O que fazer em Maceió, a capital de Alagoas: Descubra quais são os melhores passeios, quais lugares conhecer, e como organizar um roteiro de 7 dias!
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!

Apesar de ser difícil eleger o que há de melhor para fazer em Maceió, uma coisa é certa: vai ter praia no roteiro. A questão, portanto, é decidir quais pedaços de areia farão parte da programação, já que dificilmente dá para conhecer todo o litoral de Alagoas numa única viagem.

A boa notícia, porém, é que com tantos lugares para conhecer na capital alagoana e seus arredores, é possível organizar um itinerário completamente personalizado ao gosto de cada viajante.

Embora quase todas as praias tenham aquele mar azul cristalino que tanto se almeja, cada destino tem suas particularidades no que diz a respeito à distância de Maceió, estrutura à beira-mar e, porque não, considerarmos também o astral do local.

Portanto, para que você saiba exatamente o que deve – ou não – estar na sua lista sobre o que fazer em Maceió, neste texto eu contarei quais são as principais atrações da cidade, qual a dinâmica para conhecer cada lugar, e o que você pode esperar dos melhores passeios na capital de Alagoas.

Leia também: 10 pousadas baratas em Maceió

# Dicas do que fazer em Maceió, Alagoas

» O que fazer em Maceió (Entenda!)
» Melhores passeios em Maceió
» O que fazer em Maceió a noite
» O que fazer em Maceió com chuva
» O que fazer em Maceió em 7 dias (Roteiro)
» Maceió e Maragogi no mesmo roteiro

# O que fazer em Maceió (Entenda!)

A primeira coisa que você deve saber na hora de organizar uma viagem a Maceió, é: embora sua base (local de hospedagem) será a capital, a maior parte das praias que você irá conhecer está localizada em outros municípios de Alagoas.

Para chegar até estes lugares, ou você aluga um carro, ou se junta aos passeios bate-volta oferecidos incansavelmente por vendedores e receptivos turísticos na orla de Maceió.

Se você alugar um carro, não tem segredo: vai para onde quiser a hora que bem entender. É uma ótima ideia, inclusive, para quem tem pouco tempo e quer fazer mais de uma praia por dia, ou para qualquer viajante que gosta de dirigir.

Por outro lado, os passeios de excursão – embora funcionem muito bem em Maceió – têm uma programação fechada e determinada pela empresa que você contratou.

Independente de qual passeio você faça, a dinâmica é basicamente a mesma: uma van busca cada viajante em seu hotel, segue para o destino principal, fica num ponto de apoio (restaurante) pré-determinado, passa o dia na praia, e por volta das 15h30 a van regressa deixando cada turista no seu hotel.

Atualmente, há cerca de oito passeios em Maceió que funcionam nesse mesmo esquema. Como cada tour exige um dia do roteiro, quem pretende fazer todos eles precisará de no mínimo dez dias – já incluindo os dias de chegada e partida na capital de Alagoas, que, salvo raras exceções, são dias perdido para este tipo de passeio.

À parte destes tours até outros municípios, Maceió tem algumas atrações e também praias urbanas que podem ser incluídas no roteiro. Normalmente, dá para encaixar estas atividades no dia de chegada ou partida.

roteiro de 7 dias em Maceió
Dunas de Marapé

Leia também: 9 melhores praias de Maceió

# Melhores passeios em Maceió

Na verdade, estes não são os melhores passeios em Maceió, são todos os disponíveis que você pode incluir no seu roteiro pela capital de Alagoas. Dependendo do perfil de cada viajante, alguns podem ser menos atraentes do outros. Portanto, sinta-se livre para escolher apenas aqueles que façam sentido para os seus planos.

Antes de descobrir quais os destinos dos principais passeios para fazer em Maceió, algumas coisas que você deve saber:

» Dá para contratar os passeios quando chegar na cidade ou antecipado. Se tiver tempo para bater perna por lá, talvez consiga preços ligeiramente mais baixos. Porém, se você não quer ficar zanzando ou gastar tempo de férias com isso, contrate antes!

