“Mas quem é que disse que a melhor época para se viajar é a seca?”, retrucou meu amigo, inconformado, quando lhe disse que adiaria uma viagem pois aquela era a estação chuvosa em um destino qualquer pela América do Sul.

Respondi com outra pergunta, “Ué, mas quem é que gosta de viajar e só pegar chuva?”, e, para a minha surpresa, me disse que ele era uma dessas pessoas. Afinal, como biólogo e fotógrafo, boa parte das suas trips são para fotografar determinadas espécies de anfíbios que, segundo me explicou, fica muito mais fácil quando chove.

Toda essa história é para você perceber o quanto a famosa dúvida sobre melhor época para viajar pode ser um tanto quanto relativo.

Na realidade, não há uma verdade absoluta, tudo vai depender dos seus gostos e do objetivo da sua viagem. Tem quem vá em busca de neve, aqueles que fogem do frio e aqueles que, como o meu amigo, fazem questão de viajar em épocas de chuva.

Por isso, nesse post vou te contar, de um modo geral, como é o clima nos países da América do Sul.

Quando eu eventualmente mencionar que uma época é melhor do que a outra, tenha em mente que estou admitindo que você é um “turista comum”. Ou seja, um viajante que não quer passar seus dias de férias dentro de um quarto de hotel por causa das chuvas.

No final, é você quem vai decidir qual é a melhor época para viajar pela América do Sul, de acordo com o seus gostos e datas disponíveis.

Leia também: Seguro viagem para América do Sul | Dicas indispensáveis

# Melhor época para viajar pela América do Sul

» Argentina
» Bolívia
» Chile
» Colômbia
» Equador
» Paraguai
» Peru
» Uruguai
» Venezuela, Guianas e Suriname

# Argentina

Nossos hermanos argentinos possuem o segundo maior território da América do Sul, portanto, já é de se imaginar que o clima na Argentina varia bastante de acordo com a região.

Na Patagônia, por exemplo, a alta temporada é de novembro até o começo de abril. São os meses mais recomendados para práticas de atividades ao ar livre, pois os dias são mais longos e as temperaturas menos congelantes do que no inverno.

Buenos Aires vai a gosto do freguês, ou melhor, do viajante. As estações são bem definidas e a cara da cidade muda de acordo com a época do ano. De um modo geral não tem contra indicações.

Bariloche atrai turistas principalmente durante o inverno – de junho a agosto. De fato, para quem quer ver neve essa é a melhor época do ano. Eu a visitei durante o verão e, particularmente, achei fantástico.

Para quem vai à Mendoza duas épocas costumam ser mais atraentes: durante o inverno, para aqueles que querem neve; e de fevereiro a abril para quem quer passear pelo vinhedos repletos de uva.

Ao norte do país os meses mais secos são entre junho e setembro.

Quando viajar pela América do Sul
Bariloche durante o verão

Leia também: 12 destinos para conhecer na Argentina

# Bolívia

Como a maioria dos viajantes que vão à Bolívia gostam de conhecer a região andina, quase sempre é o clima nessa área que determina a data da viagem.

Considerando isso, pode-se afirmar que os meses a serem evitados são dezembro, janeiro, fevereiro e março – a época mais chuvosa.

Por outro lado, se você fizer questão de visitar o Salar de Uyuni quando o reflexo d’água no salar espelhar no céu, será necessário ir na época mais úmida.

De abril a outubro o clima é mais seco, com dias ensolarados e noites um pouco mais frias.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto na Bolívia

# Chile

A região central do Chile possui as estações bem definidas. Sobre as chuvas, elas acontecem com mais frequência durante o inverno, mas dificilmente atrapalharão uma viagem.

Aliás, os meses de junho, julho e agosto são cada vez mais procurados pelos brasileiros por causa das pistas de esqui do Valle Nevado, em Santiago.

A Patagônia Chilena segue o mesmo perfil da sua vizinha Argentina. Baixa temporada durante o inverno por causa do clima congelante, e popular durante o verão.

No norte do país o principal destino é o grandioso Deserto do Atacama, que pode ser visitado em qualquer época. Apenas atente-se que durante o inverno as temperaturas caem bastante durante à noite. Outono e primavera são períodos que costumam agradar já que as amplitudes térmicas não são tão grandes.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto no Chile

América do Sul quando ir
Torres del Paine

 

# Colômbia

De um modo geral, os meses com menos chuvas na Colômbia são de dezembro a abril e de julho a setembro. Outubro e novembro são meses que, normalmente, chove bastante e que eu evitaria.

Bogotá possui temperaturas frias durante todo o ano devido, principalmente, a sua altitude. Apesar de os dias serem ensolarados durante o verão, é sempre bom ter uma blusa, pois, durante a noite a temperatura costuma cair.

