COMPARTILHAR

Atenção Viajante!!!

Economize no seu seguro viagem fazendo uma cotação online, que compara as melhores seguradoras do mercado. E também, utilize o cupom de desconto VOLTOLOGO5 para garantir 5% de desconto.

»»» Clique aqui e descubra agora quanto você vai precisar investir na sua segurança durante a sua viagem.

PS: Pode apostar que é menos do que você imagina! :)
parques em São Paulo
Parque Ibirauera

Que a “Terra da Garoa” é lembrada por ser uma cidade cinza, cheia de prédios e poluição, muita gente já sabe. No entanto, muitas pessoas nem imaginam que há diversos parques em São Paulo que são verdadeiros oásis. Lugares onde é possível relaxar e desestressar da correria de sampa.

Se você é paulistano, é bem provável que ache essa lista um pouco óbvia demais. Afinal, esses parques podem fazer parte do seu dia a dia.

No entanto, se você não conhece muito bem a maior cidade brasileira, tenho certeza de que se surpreenderá com esses lugares incríveis.

Leia também: São Paulo | Roteiro de viagem

# Parques em São Paulo: O Guia

Confira a seguir uma lista com dez parques em São Paulo que eu já visitei e recomendo.

Se preferir, basta clicar nos links abaixo que você já irá direto ao ponto onde conto detalhes de cada um deles.

1- Parque da Água Branca
2- Parque da Juventude
3- Praça do Pôr do Sol
4- Parque da Luz
5- Parque Trianon
6- Parque Mário Covas
7- Parque Villa Lobos
8- Parque da Aclimação
9- Jardim Botânico
10- Parque Ibirapuera


1- Parque da Água Branca

parques em São PauloA menos de um quilômetro do terminal rodoviário e da estação de metrô Barra Funda, esse parque de São Paulo foi uma verdadeira surpresa para mim.

Com muitas árvores e consequentemente sombras, ele possui diversas áreas que abrangem diversos perfis de visitantes. Por exemplo, há espaços específicos para leitura, crianças, idosos e até academia.

Outra curiosidade é que há diversos bichos soltos pelo parque, como pavão, galinha e galo.

Dentro do próprio parque também há algumas salas de aula para cursos, como por exemplo: Escola de Beleza, Moda e Construção Civil.

Endereço: Avenida Professor Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca – Zona Oeste –  São Paulo – SP

Como chegar: o parque da Água Branca está localizado a apenas 800 metros da estação Barra Funda. Pegue a saída sentido Memorial da América Latina e em 5 minutos estará lá.

→ Para mais informações sobre o Parque da Água Branca clique aqui.

parques em São Paulo

Leia também: 10 hotéis baratos em São Paulo

2- Parque da Juventude

parques em São PauloPara quem estiver passando pela Zona Norte de São Paulo vale a pena reservar um tempinho para conhecer o Parque da Juventude.

Ao lado da estação de metrô Carandiru (Linha Azul), esse parque mudou o cenário dessa região. Afinal, ele foi construído exatamente no local da antiga Casa de Detenção Carandiru.

O parque possui uma ampla pista para corrida, bosques, playground, pista de skate e também quadras poliesportivas.

Endereço: Av. Zachi Narchi, 1309 – Santana – São Paulo – SP

Como chegar: Descer na estação Carandiru (Linha Azul do metrô) e sair sentido avenida Cruzeiro do Sul.

→ Para mais informações sobre o Parque da Juventude clique aqui.

parques em São Paulo

Leia também: Como ir de ônibus para o Aeroporto de Guarulhos?

3- Praça do Pôr do Sol (Praça Coronel Custódio Fernandes Pinheiro)

Definitivamente esse é um dos melhores lugares para assistir ao pôr do sol em São Paulo. Diariamente centenas de pessoas se reúnem nessa praça para se despedir de mais um dia.

