Melhores mirantes em São Paulo: Descubra onde ver SP do alto com as melhores vistas da cidade. [Inclui lugares gratuitos!]
Salve esta imagem no seu Pinterest!!!
Uma das primeiras coisas que faço quando estou planejando visitar uma cidade é tentar descobrir se ela possui algum lugar de onde seja possível avistá-la do alto. Aliás, ver o skyline de uma metrópole é uma experiência que sempre recomendo nas minhas dicas de viagem.

E, em uma capital como a paulista, com todos os seus prédios gigantescos, o que não falta são mirantes em São Paulo para podermos observá-la do alto.

É bem verdade que muitas dessas opções são bares, restaurantes ou algum tipo de comércio que costumam cobrar valores exorbitantes pelos seus produtos e serviços.

No entanto, se você quer curtir uma vista bacana sem precisar gastar muito, fiz essa lista com nove lugares em São Paulo onde isso é possível.

Leia também: Onde ficar em São Paulo | Melhores bairros e hotéis

# Mirantes em São Paulo

A primeira coisa que você deve saber sobre essa lista de mirantes em São Paulo é que nem todos os lugares indicados são mirantes propriamente ditos. 

Ou seja, alguns locais são simplesmente áreas públicas que tem um belo pano de fundo da cidade. Nestes casos, apesar de você não ter uma estrutura de serviços à disposição, a boa notícia é que não pagará nada pela vista panorâmica.

Além disso, outra facilidade é que muitos destes locais estão próximos dos principais pontos turísticos de São Paulo. Portanto, será fácil incluí-los na sua programação.

1- Edifício Martinelli
2- Edifício Itália
3- Copan
4- Viaduto do Chá
5- Viaduto Doutor Arnaldo
6- MASP (Vão Livre)
7- Shopping Cidade Jardim
8- Praça do Pôr do Sol
9- Museu de Arte Contemporânea


1- Edifício Martinelli

Localizado na Avenida São João, no centro de São Paulo, por muito tempo o Edifício Martinelli foi o mais alto prédio do Brasil e de toda a América Latina.

Mesmo após passar por várias polêmicas, reformas e até intervenção do exército, o edifício continua sendo um marco na cidade e atrai dezenas de turistas todos os dias.

» Endereço: Avenida São João, 53 – Centro – São Paulo

» Como chegar: O Edifício Martinelli fica a poucos minutos de caminhada da estação de metrô São Bento (Linha Azul).

» Preço: Gratuito

» Horário: As visitações estão temporariamente suspensas

vistas em São Paulo
Vista do Mirante do Edifício Martinelli

2- Edifício Itália

Dono de uma das vistas panorâmicas mais bonitas da capital, esse é um dos lugares que te fará ter certeza de que São Paulo é mesmo uma selva de pedras.

Aliás, é lá também que está um dos restaurantes mais tradicionais da cidade, o Terraço Itália, local onde os mais endinheirados podem aproveitar um bom jantar com uma linda vista.

» Endereço: Avenida Ipiranga, 344 – Centro – São Paulo

» Como chegar: O Edifício Itália fica a poucos minutos de caminhada da estação de metrô República (linha vermelha).

» Preço: R$ 30,00

» Horário: Diariamente, das 15hs às 19hs. (Fora deste horário o mirante está aberto apenas para os clientes do restaurante!)

Edifício Itália
Vista do Mirante do Edifício Itália

3- Edifício Copan

Protagonista da arquitetura moderna de São Paulo, o Edifício Copan é também uma das alternativas para se ver cidade do alto.

Projetado por Oscar Niemeyer na década de 50, o prédio localizado próximo ao Edifício Itália possui 32 andares e é uma das maiores obras em concreto armado do país.

» Endereço: Avenida Ipiranga, 200 – Centro – São Paulo

» Como chegar: O Edifício Itália fica a poucos minutos de caminhada da estação de metrô República (linha vermelha)

» Preço: Gratuito

» Horário: Segunda a sexta, às 10h30 e às 15h30 (Necessário chegar com 15 minutos de antecedência)

Leia também: Roteiro de viagem em São Paulo

4- Viaduto do Chá

Situado na região central de São Paulo, o primeiro viaduto construído na Terra da Garoa  passa sobre Vale do Anhangabaú e fica próximo ao Teatro Municipal.