Em Medellín o clima é de eterna primavera o ano inteiro. Passei três meses na cidade e não usei blusa de frio nenhuma vez.

Já o caribe colombiano é uma sauna a céu aberto. As temperaturas dificilmente ficam abaixo dos 30 C, mesmo durante à noite.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto na Colômbia

viagem pela América do Sul
Pôr do sol em Santa Marta

Leia também: 11 destinos para conhecer na Colômbia

# Equador

Apesar de ser territorialmente pequeno, o clima no Equador sofre grandes variações dependendo da região. Os meses mais secos no país são durante o inverno, de junho até o final de agosto.

Em Quito chove bastante o ano todo. Estive na cidade durante o mês de novembro e aprendi que para aproveitar bem os meus dias, teria que acordar o mais cedo possível. Isso porque, normalmente, o tempo fechava na parte da tarde.

O Arquipélago de Galápagos é a exceção do país e não chove muito por lá, pode visitá -lo tranquilamente em qualquer época do ano. 

» Encontre hotéis com até 40% de desconto no Equador

viajar pela América do Sul
Quito

Leia também: 7 roteiros de mochilão pela América do Sul

 

# Paraguai

O clima no Paraguai sofre poucas variações ao longo do ano. Com exceção dos meses de junho, julho e agosto, que são mais secos e com temperaturas amenas, nos outros meses do ano faz calor e a precipitação média é de 130 mm ao mês.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto no Paraguai

# Peru

Destino cada vez mais popular entre os brasileiros, a alta temporada no Peru vai de maio a agosto, sendo os meses de junho e julho os mais concorridos. Isso porque, essa é a estação seca na região andina e ideal para quem quer praticar trekkings, ou conhecer Cusco e Machu Picchu sem chuva.

Lima é uma das capitais mais secas da América do Sul. Se você pretende viajar somente para essa cidade, as chuvas não são motivos de preocupação.

Outra região com pouquíssima chuva é o litoral peruano. Durante o inverno, porém, pode haver frequentemente uma camada de neblina pairando no ar. Por causa disso os meses mais procurados são durante o verão.

Na área amazônica o clima é bastante úmido durante o ano inteiro.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto no Peru

América do Sul
Machu Picchu

Leia também: 10 dicas essenciais para um mochilão na América do Sul

# Uruguai

As chuvas no nosso vizinho Uruguai são bem distribuídas ao longo do ano. Não há uma estação especifica em que a precipitação seja muito maior do que nas outras.

O país costuma ser muito visitado no verão, já que boa parte dos turistas  aproveitam a viagem para conhecer algumas praias uruguaias.

Estive na cidade duas vezes e ambas durante o outono. Os dias eram claros, ensolarados e ventava bastante. Durante à noite as temperaturas baixavam um pouco.

Quem não gosta de frio deve evitar o inverno. Embora a temperatura média não seja tão baixa, não é raro a sensação térmica chegar a 5 C.

» Encontre hotéis com até 40% de desconto no Uruguai

América do Sul melhor época
Montevidéu

# Venezuela, Guianas e Suriname

Localizados acima da linha do Equador, inverno é uma palavra que, praticamente, não faz parte do vocabulário nesses países. As temperaturas só ficam baixas quando você começa a viajar por regiões acima dos 800 metros de altitude, na Venezuela, por exemplo. Fora isso o calor é constante.

De dezembro a abril é quando menos chove nesses países.

Mais do que se preocupar com clima, nestes países é preciso estar atento sobre as condições econômicas e políticas atuais na região. Afinal, historicamente, é um pedaço da América do Sul bastante conturbado e nem sempre seguro para viajar.

+ Dicas de quando viajar pela América do Sul

>>> Antes de finalizar as dicas sobre qual a melhor época para viajar pela América do Sul, vale lembrar que não devemos encarar a meteorologia como lei nas nossas viagens. Elas até podem nortear o nosso planejamento, mas convenhamos, o clima varia muito na maior parte desses destinos.

Além disso, há inúmeros fatores que podem ocasionar mudanças climáticas de uma hora para outra. Sempre haverá aquela chuva inesperada, aquele frio fora de hora, ou então, aquele tempo bom depois de semanas de dilúvio. Lembre-se de que o fator sorte não pode ser previsto.

>>> A ideia desse artigo é te dar um panorama geral do clima em alguns dos principais destinos na América do Sul, o ideal é que você faça uma busca mais especifica de acordo com as cidades que pretende conhecer.

>>> Lembre-se de que lugares com maior altitude, mesmo localizados em países considerados de “eterno verão”, tendem a ter temperaturas mais baixas.