» Eu optei por já deixar tudo programado e foi ótimo. Isso porque, além do pessoal me ajudar com o roteiro (tem passeios que não saem todos os dias!), eles também me orientaram sobre quais dias seriam melhores para conhecer determinado lugar, por conta da maré estar baixa ou não.

» Fiz todos meus passeios com o pessoal da Edvantur e não tive nenhum problema. O atendimento por Whatsapp foi ótimo e, na hora do vamos ver, todos os passeios ocorreram conforme o esperado.

» Os passeios que você contrata com as agências em Maceió, nada mais são do que o transporte até o destino e o acompanhamento de guia. Almoço, bebidas e outros itens consumidos no ponto de apoio são pagos à parte.

» Além disso, em cada destino também existe a opção de contratar passeios opcionais, como passeio de buggy ou de barco até piscinas naturais. Estes passeios são pagos à parte, no próprio local, e custam, em média, R$ 50,00 por pessoa.

» Você consegue melhor negociação no preço dos passeios caso faça o pagamento em dinheiro. E por falar em preços, os valores indicados neste texto são referente a novembro/2019, com a empresa Edvantur.

melhores tour em Alagoas
Visual na Praia de Paripueira

1- Área urbana de Maceió

Apesar das praias urbanas de Maceió não serem as mais lindas do estado, no combo geral, calçadão + praia, é na capital alagoana que você encontra a orla, possivelmente, mais agradável do Nordeste.

Além de quadras para atividades esportivas, ciclovia e quiosques bem arrumados, as praias urbanas de Maceió também têm aquele mar azulzinho que a gente tanto gosta.

Com aproximadamente seis quilômetros de extensão, três praias fazem parte da orla principal da cidade: Praia da Pajuçara, Praia de Ponta Verde e Praia de Jatiúca. Não por coincidência, estes também são os três melhores bairros para ficar em Maceió.

Caminhar pelo calçadão e até mesmo pegar praia por estas bandas, é um ótimo programa para fazer em Maceió nos intervalos dos passeios. Na região de Pajuçara, há ainda a Feirinha de Artesanato da Pajuçara, que pode render boas compras de produtos locais.

É também da Pajuçara o ponto de embarque para outra atração de Maceió: as piscinas naturais da Pajuçara. Não é um passeio imperdível, inclusive, só recomendo se estiver com tempo de sobra ou se não for conhecer outras piscinas mais bonitas. De toda forma, saiba que na orla da praia diversos barqueiros ficam oferecendo o passeio, que custa na faixa de R$ 30,00 por pessoa.

Piscinas Naturais da Pajuçara
Piscinas Naturais da Pajuçara

2- Praia do Francês + Barra de São Miguel + Praia do Gunga

Isso mesmo, neste passeio em Maceió você conhecerá três praias em um dia. E, diga-se de passagem, algumas das mais procuradas pelos viajantes que vão a Alagoas.

É importante deixar claro, no entanto, que na Praia do Francês e na Praia da Barra de São Miguel, há apenas paradas para foto. Ou seja, curtir mesmo, só a Praia do Gunga.

Portanto, se você quiser dedicar mais tempo em todas estas praias, ou você vai por conta própria, ou reserve um dia para cada passeio.

Localizada no município de Marechal Deodoro, 22 km de Maceió, a Praia do Francês é uma das mais famosas do estado. Particularmente, no entanto. não entendi o motivo da glória, pois, ao menos na minha opinião, foi a que eu menos gostei. É uma praia urbana, bonita, com boa estrutura na areia e com um arrecife que faz com que o mar seja calminho. Até vale a visita. Mas está longe de ser a melhor praia de Alagoas.

A Praia da Barra de São Miguel, 33 km de Maceió. segue o mesmo padrão da Praia do Francês. É bonita e tem quiosques, mas nada que justifique a euforia. E, veja bem, não é que a praia seja feia. Mas sim, o padrão alagoano que é muito alto e nos deixa mal acostumado.