As obras se iniciaram em 1888, mas um mês depois foram interrompidas. Isso porque,  muitas pessoas não eram a favor da sua construção, inclusive, figuras importantes da época, como o Barão de Tatuí.

Após longas negociações e algumas desapropriações, o local finalmente foi inaugurado em 1892. Naquela época as pessoas que utilizavam o viaduto tinham que pagar um pedágio.

Atualmente ele é um dos ícones da cidade de São Paulo e atravessá-lo de ponta a ponta não custa nada.

» Como chegar: O Viaduto do Chá está localizado a menos de 500 metros da estação de metrô Anhangabaú (linha vermelha).

» Preço e horário: Gratuito e 24 horas, afinal, trata-se de uma via pública

melhores mirantes em São Paulo
Vista do Viaduto do Chá, no centro de São Paulo

5- Viaduto Doutor Arnaldo

Na correria do dia a dia muitas pessoas não se dão conta de que o viaduto que liga algumas das regiões mais importantes da cidade, como a Avenida Paulista, é também um bom ponto para se observar a grandeza de São Paulo.

» Como chegar: Desça na estação de metrô Sumaré (linha verde). Uma das saídas te deixará exatamente sobre o viaduto.

» Preço e horário: Gratuito e 24 horas, afinal, trata-se de uma via pública

viaduto Doutor Arnaldo
Vista do Viaduto Doutor Arnaldo

Leia também: 10 hostels que valem a pena em São Paulo

6- MASP (Vão Livre)

Quem passa pela Avenida Paulista e observa os 74 metros de vão livre do Museu de Arte de São Paulo, pode até pensar que o motivo para tal obra foi algum capricho da arquiteta Lina Bo Bardi.

Porém, na verdade, uma das condições imposta por Joaquim Eugênio de Lima, percursor da Avenida Paulista e doador do terreno ao município, foi de que a vista que existe para região central cidade (Bela Vista), não fosse obstruída.

E assim segue até hoje.  Pelo menos parcialmente, já que alguns prédios construídos posteriormente acabaram tomando parte do cenário.

Independente disso, o famoso “Vão do Masp” que atualmente é palco de diversas exposições, protestos e manifestações artísticas, continua sendo um belo lugar para se observar a cidade.

» Endereço: Avenida Paulista, 1578 – São Paulo

» Como chegar: Utilize a linha verde do metrô e desça na estação Trianon MASP.

» Preço e horário: Gratuito e 24 horas, afinal, trata-se de uma via pública

lugares para ver São Paulo do alto
Vista do MASP

7- Shopping Cidade Jardim

Confesso que ainda não consegui visitar um dos mais luxuosos shoppings de São Paulo.

Inicialmente ele não estava nesta lista, no entanto, uma foto que vi no Instagram pouco antes de publicar o texto me fez mudar de ideia.

Localizado na região da Marginal Pinheiros, o Shopping Cidade Jardim possui uma  vista bem bacana dos modernos edifícios dessa área.  Apesar do acesso não ser dos mais fáceis para quem depende do transporte público, acho que vale a pena conferir.

» Endereço: Avenida Magalhães de Castro, 12000 – Cidade Jardim- São Paulo

» Preço: Gratuito

Leia também: 9 dicas valiosas para uma viagem a São Paulo

8- Praça do Pôr do Sol

Não é a primeira vez que recomendo a Praça do Pôr Sol aqui no blog, aliás, ela já entrou na lista de 10 parques que você precisa conhecer em São Paulo.

Com um clima bastante descontraído e agradável, esse é um dos lugares que mais gosto em São Paulo, principalmente no final de tarde quando as pessoas se reúnem para dizer adeus a mais um dia.

Chegue na Praça do Pôr do Sol por volta das 17hs se possível, e garanta o seu lugar sob alguma árvore. Caso vá de carro, aproveite para levar uma bolsa térmica com algumas cervejas geladas.

Se acaso for com transporte público e não quiser carregar peso até lá não se preocupe, pois diversos ambulantes vendem bebidas no local.