>>> Você deve estar sentido falta do nosso Brasil nessa lista, acertei? Mas não pense que me esqueci dele. Como ocupamos quase metade da América do Sul e temos um clima mega diversificado, decidi deixá-lo de fora desse texto e escrever um post somente sobre ele.

>>> Tem outras dicas sobre qual a melhor época para viajar pela América do Sul? Me conta aí nos comentários, afinal, tenho certeza de que irá ajudar outros viajante!

Evite este erro na sua viagem pela América do Sul

Não contratar um bom seguro para sua viagem pela  América do Sul é um erro do qual você não gostará de se arrepender. Ainda mais quando descobrir que ele pode custar muito menos do que você imagina.

Clique aqui e faça uma cotação online que compara os planos com melhor custo-benefício do mercado.

Avatar para Anônimo
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

26 COMENTÁRIOS

  1. Olá Muilo,

    Primeiro quero dizer que virei um fã seu, me ajuda em uma dúvida?? Pretendo viajar por um ano de motorhome e já tinha planejado sair em 26/02/2022, porém depois de ler o post 7 roteiros de mochilão pela América do Sul e este post tbm, estou querendo mudar minha data, pq estou com medo de pegar muito frio na nossa van e minha esposa não gosta muito de frio e meu filho estará com 4 anos, eu pretendo levar duas Bikes, snorkel e uma prancha de stand up para explorar bastante a natureza. Outro porém é que vou sair da Bahia e queria começar a viajem pelo Nordeste (Posso mudar tbm e começar pelo Sul), resumindo, estou mais perdido que cebola em salada de frutas para escolher o melhor período, kkkkk. Me ajuda???

    • Olá Moisés, tudo bem?

      Que bacana. Fico contente em saber que gostou do blog! =)

      Caramba, é uma baita viagem, hein!? Que demais.

      Então você tem ideia de quais países quer visitar durante a viagem? Ou seria um apanhado geral por toda América do Sul?
      De qualquer forma, como você pretende viajar durante 1 ano, é bem provável que em algum momento terá que enfrentar o frio em algum lugar! hahaha

      Além disso, você pretende fazer paradas pelo Brasil também?

      Um possível roteiro:

      Outubro: Nordeste
      Novembro: Rumo ao sul (com paradas em destinos brasileiros)
      Dezembro (Primeira Quinzena): Uruguai
      Dezembro (Segunda Quinzena): Rumo a Patagônia
      Janeiro: Patagônia Argentina e Chilena
      Fevereiro: Região dos Lagos Argentina e Chile
      Março: Santiago (Chile), Mendoza (Argentina), Norte da Argentina
      Abril: Deserto do Atacama, Sala de Uyuni e outros destinos na Bolívia
      Maio e Junho: Bolívia e Peru
      Julho: Equador
      Agosto e setembro: Colômbia

      Lembrando que esse é apenas um rascunho inicial e que o tempo em cada lugar vai depender dos seus gostos. É uma logística para tentar escapar do frio rigoroso nos principais destinos da América do Sul, e ainda coincidir como uma época adequada para visitar cada um deles! =)

      Abraço!

      • Eu estava focado na planta do motorhome e compra da Van, não parei para pensar no roteiro até ver seu Blog, agora estou super empolgado em montar um roteiro legal, pensei em sair pelo nordeste e voltar pelo Sul, mas estou querendo começar ao contrário e seguir mais ou menos esse roteiro que vc esbouçou, fazendo um apanhado pelos principais pontos turísticos, mas irei sem pressa, se for para ficar mais ou menos de 15 dias nos lugares estando legal ficaremos.
        Não quero parar muito no Brasil, seria em uma próxima viagem com a Van em menos tempo, pois não quero perder a escola de meu filho, as próximas viagens serão de 30 a 45 dias pelo Brasil. Sei que passaremos algum frio, até pq queremos conhecer a neve, hahaa. Mas quero visitar o máximo de países possível, se for legal.
        Muito obrigado pelo seu retorno e roteiro, já me deu um norte muito legal, abraço e nos encontramos por ai!

        • Que bacana, Moisés! Entendi.

          Realmente, eu também acho que nessa viagem mais longa o ideal é focar mais tempo nos outros países, e o Brasil a gente vai conhecendo aos poucos… hehehe

          Bom, caso precise de outras dicas é só avisar!

          Abraço!

          • Muito obrigado mesmo pela sua atenção, aproveitando já da sua boa vontade, rsrs,, estava pensando em deixar de fora a Colômbia e Venezuela (Mais por causa das polêmicas de insegurança e tbm por ter muita vontade de ir até o Ushuaia ) e só ir até o Peru (No roteiro começando pelo Sul do Brasil) terminando pelo Nordeste Brasileiro, o que vc me aconselha??