O último destino deste passeio é a Praia do Gunga, que fica no município de Roteiro, a 43 km de Maceió. É uma praia enorme, com longa faixa de areia e de mar aberto. Na areia, dezenas de restaurantes garantem sombra, comes e bebes.

Um almoço para duas pessoas custa entre R$ 70,00 (frango grelhado) a R$ 110,00 (peixe ao molho de camarão). Os tradicionais caldinhos valem dez pratas e porções variam entre R$ 40,00 e R$ 80,00. Para economizar, saindo da areia há um setor com lanchonetes mais simples, que vendem pastéis e tapiocas por R$ 10,00.

Para ter uma real dimensão da beleza da Praia do Gunga, não deixe de subir no mirante da rodovia – que dá uma impressão mais bonita do que a praia realmente é na areia. Mais uma vez, não é que a praia seja feia. Mas do alto, coqueirais a perder de vista emolduram o cenário com um oceano azul.

Não menos importante, vale destacar que por estarem relativamente próximas de Maceió, estas três praias costumam estar bem cheias.

» Informações sobre o passeio Praia do Francês + Barra de São Miguel + Praia do Gunga

– Preço: R$ 30,00 por pessoa.

– Saídas: Todos os dias.

– Opcional: Passeio de buggy até as falésias do Gunga, R$ 50,00 por pessoa. (Legal)

Praia do Gunga - Alagoas
Praia do Gunga

3- Dunas de Marapé

Situado no litoral sul de Alagoas, no município de Jequiá da Praia e a 70 km de Maceió, o Complexo Dunas de Marapé é um dos lugares que eu mais gostei de conhecer durante a minha viagem.

Muito mais do que apenas uma praia, o visual por estas bandas é formado também pelo Rio Jequiá desaguando no mar, e por uma excelente estrutura de restaurante – sem muitas firulas, mas condizente a paisagem natural da região.

Além de mesas e cadeiras próximas a água – tanto do rio, como do mar – a estrutura do ponto de apoio deste passeio tem redário, parquinho e outros espaços para os viajantes se acomodarem.

Não menos importante, outro detalhe é que esse é um dos poucos passeios para fazer em Maceió que, além do transporte até o destino, também já inclui um belo almoço estilo buffet à vontade com diversos pratos regionais.

» Informações sobre o passeio a Dunas de Marapé

– Preço: R$ 120,00 por pessoa. (inclui almoço)

– Saídas: Segundas e sextas.

– Opcional: Passeio de jardineira por falésias, R$ 45,00 por pessoa. (Fiz e achei dispensável)

melhores passeios em Maceió
Dunas de Marapé

4- Praia Ipioca | Hibiscus Beach Club

Embora esteja localizada em Maceió, a Praia de Ipioca se encontra a 20 km do burburinho central da capital alagoana. Ou seja, para chegar até lá, a melhor opção para quem não estiver de carro, são os passeios com as agências.

Talvez, até mais do que pela praia em si – que também vale muito a pena e é lindíssima! – o que atrai os viajantes para este pedaço do litoral de Alagoas é o Hibiscus Beach Club – um badalado clube de praia, com excelente estrutura, música ao vivo e todas as regalias que um viajante espera para as suas férias.

Como não poderia deixar de ser, o investimento para poder usufruir de tudo isso é alto. Começa pelo day use de pelo menos R$ 40,00 por pessoa, e pode terminar facilmente em uma refeição de R$ 200,00 para duas pessoas. Quem está disposto a investir, no entanto, não costuma se arrepender.

Importante: para quem está em busca de tranquilidade este não é o melhor lugar para ir. Além de estar sempre lotado, a música é alta. Por falar em lotação, para garantir os melhores lugares de frente para o mar, deve-se chegar cedo.

