O que fazer em João Pessoa, na Paraíba: Dicas com os melhores passeios, praias, atrações e pontos turísticos da cidade. [Inclui roteiro de 3 dias ou mais!]
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!
A capital da Paraíba está longe de ser um holofote entre os destinos nordestinos. No entanto, quem decide visita-la descobre que há muita coisa boa para fazer em João Pessoa.

Com praias que seguem o padrão de beleza típica do Nordeste, a cidade também conquista os viajantes por ser ligeiramente mais organizada que as demais capitais da região.

Além disso, outra facilidade para um roteiro com os melhores programas para fazer em João Pessoa é que sua localização facilita os deslocamentos para quem já vai à Natal ou Recife.

Situada entre as capitais do Rio Grande do Norte e de Pernambuco, Jampa – o apelido carinhoso da capital paraibana – está a três horas de ônibus de Natal, e a apenas duas horas de Recife.

Mas atenção: não pense que para visitar João Pessoa é necessário viajar também para outros destinos nordestinos. Jampa, assim como outros lugares da Paraíba, já garantem por si só uma baita viagem de férias.

Leia também: 10 pousadas baratas em João Pessoa

# O que fazer em João Pessoa

1- Curtir as praias centrais
2- Visitar as Praias do Norte
3- Visitar as Praias do Sul
4- Ir a uma praia de nudismo
5- Ver o Pôr do sol na Praia do Jacaré
6- Compras no Mercado de Artesanato
7- Piscinas Naturais

1- Curtir as praias centrais

Para que gosta de acordar cedinho e ir andando para a praia, os pedaços de areia centrais da cidade garantem um belo dia de ócio de frente para o mar.

A Praia de Tambaú e a Praia de Cabo Branco são as regiões mais turísticas, onde há muitos hotéis, restaurantes e quiosques na orla. Quem se hospeda nesta região, pode curtir tudo isso a poucos minutos caminhada. Aliás, são os dois melhores bairros para ficar em João Pessoa.

Vizinha de Tambaú, a Praia de Manaíra também é opção. Tenha em mente, porém, que apesar de abrigar o Mad Shopping (de frente para a praia) e o Manaíra Shopping (bairro à dentro), o movimento e estrutura na avenida à beira-mar é menor.

Um pouco mais distante do burburinho central, a Praia do Bessa é uma boa pedida para quem quer fugir das multidões. Por ser uma área mais residencial, a estrutura de barracas na areia não é enorme, mas sempre há algumas que garantem cadeiras, guarda-sol e bebidas geladas. Uma boa ideia é ficar próximo ao Bessa Grill, que aí dá para garantir um almoço mais reforçado sem precisar gastar muito.

principais pontos turísticos em João Pessoa
Praia de Tambaú
atrações em João Pessoa
Praia de Cabo Frio

2- Visitar as Praias do Norte

Apenas 10 quilômetros ao norte de João Pessoa, o município de Cabedelo tem as praias mais vazias da região. Quem gosta de longas caminhas pela área e não faz questão de estrutura de frente para o mar, ficará contente em visita-las.

Uma opção de passeio por conta própria, por exemplo, é ir até a Praia de Camboinha – a que está mais ao norte – e voltar caminhando a beira mar até a Praia de Intermares – na divisa com João Pessoa.

Este trecho tem seis quilômetros, e, entre as duas praias, há ainda a Praia do Poço e a Ponta de Campina. Inclusive, de Ponta da Campina dá pra pegar um catamarã (R$ 25,00) e ir até a famosa Ilha de Areia Vermelha – um banco de areia em alto mar que garante águas mansinhas. No entanto, saiba que o passeio de barco só é possível na maré baixa, portanto, se informe a respeito antes de ir para lá.

Se quiser mais comodidade, os receptivos turísticos de João Pessoa oferecem um passeio de um dia que tem no itinerário as principais atrações do norte da capital. Normalmente, além do transporte terrestre, já incluem a navegação até o Ilha de Areia Vermelha.

melhores tours em João Pessoa
Alguma praia entre Camboinha e Intermares

3- Visitar as Praias do Sul

As praias mais selvagens e paradisíacas da Paraíba ficam no sul do estado. E, caso você não esteja de carro próprio, a melhor maneira de conhecê-las é através de passeios com agências, pois o transporte público é limitadíssimo.

Com tantas praias para visitar, as agências oferecem dois tour diferentes por estas bandas – que são complementares. Por isso, caso não queira deixar nenhuma praia famosa de fora do seu roteiro em João Pessoa, reserve dois dias do seu itinerário apenas para a famosa Costa do Conde – como é conhecido parte do litoral sul da Paraíba.

Mesmo com as agências, porém, um inconveniente é que normalmente elas oferecem itinerários diferentes, e talvez alguma praia que você queira visitar esteja de fora da programação. No meu caso, para visitar todos os lugares que eu queria fiz dois passeios para a Costa do Conde, no entanto, com empresas diferentes.