O contraste de árvores e prédios junto com o colorido do céu, formam um cenário incrível.

A atmosfera dessa praça é completamente descontraída. As pessoas costumam aproveitar esse momento de diversas formas: tomando uma cerveja, fotografando, lendo, fazendo um som com violão, fazendo um piquenique. Enfim… basta você escolher aquilo que mais te agrada.

Endereço: Rua Desembargador Ferreira França, S/N – Alto De Pinheiros – São Paulo – SP ou Avenida Diógenes Ribeiro de Lima, S/N – Alto De Pinheiros – São Paulo – SP

Como chegar: A estação de trem mais próxima da Praça do Pôr do Sol é a Cidade Universitária ( Linha 9, Esmeralda/ CPTM). Depois de desembarcar nessa estação você terá que caminhar por cerca de 15 minutos para chegar até lá.

parques em São Paulo

Leia também: 9 lugares com vistas incríveis em São Paulo (e de graça)

4- Jardim da Luz

Localizado na região central de São Paulo, o Jardim da Luz é o parque público mais antigo da cidade. Está em frente à estação de trem/metrô de mesmo nome, e próximo de lugares importantes – como o Museu da Língua Portuguesa e a Pinacoteca.

Por ser rodeado por grandes árvores e fazer sombra em praticamente todo o seu perímetro, muitas pessoas vêm até aqui na hora do almoço para descansar um pouco.

Além de diversas áreas de convivência, o parque ainda possui playground, bosques, equipamentos para ginastica e lago.

Endereço: Praça da Luz, s/nº – Bom Retiro- SP

Como chegar: o parque fica exatamente em frente à estação da Luz (Linha  Azul e Amarela do metrô)

parques em São Paulo

Leia também: 25 atrações para você conhecer no centro de SP

5- Parque Trianon (Tenente Siqueira Campos)

Entrar no Parque Trianon é como cruzar um portal entre dois mundos. De um lado, prédios enormes, trânsito e o agito da Avenida Paulista. Do outro, árvores gigantes, tranquilidade e algumas vezes até o cantar dos passarinhos.

Inaugurado em 1892, esse parque possui uma vegetação tropical, remanescente da Mata Atlântica.

Em frente ao maior museu  de arte do país, o MASP, o acesso não poderia ser mais fácil. Além de estar praticamente ao lado da estação de metrô Trianon, diversas linhas de ônibus passam em frente ao parque.

Endereço: Avenida Paulista, em torno do número 1500 ou Rua Peixoto Gomide, 949

Como chegar: O parque está localizado a meia quadra da estação de metrô Trianon (Linha Verde)

parques em São Paulo

Leia também: 10 hostels que valem a pena em São Paulo

6- Parque Mário Covas

Também na Avenida Paulista, esse pequeno parque passa despercebido pra muita gente.

Com “apenas” 5 mil metros quadrado, ele foi inaugurado em janeiro de 2010 e possui um Centro de Informação Turística.

Está localizado a apenas uma quadra do Parque Trianon (sentido Consolação) e vale apena visita-lo nem que seja rapidamente para algumas fotos ou então para pedir alguma informação sobre a cidade.

parques em São Paulo

Leia também: Dicas do que conhecer na Avenida Paulista

10 hotéis na Avenida Paulista que valem a pena

7- Parque Villa Lobos

7- Parque da Aclimação Situado na  Zona Centro-Oeste da capital, no agradável bairro de mesmo nome- o Parque da Aclimação foi uma ótima surpresa. Se durante o dia pode-se dizer que é bem tranquilo caminhar pelo parque, no final da tarde o número de visitantes cresce consideravelmente. Além da pista de corrida, bancos para leitura e playgrounds, outro lugar bastante procurado pelos visitantes é a biblioteca Raul Boop, que fica dentro do próprio parque. Endereço: Rua Muniz de Souza, 1119, Aclimação- SP Como chegar: O Parque da Aclimação fica a pouco mais de um quilômetro da estação de metrô Paraíso (Linha Azul/Verde). A caminhada leva em torna de 15 minutos na ida e um pouco mais para a volta. Isso porque você terá que enfrentar uma pequena ladeira na hora de voltar.Para se tornar um dos maiores parque da cidade de São Paulo, a área em que hoje está situado o Parque Villa Lobos teve que passar por grandes transformações.