          • Bacana, Moisés!

            Pode ser uma boa. Embora eu goste bastante da Colômbia, dessa forma você consegue aproveitar melhor cada destino que visitar, com mais tempo… E a volta do Peru será mais prática.

            Em todo caso, sobre a questão de segurança, atualmente não vejo grandes complicações para viajar pela Colômbia. Deve-se tomar os mesmo cuidados do que no Peru ou Bolívia, por exemplo!

            Abraço

  2. cara a Venezuela é muito perigoso pra viajar, serio, vc deveria avisar os viajantes, sabemos que esse pais está passando por problemas sérios avise dos riscos que possivelmente pode ter ao viajar para um pais que tem crise político,econômico,e os meios para chegar ao Venezuela são quase impossíveis para chegar.

  3. Oi, Murilo. Td bem?! Estou planejando viajar para Cartagena em meados de dezembro. O que voce tem a dizer sobre o clima nesta época? Queria fazer Cartagena + San Andres mas ouvi muitos comentarios falando que San Andres em dezembro é nublado. Enfim, fiquei na duvida também quanto ao preço, tenho um budget de 4.000 reais no maximo, e nao sei se eu for p San Andres o dinheiro vai dar, por isso pensei em ficar em Cartagena e ir pras praias da Isla del Rosario.
    Voce teria alguma recomendação do que voce faria no meu lugar? Seria para entre 8 e 10 dias de viagem.
    Obrigada, seu blog é excelente!!

    • Oi Camila, tudo ótimo e contigo?

      Em Cartagena já passou a fase mais chuvosa (que é outubro). Já em San Andrés, o bicho costuma pegar mesmo até novembro. Em dezembro a chuva já começa a diminuir beeeem e você não deve ter a viagem arruinada por conta disso.

      Com 10 dias eu faria Cartagena e San Andrés, se o orçamento der, claro (aí depende do seu estilo/hospedagem que pretende ficar e se os R$ 4.000,00 já é com passagem aérea ou não!?). Com sete ou oito dias eu faria apenas Cartagena e exploraria as ilhas por estas bandas (há várias)! xD

      Espero ter ajudado!

      Abração

  4. Caraaaa, voce salvou meu mochilão com essas informações.
    Estava com um medo absurdo de trocar a data e estragar minha viagem.
    Agora vou em paz no mês de agosto, pronta pra curtir todo clima que a natureza mandar.
    Abraçooooo

  5. Muito legal teu blog Murilo! 🙂 Amo praia e queria fazer algo bem aproveitado entre 10 e 14 dias. Alguma sugestão de quais não posso perder? Quero incluir San Andres e Cartagena e consigo fazer México tbm neste período? Muito obrigada e boas viagens!

    • Faaala Crisk, beleza!?

      Que bom que gostou do blog! xD

      Eu deixaria o México para uma outra trip.. (Ou faria apenas México).

      É que estes dois países tem atrações de sobra pra este período disponível que você tem!

      Com 10 dias você faz sem correria Cartagena e San Andrés. Com 14 dá pra incluir Santa Marta e o Parque Tayrona.

      Abração!

    • Faaala Evandro, tudo bem?
      Bolívia e Peru é uma boa porque é época seca. Porém, faz um pouco de frio ainda… hehe
      Já o Caribe colombiano é bem quente nesta época! 🙂

      Abraço

  6. é preciso de tempo pra ler o seu blog, tem muitas informações boas demais. Será q é possivel fazer america do sul e central em 4 meses de boa? digo em relação ao tempo, n quero turistar muito apenas conhecer o local, sua cultura e a gastronomia, sem pressa. E a grana? fico em albergues, campings, quero fazer trilhas tb..

    • Oi Luciana!
      Em quatro meses dá pra conhecer bastante coisa, mas é claro que outras tantas ficarão de fora!
      ehehehe

      Aí depende de montar um roteiro de acordo com os tipos de lugares que você mais gosta…

      Abraço!

  7. Oi, Murilo!
    Tudo bem?
    Obrigada pelas dicas, mas ainda estou um pouco perdida em qual mês escolher para viajar…
    Pretendo fazer um mochilão pela Argentina, Chile e Peru ano que vem…
    Estava pensando em ir em maio, o que você acha?
    No final de maio já começa a nevar no Chile e Argentina?

    Me ajudeee! rs
    Obrigada!

    • Oi Liane!

      Depende qual região destes países você quer visitar. Mas, de um modo geral, maio é uma época boa!
      A temporada de neve no Chile e na Argentina começa lá pela segunda quinzena de junho. Mas isso também varia um pouco de ano pra ano!

      Abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here