No primeiro dia fiz a rota mais tradicional com a empresa Quality Receptivo. O passeio chamado “Costa do Conde Litoral Sul Paraibano”, que custa R$ 70,00 por pessoa, passa pela Praia de Barra de Gramame, Praia do Amor, Praia de Tambaba e Praia de Coqueirinho, sendo que tempo para banho é somente nas duas últimas. Uma pena, pois a Praia de Barra de Gramame é um dos lugares mais bonitos do passeio.

Embora a empresa tenha me dado um ótimo atendimento via Whatsapp e a programação ocorreu conforme o combinado, esse passeio também ficou marcado por ser o único que fiz em todo o Nordeste com um guia chato, inconveniente e que não era exatamente o melhor motorista do mundo.

Como a Quality não conseguiu fechar um grupo para o outro roteiro pela Costa do Conde, meu segundo passeio por estas bandas foi com a empresa Luck Receptivo. Com saídas apenas as terças e quintas, o tour “Praia Bela e Outros Encantos”, que custa R$ 125,00, passa pela Praia do Amor, Praia Bela e Praia de Carapibus – nesta última, está incluído o day-use numa pousada com piscina.

Embora tenha visitado a Praia do Amor nos dois passeios, vale destacar que lá há apenas uma parada de quinze minutos para fotos. Portanto, não chegou a ser um inconveniente.

Para os motorizados, o ideal também é dividir a programação em dois dias. Neste caso, porém, dá para passar uma noite em alguma cidade do meio do caminho, sem a necessidade de voltar a João Pessoa para dormir.

passeio para Barra de Gramame
Barra de Gramame
passeio praia coqueirinho Paraíba
Praia de Coqueirinho

4- Ir a uma praia de nudismo

Oficialmente uma praia naturista desde 1991, a Praia de Tambaba é o lugar certo para os adeptos do nudismo, ou para quem sempre teve vontade de ir e nunca teve a oportunidade.

Localizada a 40 quilômetros de João Pessoa, a praia faz parte de todos os roteiros das agências que oferecem passeios para a Costa do Conde. Normalmente a parada por lá é de uma hora e meia.

Para os viajantes que quiserem ir por conta própria para passar o dia, fazer o deslocamento de ônibus exige mais tempo e duas conduções. Primeiro, pegue um ônibus da rodoviária de João Pessoa para Jacumã. Em seguida, procure pelas vans que fazem o percurso Jacumã – Tambaba. Espere gastar pelo menos duas horas na estrada.

Mesmo para quem não tem a mínima vontade de conhecer uma praia naturista, Tambaba pode ser incluída no roteiro. Isso porque, o pedaço de areia é dividido em duas partes, sendo que na primeira ficam os vestidos. Para acessar a parte naturista há uma passagem que garante o isolamento e privacidade de ambos os lados.

Ou seja, mesmo quem não for tirar a roupa consegue aproveitar a parada para banho que acontece nos passeios pela Costa do Conde. A propósito, a praia é lindíssima.

 Já para quem pretende visitar a parte naturista, abaixo as regras indicadas numa placa em frente ao acesso da praia:

– Na área naturista, a nudez total é obrigatória e nenhuma vestimenta é permitida.

– Homens desacompanhados, sem passaporte naturista, são proibidos de entrar na área naturista.

– Não é permitido tirar fotos ou filmar imagens de pessoas nuas sem autorização.

– É proibido comportamento sexualmente ostensivo e/ou praticar atos de caráter sexual ou obsceno nas área públicas.

melhores passeios em João Pessoa
Praia de Tambaba (a parte para ficar de roupa!)

5- Ver o Pôr do sol na Praia do Jacaré

O pôr do sol mais mágico em João Pessoa não é quando o astro-rei beija o mar, mas sim, quando ele tem como pano de fundo o Rio Paraíba.

Localizada no município de Cabedelo, atualmente a Praia do Jacaré é uma ruazinha às margens do rio onde há várias lojinhas e comércios turísticos. Todas as tardes, centenas de pessoas vão até lá não apenas para ver a despedida do sol, mas, principalmente, para ver brilhar uma pessoa que já é símbolo de João Pessoa: o Jurandy do Sax.

A bordo de uma canoa e munido do seu Saxofone, todos os dias o seu Jurandy desliza sobre as águas do rio, tocando Bolero de Ravel, no mesmo instante em que o sol começa a deslizar pelo horizonte.

Quem for fazer o passeio pelas praias do norte não precisa se preocupar: os tours normalmente incluem este ritual no itinerário do passeio.

Já os viajantes que quiserem ir por conta própria, uma corrida de Uber da Praia de Tambaú até a Praia do Jacaré dificilmente passa dos R$ 25,00. Só fique esperto para não perder a hora, pois o sol vai embora mais cedo por estas bandas!