Até o inicio da década de 80, parte do espaço ocupado pelo parque funcionava como depósito de lixo do CEAGESP (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais do Estado de São Paulo).

Outra parte era destinada a acumular material tragado do Rio Pinheiros.

E como se não bastasse, também havia um espaço reservado para o depósito de entulho provenientes da construção civil.

Com uma área superior a 700 mil metros quadrado, o parque possui diversos playgrounds, quadras poliesportivas, pista para corrida, orquidário, biblioteca, bosques e bebedouros espalhados por diversos pontos.  

Endereço: Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001- Alto dos Pinheiros – São Paulo – SP 

Como chegar: O parque tem acesso pela estação de trem Villa Lobos (Linha 9, Esmeralda, CPTM)

→ Para mais informações sobre o Parque Villa Lobos clique aqui.

parques em São Paulo

Leia também: Onde ficar em São Paulo | Dicas de bairros, hostels e hotéis

8- Parque da Aclimação

Situado na  Zona Centro-Oeste da capital, no agradável bairro de mesmo nome- o Parque da Aclimação é um dos meus parques favoritos em São Paulo.

Se durante o dia pode-se dizer que é bem tranquilo caminhar pelo parque, no final da tarde o número de visitantes cresce consideravelmente.

Além da pista de corrida, bancos para leitura e playgrounds, outro lugar bastante procurado pelos visitantes é a biblioteca Raul Boop, que fica dentro do próprio parque.

Endereço: Rua Muniz de Souza, 1119, Aclimação- SP

Como chegar: O Parque da Aclimação fica a pouco mais de um quilômetro da estação de metrô Paraíso (Linha Azul/Verde). A caminhada leva em torna de 15 minutos na ida e um pouco mais para a volta. Isso porque você terá que enfrentar uma pequena ladeira na hora de voltar.

parques em São Paulo

Leia também: São Paulo Free Walking Tour

9- Jardim Botânico

Jardim Botânico de São PauloSe você quer tranquilidade e poucas pessoas, com certeza gostará do Jardim Botânico.

O parque está localizado na Zona Sul de São Paulo e bem próximo ao zoológico da cidade. Portanto, talvez você consiga visitar essas duas atrações em um único dia.

A calmaria, limpeza e diversas atrações que o Jardim Botânico oferece, costuma chamar a atenção dos seus visitantes.

Além dos tradicionais espaços para piqueniques, riachos e bosques- você ainda poderá conhecer o Museu Botânico, estufas de plantas, escadarias históricas e o Jardim dos Sentidos.

Esse é o único parque dessa lista em que é necessário pagar para ter acesso. O valor para o público geral é de R$ 5,00.

Endereço: Avenida Miguel Stéfano, nº 3687 – Água Funda , São Paulo – SP

Como chegar: acessando esse link você verá uma simulação que eu fiz para ir da Avenida Paulista até o Jardim Botânico utilizando o transporte público. Além de metrô, será necessário pegar um ônibus. Você pode simular outros caminhos a partir do endereço que você estiver.

Jardim Botânico de São Paulo

Leia também: Jardim Botânico de São Paulo, um oásis na selva de pedra

10- Parque Ibirapuera

parques em São PauloPor último e não menos importante, o grande queridinho entre paulistas, paulistanos e todos os brasileiros que o conhecem: o Parque do Ibirapuera.