» Informações sobre o passeio Praia Ipioca | Hibiscus Beach Club

– Preço: R$ 35,00 + R$ 40,00 de day use. (Total de R$ 75,00 por pessoa)

– Saídas: Todos os dias.

5- Praia de Paripueira

No litoral norte do estado, a 30 km de Maceió, a Praia de Paripueira foi uma ótima surpresa durante o meu roteiro em Alagoas.

Primeiro, porque a praia por si só já é daquelas que justifica qualquer viagem: uma verdadeira piscina – ideal para quem gosta de ficar de bobeira na água.

E segundo, porque o ponto de apoio nesta praia, o Mar & Cia Beach Bar, é enorme, com ótimos espaços para se acomodar, oferece música ao vivo, apresentações de danças e um cardápio com preços ok. Um viajante que estiver sozinho, por exemplo, consegue pedir uma refeição individual por R$ 32,00 – uma raridade nos restaurantes de praia por estas bandas.

» Informações sobre o passeio para a Praia de Paripueira

– Preço: R$ 35,00 + R$ 20,00 de day use. (Total de R$ 55,00 por pessoa)

– Saídas: Todos os dias.

– Opcional: Passeio até piscinas naturais, R$ 50,00 por pessoa.

o que fazer em Alagoas
Praia de Paripueira

6-Ilha da Crôa | Capitão Nikolas Beach Club

No município da Barra de Santo Antônio, 50 km distante da capital de Alagoas, o Capitão Nikolas Beach Club dá nome a um dos passeios mais relax para fazer em Maceió.

Apesar de ter uma boa praia para quem não dispensa água salgada, quem reina no  Capitão Nikolas é sua bela piscina com espaço bem cuidado, além da estrutura com redes e espaços para descansar.

Para não passar o dia inteiro de bobeira, não deixa de fazer o passeio de buggy ou de jipe que vai até a deserta Praia de Carro Quebrado. O passeio opcional inclui parada no mirante com vista panorâmica para as falésias e o mar, além de tempo para caminhar ou nadar por lá.

Diferente do Hibiscus Beach Club, que está sempre cheio, quem vai durante a semana no Capitão Nikolas se encanta pela calmaria do lugar.

» Informações sobre o passeio para a Ilha da Crôa | Capitão Nikolas Beach Club

– Preço: R$ 40,00 + R$ 25,00 de day use. (Total de R$ 65,00 por pessoa)

– Saídas: Todos os dias.

– Opcional: Passeio de buggy ou jipe até a Praia de Carro Quebrado, R$ 55,00 por pessoa. (Imperdível!)

Capitão Nikolas Beach Club
Capitão Nikolas Beach Club

7- São Miguel dos Milagres

Se eu tivesse que escolher um único passeio para fazer em Maceió, certamente seria o que me levasse até São Miguel dos Milagres, que está a 95 km ao norte da capital de Alagoas.

Com uma praia digna de cartão postal, um astral sossegado e, para ficar ainda melhor, um restaurante bem arrumado que serve de apoio durante o tour, São Miguel é uma escolha certeira para quem quer relaxar de frente para o mar.

Aliás, quem está com o roteiro folgado, poderia até mesmo considerar passar duas ou três noites por aqui.

Embora não tenha a estrutura de Maceió, a cada temporada São Miguel vai conquistando uma legião de fãs que sempre voltam para passar mais tempo nas suas areias.

» Informações sobre o passeio para São Miguel dos Milagres

– Preço: R$ 60,00 por pessoa.

– Saídas: Domingos, quartas e sextas.

– Opcional 1: Passeio de buggy até a Praia de Lage e Praia do Patacho, R$ 50,00 por pessoa. (Imperdível!)

– Opcional 2: Passeio até as piscinas naturais, R$ 50,00 por pessoa.

melhores passeios em Alagoas
Praia de São Miguel dos Milagres

8- Maragogi

Provavelmente o destino mais em alta do litoral de Alagoas, as agências de turismo tem na sua programação passeios bate-volta saindo de Maceió rumo a Maragogi. No entanto, esta não é melhor maneira de visitar este destino.

