, claro!)

# Dicas de viagem a Maragogi, em Alagoas

1- Qual a melhor época para ir a Maragogi?
2- Quantos dias ficar?
3- Como chegar em Maragogi
4- Melhor região para se hospedar?
5- O que fazer em Maragogi
6- Onde comer em Maragogi
7- Roteiro de viagem a Maragogi

1- Qual a melhor época para ir a Maragogi?

A melhor época para ir a Maragogi é de outubro a janeiro. Neste período o tempo é firme e a tonalidade da água já está no auge da sua cristalinidade. Se puder, apenas evite janeiro porque é a altíssima temporada, o que significa preços mais altos e praias lotadas.

Fevereiro, março e setembro são meses de transição e costuma ser uma loteria. Há quem vá e consiga aproveitar bastante. Em fevereiro, inclusive, o mar ainda está com aquela cor azul que a gente tanto gosta. Por outro lado, chuvas nestes meses não é nenhuma surpresa. Estive lá em setembro e pude comprovar isso.

De abril a agosto é a temporada oficial das chuvas. Portanto, se só puder viajar neste período, é melhor escolher outro destino.

Não menos importante, independente de quando for a sua viagem a Maragogi, para conhecer as famosas piscinas naturais é preciso estar na cidade no período de maré baixa. Durante dez dias por mês, quando a maré está alta, este passeio não acontece.

Por isso, para não correr risco, é bom se planejar de acordo com a tábua das marés – que nos informa com bastante antecedência sobre a dinâmica deste fenômeno. 

Maragogi - quando ir
Praia de Ponta de Mangue

2- Quantos dias ficar?

Recomendo passar ao menos três dias inteiros em Maragogi. Dessa forma dá para conhecer as principais atrações da região sem correria. Com mais tempo, dá para repetir praias e botar o bronzeado em dia.

Saindo de Maceió e de Porto de Galinhas há passeios de um dia, no esquema bate-volta até Maragogi. No entanto, não acho que seja o melhor jeito de conhecer este destino. Além de passar muito tempo na estrada, quem faz esse tour conhece apenas as piscinas naturais e passa em alguma praia para o almoço.

Barreira do Boqueirão - Alagaoas
Barreira do Boqueirão

3- Como chegar em Maragogi?

Maragogi está localizada a 125 quilômetros de Maceió, e a 135 quilômetros de Recife. Portanto, os aeroportos das duas capitais nordestinas servem como porta de entrada para a cidade.

Confira a seguir as diferentes maneiras de chegar no destino alagoano.

Vale a pena alugar um carro em Maragogi?

Se você gosta de dirigir e está disposto a investir num veículo, saiba que um carro próprio facilita a vida na hora de uma viagem a Maragogi – principalmente se seu roteiro for mais extenso e incluir outros destinos da região.

O conforto e a liberdade de um carro são benefícios irresistíveis quando se sabe que o transporte público por estas bandas não é lá tão prático.

Além disso, se você estiver viajando em grupo e tem com quem dividir as despesas, alugar um carro pode significar uma boa economia se comparado aos deslocamentos de transfers ou táxi.

Em todo caso, quem não quer dirigir consegue se virar com trasfers, excursões e, eventualmente, um ônibus para distâncias mais curtas.

Do Aeroporto de Maceió para Maragogi

Não há ônibus que saia do Aeroporto de Maceió (Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares) e vá direto para Maragogi. Para fazer este deslocamento sem precisar passar pela cidade, as opções são táxi/Uber ou transfer.

Uma corrida de táxi ou Uber entre o Aeroporto de Maceió e Maragogi deve custar entre R$ 250,00 e R$ 300,00.

Para quem estiver sozinho, o transfer compartilhado tem melhor custo benefício, já que custa aproximadamente R$ 110,00 por pessoa. Uma das empresas que prestam este serviço é a Tropicana Turismo.