Possivelmente o parque mais famoso de São Paulo, o Ibirapuera foi projetado por Oscar Niemeyer e inaugurado para a comemoração do quarto centenário da cidade em 1954, e eleito em 2015 como o melhor parque urbano do planeta pelo jornal britânico The Guardian.

Diferente da maioria dos outros parques, o Ibirapuera não possui apenas opções para lazer e esportes. Ele também é um dos pontos culturais mais importantes da cidade de São Paulo.

Lar do MAM (Museu de Arte Moderna), Museu Afro Brasil, Planetário, Fundação Bienal e da Escola de Astrofísica- muitas das pessoas que vão ao Ibirapuera não estão necessariamente interessadas em contato com a natureza ou alguma atividade física. O que faz dele um lugar bastante eclético.

Endereço: Avenida Pedro Álvares Cabral, s/n – Ibirapuera – São Paulo – SP

Como chegar: como normalmente estou na região da Paulista ou Paraíso, vou a pé. A caminhada é de uns 20 minutos, mas é bem tranquila, porque na ida é tudo plano ou descida. Na volta costumo pegar qualquer ônibus que esteja indo em direção à Avenida Paulista.

Como sei está superficial essa explicação, você pode conferir diversas opções de como chegar ao Parque Ibirapuera clicando aqui.

→ Para mais informações sobre o Parque Ibirapuera clique aqui.

parques em São Paulo

+ Parques em São Paulo

Atualmente há mais de 100 parques em São Paulo e eu listei apenas 10. Você já pode imaginar quantos lugares interessante ficaram de fora né???

Outros que são super legais que você também pode visitar são: Parque do Carmo, Parque da Independência e o Horto Florestal.

E você, sabe de algum outro parque em São Paulo pra incluir nessa lista??? Me conta aí nos comentários! 🙂

>>> NOTA: Este post foi originalmente publicado no dia 17/03/2016, e atualizado pela última vez no dia 03/07/2018.

3 lugares para se hospedar em São Paulo

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Soul Hostel é uma opção bem avaliada.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o Ibis Sao Paulo Paulista tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir um pouco mais, vale conferir as suítes do Estanplaza Paulista.

» Se preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em São Paulo.

COMPARTILHAR
Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

28 COMENTÁRIOS

  1. O Parque Burle Marx, também vale a pena ser conhecido. Apesar de ser mais contemplativo, é possível fazer uma bela caminhada ou mesmo um trotinho em meio a mata atlântica e beirando a marginal de Pinheiros. O bosque das jabuticabeiras, os lagos e no meio do parque, porém, devidamente isolado dele, está o hotel super estrelado (5 no mínimo) Palácio de Tangará. O parque, projeto assinado pelo próprio Burle Marx, era o jardim da mansão que Baby Pignatari resolveu construir para morar com uma princesa austríaca. Mas o casamento fracassou e só o jardim foi terminado. Graças ao tombamento, temos esse pequeno núcleo de mata atlântica em meio a região da Vila Andrade. Se puder, visite…

  2. Olha eu gosto muito do parque ecológico do Tiete
    Embora de difícil acesso de transporte público, porém uma ótima opção é tem quiosques que permitem churrascos em família de frente para um lago mas tem que fazer a reserva antecipada.
    Conta também com locação de bikes, pedalinhos, vários animais transitando pelo parque.

  3. Que postagem sensacional, Murilo. Achei este seu texto pelo Pinterest depois de muito tempo que você postou kkkkkk…mas mesmo assim as informações ainda estão atuais. Eu moro em São Paulo e sempre vou aos parques, mesmo se distantes de casa. Queria acrescentar algumas sugestões: Parque do Carmo, em Itaquera, cujo planetário voltou a funcionar recentemente e tem o festival anual das cerejeiras e cultura japonesa; Parque do Trabalhador (Ceret) no Tatuapé, o preferido pela galera pra praticar esportes, tem varias quadras e campos; Parque da Serra da Cantareira na Zona Norte, que possui trilhas e cachoeiras, Parque Ecológico do Tietê, na Zona Leste, que passa por vários bairros e tem atividades de ecoturismo, como arvorismo, tirolesa e outros; Parque estadual do Jaraguá, na Zona Norte, como o nome diz, o parque onde fica o Pico do Jaraguá, o ponto mais alto da cidade; e por último os parques (vários) que ficam na Orla da represa de Guarapiranga, alguns tem até prainhas para banhistas ou para prática de esportes náuticos (pois é…..São Paulo não tem mar mas tem praia! Kkkkkkkkkk).
    Parabéns pelo excelente blog. Muito sucesso pra ti