Para começar, Maragogi está a 130 km de Maceió. Ou seja, considerando o deslocamento de ida e volta, lá se vai cerca de cinco horas do dia apenas com o deslocamento entre as duas cidades.

Além disso, Maragogi é um destino com diversas atrações e praias para conhecer. Por mais que a cidade ofereça menos passeios que Maceió, Maragogi é capaz de ocupar sem grandes dificuldades dois ou três dias inteiros de uma viagem.

Não menos importante, os passeios para as piscinas naturais de Maragogi dependem da maré baixa.

Uma coisa é você estar hospedado em Maragogi e ir até a praia pegar um barco na hora exata em que isso precisa ser feito. Outra coisa é uma van que necessita pegar 15 passageiros em hotéis diferentes, conseguir cumprir o horário estabelecido sem nenhum atraso. A propósito, a maré não espera e meros vinte minutos fazem diferença na experiência deste tipo de passeio.

Quer viajar para Maragogi? Acredite. Mais vale dedicar três dias por lá do que fazer essa aventura bate-volta.

» Informações sobre o passeio para Maragogi

– Preço: R$ 50,00 + R$ 100,00 de barco até as piscinas naturais.

– Saídas: A depender da maré.

– Opcional: Passeio de buggy pelas praias de Maragogi, R$ 60,00 por pessoa.

roteiro Maceió e Maragogi
Centro de Maragogi

9- Foz do Rio São Francisco e Cânions do Rio São Francisco

Primeiro, Foz do Rio São Francisco e Cânions do Rio São Francisco são dois passeios diferentes. E segundo, ambos se enquadram na mesma categoria de Maragogi, em que o exaustivo bate-volta pode se revelar uma tremenda furada.

Sim, é humanamente possível fazer estes passeios saindo de Maceió. Tanto é, que as agências saem duas vezes por semana para cada um destes lugares. Porém, eles estão longe, muito longe de Maceió.

Piaçabuçu, o município de destino para conhecer a Foz do Velho Chico, se encontra a 140 km da capital alagoana. Já Piranhas, a cidade de entrada para os cânions, se encontra – acredite se quiser – quase 300 km de Maceió.

» Informações sobre o passeio para a Foz do Rio São Franciso

– Preço: R$ 120,00 por pessoa (inclui transporte terrestre, barco e almoço)

– Saídas: Quartas e sábados.

 

» Informações sobre o passeio para os Cânions do Rio São Francisco

– Preço: R$ 250,00 por pessoa (inclui transporte terrestre, barco e almoço)

– Saídas: Quartas e sábados.

# O que fazer em Maceió a noite

Estaria mentindo se falasse que a capital alagoana é referência em vida noturna. No entanto, os mais festeiros sempre encontram algo para fazer a noite em Maceió.

O programa padrão dos turistas é sair para caminhar pelo calçadão à beira-mar e emendar em algum restaurante ou bar com música ao vivo. No entanto, saiba que você já pode sair com um destino certo.

Um dos burburinhos com muitos restaurantes e bares e mais animados fica na Rua Amélia Rosa, que atualmente se chama Antônio Gomes de Barros, e está na Praia de Jatiúca.

Com uma pegada show bar, o Maikai, que tem programação eclética, e é um dos lugares mais badalados da noite maceioense.

Dominando a arte do forró pé de serra, quem se destaca em absoluto é o Bar do Lampião.

Outro pedaço muito famoso, principalmente entre os viajantes, é o quiosque de praia Lopana. O fim de tarde aos finais de semana conta até com presença de DJ. Tenha em mente, porém, que não é o lugar mais barato da cidade.

o que fazer em Maceió a noite - dicas
Orla de Ponta Verde

# O que fazer em Maceió com chuva

Eu adoraria dar ótimas dicas sobre o que fazer em Maceió com chuva. A realidade, porém, é que a melhor coisa que você deve fazer é se programar para não marcar sua viagem para a época mais molhada do ano.