Já na volta, para ir de Maragogi para o Aeroporto de Maceió, é mais prático para conseguir um táxi compartilhado. No centrinho, de onde saem as vans para outros destinos, é fácil encontrar taxistas formando grupos com as pessoas que vão chegando. Neste caso, cobram em torno de R$ 60,00 por cabeça.

Para ir do Aeroporto de Maceió para Maragogi gastando menos, a opção é ir do aeroporto para a rodoviária (Uber, R$ 35,00), e de lá seguir até Maragogi de van (veja como abaixo!).

Da cidade de Maceió para Maragogi

Além de táxi ou Uber, outras duas maneiras de chegar em Maragogi a partir da cidade de Maceió, são: vans públicas ou de carona com algum tour.

As vans saem da rodoviária e vão parando em diversas cidades ao longo do caminho. A viagem leva ao menos três horas e custa R$ 25,00.  Chegando na rodoviária de Maceió, você paga a taxa de embarque (R$ 1,00) e a passagem é direto com o motorista da van.

 É bom confirmar os horários das vans quando estiver em Maceió, mas quando fui, as saídas, eram: 6h20, 7h20, 9h15, 13h10, 14h15, 16h45 e 18h10. Tenha em mente que as vans não têm espaço de bagageiro e nem ar condicionado.

Outra possibilidade é pegar carona com algum passeio que sai de Maceió rumo a Maragogi. No caso, você vai como se fosse fazer o tour, porém, quando chegar em Maragogi, se separa do grupo e vai para seu hotel.

Essa alternativa custa em torno de R$ 50,00, não tem pinga-pinga em outras cidades e faz o percurso em aproximadamente duas horas com vans novas (e tem ar condicionado). A desvantagem, porém, é que como o horário de saída leva em conta a tábua das marés – já que as pessoas que farão o passeio em Maragogi dependem disso! – muitas vezes a saída de Maceió é de madrugada.

como chagar em Maragogi
Vans e micro ônibus que saem da rodoviária de Maceió para Maragogi

Do Aeroporto de Recife para Maragogi

Chegando pelo Aeroporto Internacional de Recife, as opções para ir a Maragogi são táxi, Uber e transfer. Os preços são os mesmos desde o Aeroporto de Maceió, já que a distância é praticamente igual.

Espere gastar entre R$ 250,00 e R$ 300,00 pelo serviço de táxi/Uber, ou R$ 100,00 por pessoa em um transfer compartilhado (a Tropicana Turismo também faz este trecho!)

De Porto de Galinhas para Maragogi

Caso encontre um motorista que aceite a viagem, uma corrida de táxi ou Uber entre Porto de Galinhas e Maragogi, custa em torno de R$ 250,00.

A outra opção é ir de carona com algum passeio que sai de Porto de Galinhas rumo a Maragogi. Neste caso, espere gastar R$ 100,00 por pessoa.

Para ir de transporte público a aventura é longa e envolve três vans e pelo menos quatro horas na estrada. Os deslocamentos, são: Porto de Galinhas x Barreiros, Barreiros x Peroba e Peroba x Maragogi.

4- Melhor região para se hospedar

Basicamente, há apenas dois perfis de hospedagem em Maragogi: as do centro e as que ficam afastadas do burburinho.

Quem fica no centrinho tem boa oferta de bares e restaurantes, inclusive, sai a pé para jantar a noite. Além disso, os passeios são mais fáceis de serem negociados e as acomodações são mais econômicas.

Já quem prefere se hospedar em alguma praia mais bacana, e consequentemente longe do centro, fica parcialmente dependente do local em que está hospedado – principalmente se estiver sem carro. É uma boa pedida para quem quer ficar em algum resort ou investir numa acomodação mais elegante. 

Maragogi - dicas de viagem
Centro de Maragogi

Hotéis e pousadas em Maragogi

No centro, o melhor albergue para se hospedar durante uma viagem a Maragogi é o Maraga Beach Hostel. Foi lá que eu fiquei hospedado e com toda certeza ficaria outras vezes. Tem boa localização, funcionários simpáticos, limpeza bem feita e café da manhã caprichado.