Para incrementar o passeio, uma possibilidade é assistir aos shows – do sol e do seu Jurandy – a bordo de um catamarã no Rio Paraíba. A navegação, que começa às 16hs, custa R$ 40,00. Quem preferir não fazer este investimento não há razão para pânico, pois mesmo das margens do rio dá pra escutar a melodia do Jurandy através dos alto-falantes instalados na rua.

Pôr do sol na Praia do Jacaré - dicas
Jurandy do Sax
passeio de barco em João Pessoa
Orla da Praia do Jacaré

6- Compras no Mercado de Artesanato Paraibano

Localizado na Praia de Tambaú, o Mercado de Artesanato Paraibano é o maior lugar com concentração de lojas de lembrancinhas de João Pessoa. Para quem quer comprar artesanato, camisetas, cachaças e outras delícias nordestinas, incluir este mercado na sua lista sobre o que fazer em João Pessoa é uma boa ideia.

Outros lugares que também fazem essa função, e que estão no burburinho de Tambaú, são a Feirinha de Artesanato de Tambaú e Expo-Feira Tambaú.

Mercado de Artesanato Paraibano - dicas
Mercado de Artesanato Paraibano

7- Piscinas Naturais

Assim como em outros destinos do Nordeste, uma das atrações em João Pessoa é as suas piscinas naturais. Também como nos outros lugares, para visitá-las é preciso ficar de olho na tábua das marés. Afinal, o passeio só acontece quando o nível d’água está baixo.

A piscina mais visitada é a Picãozinho, que tem saída da Praia de Tambaú. A outra opção é a Piscina Natural do Seixas, e os passeios partem justamente da Praia do Seixas, que fica a 10 quilômetros de Tambaú.

Ambos os passeios duram em média duas horas e custam em torno de R$ 40,00.

piscinas naturais em João Pessoa
Praia do Seixas

# Roteiro de 3 dias em João Pessoa

A quantidade mínima de dias que eu recomendo para um roteiro em João Pessoa é de três dias. Dessa forma é possível conhecer as principais praias e atrações da capital paraibana.

No entanto, tenha em mente que alguns lugares ficarão de fora da programação. Para um itinerário completo, acrescente mais quarenta e oito horas na sua estadia.

Abaixo o roteiro básico em João Pessoa:

Dia 1: Passeio pelas praias do Norte

Dia 2: Passeio pela Costa do Conde (Rota principal)

Dia 3: Piscinas naturais, praia central (Tambaú ou Cabo Branco) e Mercado de Artesanato.

Com mais dois dias disponíveis, dá para preenchê-los da seguinte forma:

Dia 4: Passeio pela Costa do Conde (Rota 2)

Dia 5: City tour no centro-histórico e praia mais afastada (Praia do Bessa ou Praia de Intermares)

Se preferir, dá pra trocar algum programa do último dia pelo passeio a outra piscina natural.

+ Dicas do que fazer em João Pessoa

» Caso dedique tempo do seu roteiro em João Pessoa para visitar o centro-histórico da cidade, prefira fazer um tour guiado. Digo isso porque a área central não é cheia de monumentos lindos onde apenas caminhar aleatoriamente já renda um passeio.

Com um guia, você já vai aos lugares certos e aprende sobre a história do local.

» Projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a Estação Cabo Branco de Ciência, Cultura e Artes é um dos pontos turísticos de João Pessoa. Na minha opinião, no entanto, o deslocamento até lá só vale a pena se você gostar muito de arquitetura ou se estiver tendo alguma exposição que seja interessante para você. Por isso, consulte a programação antes de ir.

» Se tiver três dias extras, melhor do que ir para Natal ou Recife, é esticar a viagem até Pipa, que está a 150 quilômetros de João Pessoa.

Para ir por conta própria e sem carro, é preciso pegar o ônibus que vai para Natal, descer na metade do caminho na cidade de Goianinha, em Goianinha pegar uma van para Tibau do Sul, e em Tibau do Sul outra van para Pipa.

Para os usuários de aplicativos de carona, vale consultar o BlaBlaCar pois essa é uma rota comum.

Para quem não tem tempo de pernoitar em Pipa, desde João Pessoa dá pra fazer um cansativo passeio no esquema bate-volta, que custa, em média, R$ 110,00.

» Ficou com dúvidas ou tem outras dicas do que fazer em João Pessoa? Me conta aí nos comentários!

3 lugares para se hospedar em João Pessoa

($) Para os viajantes que procuram um albergue, a Pousada e Hostel Sol e Mar é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o Quality Suítes João Pessoa tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir em um cinco estrelas, vale conferir as suítes do LS Hotel.

» Se preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em João Pessoa.

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here