Sejamos realistas: os principais lugares para conhecer em Maceió são as praias, portanto, se chover sua experiência certamente será prejudicada. Por mais que dê praia, até mesmo com o tempo nublado a água do mar já não se apresenta no auge da sua beleza.

Se serve de consolo, a boa notícia é que as chuvas dos meses de transição de estação – fevereiro, março e setembro – tendem a ser rápidas. É comum que você saia do seu hotel debaixo de chuva e, ao chegar na praia do dia, o céu esteja claro e com o sol estralando.

Já de abril a agosto é melhor nem ir porque é a época que mais chove no litoral alagoano. E chove pra valer!

Quer segurança e tentar evitar ao máximo essa chateação durante as suas férias? Programe-se para viajar entre outubro e janeiro.

o que fazer em Maceió com chuva - dicas
Durante minha viagem, em setembro, o mar ainda não estava 100% cristalino

# O que fazer em Maceió em 7 dias (Roteiro)

Deixarei a seguir uma sugestão de roteiro de 7 dias em Maceió, já contando os dias de ida e volta. Ou seja, nesta programação há um total de cinco dias livre na capital alagoana. Como você já viu que há muitos lugares para visitar, nem todos os destinos farão parte deste itinerário.

Incluirei neste roteiro os passeios que eu faria caso tivesse este tempo disponível, levando em consideração os lugares que mais gostei. No entanto, sinta-se a vontade para adequar às suas preferências.

E claro, caso você tenha mais dias disponíveis, basta acrescentar os outros passeios em Maceió que já foram indicados!

Dia 1: Chegada

» Com tempo livre, aproveite para conhecer a praia próxima ao seu hotel e caminhar no calçadão a beira-mar.

Dia 2: Passeio para São Miguel dos Milagres (R$ 60,00)

Dia 3: Dunas de Marapé (R$ 120,00, já inclui almoço no sistema buffet à vontade)

Dia 4: 3 Praias | Praia do Francês + Barra de São Miguel + Praia do Gunga (R$ 35,00)

o que fazer em Maceió em 7 dias - dicas
Praia da Barra de São Miguel

Dia 5: Capitão Nikolas (R$ 40,00 + R$ 25,00 de day use)

Dia 6: Paripueira (R$ 35,00 + R$ 20,00 de day use)

Dia 7: Regresso

# Maceió e Maragogi no mesmo roteiro

Como você deve ter percebido, Maragogi não entrou na minha sugestão de roteiro de 7 dias em Maceió. E, o motivo, é que na minha opinião, o passeio no esquema bate-volta saindo da capital alagoana não é a melhor forma de conhecer o local.

Sim, é uma possibilidade para quem faz questão de visitar as piscinas de Maragogi e tem pouco tempo disponível. Tenha em mente, porém, que seu dia poderia ser mais bem aproveitado numa praia mais próxima de Maceió.

Para mim, há dois fatores que torna o passeio bate-volta a Maragogi inconveniente.

Primeiro, é que se passa muito tempo na estrada e pouco tempo na praia. E segundo, é que Maragogi é um destino que poderia preencher facilmente dois ou três dias inteiros de programação.

Aliás, é o que eu recomendo para quem quer fazer Maceió e Maragogi num mesmo roteiro de viagem. Curta seus dias em Maceió, e depois tenha ao menos quatro dias para Maragogi, sendo que dois serão parcialmente perdidos com deslocamentos, e os outros dois serão integralmente dedicados para conhecer a região.

3 lugares para se hospedar em Maceió

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Hostel Pajuçara é uma das opções mais bem cotadas da cidade.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o Hotel Praia Bonita Jangadeiros tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Querendo investir num resort, o Jatiúca Hotel & Resort é o mais bem avaliado.

» Se preferir, clique aqui e encontre outras ofertas de hospedagem em Maceió.

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here