Para quem não abre mão de uma pousada, mas nem por isso quer gastar uma fortuna, as centrais Pousada Coco Verde e a Pousada Olho D’água oferecem excelente custo-benefício. Não à toa, são duas das mais concorridas e bem avaliadas de Maragogi.

Para uma pousada mais intimista e charmosa, a Ecohar Yoga é uma boa surpresa e já inclui café da manhã e jantar nas diárias.

Para investir num resort, o melhor de Maragogi fica a dois quilômetros do centro e atende pelo nome de Salinas Maragogi. Além da ótima estrutura, trabalha com o sistema all inclusive.

Ao norte, na Praia de Antunes, a hospedagem mais requintada do pedaço é a caríssima – e muito bem comentada – Pousada Rangai.

Se preferir, clique aqui e encontre outros lugares para se hospedar durante a sua viagem a Maragogi.

Maraga Beach Hostel - Alagoas
Maraga Beach Hostel

Leia também: 10 pousadas baratas em Maragogi

5- O que fazer em Maragogi

Uma viagem a Maragogi é aproveitada no mar, portanto, lembre-se de planejar suas férias para não ir na época errada.

Basicamente há três passeios para fazer na cidade: piscinas naturais, buggy norte e buggy sul. Quem estiver de carro consegue visitar as praias dos passeios de buggy por conta própria.

Piscinas naturais de Maragogi

As piscinas naturais de Maragogi é a grande atração da cidade, e, talvez, o destino mais em alta de todo o estado de Alagoas.

Tenha em mente, porém, que para sua experiência ser bacana é preciso que o dia esteja claro e com o sol estralando, a maré baixa (no máximo 0,4), e que preferencialmente não tenha chovido nos dias anteriores.

Acredite: qualquer um destes critérios que não seja atendido fará com que a sua visita seja menos impressionante do que se todas estas condições fossem cumpridas. E, normalmente, as fotos embasbacantes que vemos nas redes sociais são com estas condições perfeitas. 

Sobre a parte prática do passeio às piscinas naturais de Maragogi, normalmente ele tem duração de duas horas, e o embarque é da praia do centro . O horário varia de acordo com a maré, sendo que as agências e barqueiros se programam para chegar lá no momento da maré mais baixa.

Já o preço vai depender do tipo de embarcação e se já inclui máscaras para mergulho. No meu caso, contratei no hostel em que fiquei hospedado e paguei R$ 60,00 para ir de lancha e mais R$ 15,00 pelo aluguel de snorkeling. No barco, normalmente ainda oferecem serviço de fotografia aquática por R$ 50,00. Particularmente, vi as fotos de um pessoal que contratou o serviço e achei bem ruins.

Há ainda a possibilidade de fazer um mergulho com cilindro onde a profundidade varia entre quatro e seis metros. Neste caso, há empresas que já oferecem o pacote de transporte em lancha + mergulho com cilindro + fotos, por R$ 130,00.

piscinas naturais em Maragogi - dicas
Piscinas naturais em Maragogi

Leia também: Guia sobre piscinas naturais

Praias em Maragogi

Além do passeio às piscinas naturais, Maragogi tem belas praias para ficar à toa de frente para o mar. Para conhecê-las, dá para fazer os passeios de buggy que passa por diversas praias num único dia, ou visitá-las por conta própria, seja de carro ou até mesmo com o transporte público.

O passeio de buggy tem duração de três horas, custa em média R$ 260,00 para até quatro pessoas, e há duas rotas: norte e sul.

Ao norte, o itinerário passa pelas praias do Burgalhau, Barra Grande, Antunes, Xaréu e Ponta de Mangue.

Ao sul, os destinos, são: praias de Camacho, São Bento, Japaratinga, Bintigui e Barreiras de Boqueirão.

Caso você tenha pouco tempo, tente negociar com algum bugueiro para fazer os dois passeios num mesmo dia.

As praias mais fáceis para visitar por conta própria com o transporte público são as do norte. Saindo do centro de Maragogi, vans – a todo momento – partem para essa direção e param na rodovia, a mais ou menos dez minutos de caminhada da praia. Basta informar o motorista em qual praia você irá que ele te avisa quando chegar.  