    • Oi Rogerio!

      Fico muito feliz em saber que gostou do post!!!

      Cara, muuuito obrigado pelas dicas!!!
      Alguns desses já faz tempo que quero conhecer, outros ainda não tinha ouvido falar!

      Preciso passar uma semana inteira em Sampa pra visitar todos! hahahaha

      Abraço!

  4. Seria legal pra caramba se estes lugares fizessem mesmo parte da rotina do paulistano. Mas a gente vive tanto no concreto que muitos destes espaços passam batido. Fazer piquenique no Jardim Botânico é delicioso (e ele tem um horário pela manhã com entrada grátis para quem quer fazer caminhada ali dentro cedinho). O parque da Aclimação também é um espaço ótimo, um dos meus favoritos. O Ibirapuera durante a semana também surpreende: tem até grupo de corrida com orientação grátis. Obrigada pela lista de parques! Ela é sensacional e nos lembra de que tem muita coisa boa para fazer em SP

  5. Nem preciso dizer que amei de paixão esse post né? compartilhando já em todas as redes do vem pro Parque!!! Conheço todos, mas preciso voltar em cada um deles para fotografar com foco no blog, e fazer uma postagem mais aprofundada de cada um deles… Você só esqueceu de colocar aí o meu preferido: o Horto Florestal! O Horto e o Parque da Cantareira (ainda em São Paulo) são os parques mais lindos, estão no pé da serra… ok que sou suspeita, pois moro a 1km do Horto, mas ele ganha disparado de alguns da sua lista…. Parabéns pelo post! bjs

  6. Vou dar um puxão de orelha! =P E pro pessoal da ZL, nada? =P

    Eu acrescentaria na lista o Parque do Carmo, que é uma gracinha! O planetário e o bosque de cerejeiras são imperdíveis 🙂

    Mas, dos da lista, sou fãzona do parque Trianon e, é claro, do Ibirapuera!

  7. Minha impressão (equivocada obviamente) sobre SP é exatamente a que você descreve no primeiro parágrafo deste texto. Com seu artigo fica claro como é importante promocionar e ressaltar a importância destes espaços dentro de nossas cidades. Sinceramente, me deixou com mais vontade de conhecer mais da Terra da Garoa!! Obrigado pela lista!

  8. Sou uma apaixonada por São Paulo. Dito isso, confesso que por mais que vá (e vou muito), nunca conseguirei visitar todos os itens de minha lista, pois ele cresce sem parar. Bom, agora, ganhou, pelo menos, mais dois destinos: parque Água Branca e Jardim Botânico. Assim, tiro um e coloco dois. Amei as dicas. Abraços.

  9. Confesso que eu era uma dessas pessoas que achava SP cinza, mas foi só visitar algumas vezes que já mudei de opinião! Babei nas fotos de alguns parques, até agora só conheço o Villa Lobos e o Ibirapuera. A praça do Pôr do Sol me encantou!

  10. * Para evitar comentários spans (falsos), solicitamos que ao deixar sua mensagem você também preencha um campo com seu nome e e-mail.
    Mas não se preocupe, pois estas informações estão seguras e seu e-mail não será exibido e nem compartilhado com outras pessoas!
    Para mais informações clique aqui para ler a nossa Política de Privacidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here