Já para visitar as praias do sul, com o transporte público, é mais trabalhoso. Até dá pra chegar de van direta em Japaratinga. Porém, para continuar até Barreiras de Boqueirão, por exemplo, é necessário pegar um moto-táxi.

Para mim, as praias mais lindas são a Praia de Antunes, Ponta de Mangue e a região de Barreiras do Boqueirão.

Praia de Antunes - Alagoas
Praia de Antunes

6- Onde comer em Maragogi

A maioria dos lugares para comer em Maragogi estão na orla do centrinho, na Avenida Senador Rui Palmeira. Para quem quer economizar, na hora do almoço muitos restaurantes oferecem self-service sem balança por R$ 15,00.

Outro lugar para comer bem e gastar pouco é na padaria Pães e Cia, que serve pratos executivos e sanduiches que variam entre R$ 12,00 e R$ 17,00.

Na Degutti Cafés e Crepes eu comi uma das melhores tapiocas da vida. Com ambiente discreto e preços acima da média da cidade, lá você encontra tapioca, crepe (R$ 30,00), cuscuz (R$ 18,00), omelete, milk-shake e sobremesas. Está longe de ser o lugar mais baratinho, mas ao menos a minha tapioca (rendada, de camarão, ricota e mussarela, R$19,00), valeu cada centavo.

onde comer em Maragogi
Tapioca do Degutti Cafés e Crepes

Com uma variedade enorme de sabores no cardápio, a Pizzaria Regina é um dos restaurantes mais arrumados da cidade e serve boas pizzas (média de R$ 45,00, a grande). Com atendimento rápido e decoração rústica, é um bom lugar para um jantar em família. Além de pizzas, no menu também há crepes, massas, carnes e peixes.

Se quiser um ambiente descolado e com bons hambúrgueres, seu lugar é no Sensei Burguer. Além dos lanches, que custam entre R$ 18,00 e R$ 22,00, o Sensei também serve porções de petiscos (R$ 35,00) e comida japonesa.

restaurantes em Maragogi
Hambúrguer do Sensei Burguer

7- Roteiro de viagem a Maragogi (5 dias)

Confira a seguir uma sugestão de roteiro de 5 dias em Maragogi. Tenha em mente que, dependendo do seu horário de chegada e partida, dá para incluir algumas atrações nestes dias.

Dia 1: Chegada

Dia 2: Manhã nas piscinas naturais e tarde na Praia de Antunes

(Dependendo do horário da maré baixa, talvez seja necessário inverter a ordem dos passeios)

Dia 3: De manhã, passeio de buggy pelo norte, nas praias de Burgalhau, Barra Grande, Antunes, Xaréu e Ponta de Mangue. Tarde livre na praia que mais gostou durante o passeio.

Dia 4: De manhã, passeio de buggy pelo sul, nas praias de Camacho, São Bento, Japaratinga, Bintigui e Barreiras de Bouqueirão. Tarde livre no centro de Maragogi. (Sugestão: vá ao Mirante do Alto do Cruzeiro).

Mirante do Alto do Cruzeiro
Vista do Mirante do Alto do Cruzeiro

Dia 5: Retotno

» Cada passeio de buggy tem duração média de três horas. Caso tenha pouco tempo disponível, negocie com um bugueiro para fazer os dois passeios em um mesmo dia!

» Os preços indicados no post são referente a setembro/2019, ou seja, baixa temporada. Espere encontrar preços ligeiramente mais altos caso viaje em dezembro ou janeiro.

» Ficou com alguma dúvida ou tem outras dicas de viagem a Maragogi? Me conta aí nos comentários! 🙂

3 lugares para se hospedar em Maragogi

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Maraga Beach Hostel é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, a Pousada Olho D’água tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Querendo investir em um resort, o Salinas Maragogi é um all inclusive de respeito.

» Se preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em Maragogi.

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here