» Endereço: Rua Desembargador Ferreira França, S/N – Alto De Pinheiros – São Paulo – SP ou Avenida Diógenes Ribeiro de Lima, S/N – Alto De Pinheiros – São Paulo – SP

» Como chegar: A estação de trem mais próxima da Praça do Pôr do Sol é a Cidade Universitária ( Linha 9, Esmeralda/ CPTM). Depois de desembarcar nessa estação você terá que caminhar por cerca de 15 minutos para chegar até lá.

» Preço e horário: Gratuito e 24 horas, afinal, trata-se de uma via pública

Praça do Pôr do Sol
Praça do Pôr do Sol

Leia também: 7 dicas do que fazer na Vila Madalena

9- Museu de Arte Contemporânea

Para aqueles que querem uma vista privilegiada da cidade e de quebra conhecer um dos melhores museus em São Paulo, o MAC USP é ideal.

Localizado próximo ao Parque Ibirapuera, o museu da Universidade de São Paulo possui sete andares dedicados a obras de arte e mais um que funciona como mirante.

Do alto do seu oitavo pavimento, é possível ver as árvores do Ibirapuera contrastar com os altos prédios da capital.

» Endereço: Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301 – Zona Sul- São Paulo (Em frente ao Parque Ibirapuera)

» Preço: Gratuito

» Horário: Terça a domingo, das 10hs às 21hs

melhores vistas em São Paulo
Vista do Mirante do Museu de Arte Contemporânea

+ Dicas de mirantes em São Paulo

Além de todos estes lugares para ver a cidade do alto, saiba que ainda há muitos outros mirantes em São Paulo que você pode incluir no seu roteiro de viagem. Aliás, alguns lugares são mais do que mirantes. 

É o caso dos centros culturais, bares e até baladas que serão indicadas a seguir:

Sesc Paulista e Sesc 24 de Maio

Outros dois mirantes em São Paulo, com entrada gratuita, são os situados no Sesc da Avenida Paulista e no Sesc 24 de Maio. 

Além de ótimos visuais panorâmicos, em todas as unidades do Sesc você encontrará atividades culturais, shows, lanchonete e programas que podem deixar o seu itinerário ainda mais especial.

O único inconveniente é que aos finais de semana o Mirante do Sesc da Avenida Paulista costuma ter uma longa fila de espera. Ainda assim, a espera vale a pena.

Se acaso não tiver tempo sobrando, no Instituto Moreira Salles, que também se encontra na Avenida Paulista, você terá uma vista bastante semelhante ao do Sesc.

Farol Santander

Reinaugurado em 2018, o antigo prédio do Banespa (Banespão), se tornou em pouco tempo um dos lugares mais visitados em São Paulo. O que é compreensível, afinal, além de um belo mirante, o local tem agora um belo centro cultural.

Localizado no centro de São Paulo, o Farol Santander é uma opção de mirante que pode substituir o Edifício Itália. Isso porque, as vistas dos dois prédios são muito semelhantes.

A visita completa ao Farol Santander custa R$ 30,00.

Bares com vista em São Paulo

Por fim, mas não menos importante, saiba que há muitos bares, restaurantes e baladas que também são ótimos mirantes em São Paulo.

Tenha em mente, porém, que os comes e bebes nestes lugares dificilmente terão precinhos camaradas.

No centro de São Paulo, o bar-balada-restaurante-karaokê Tokyo está sempre cheio e é bastante animado. 

Uma alternativa mais intimista, que tem área coberta e externa, é o Balsa Bar.

Também no centro, mais com uma pegada mais requintada, o Esther Rooftop é uma boa opção para o fim de tarde.

Grudado na Avenida Paulista, o Mirante 9 de Julho, que atualmente está sob o comando da Mira Mirante, tem espaço descontraído e fácil acesso.

Por fim, no terraço do Hotel Unique está um dos bares com vista mais tradicionais e elegantes de São Paulo: o Skye Bar.

3 lugares para se hospedar em São Paulo

($) Para os viajantes que procuram um albergue, o Soul Hostel é uma opção bem avaliada.

($$) Quem faz questão de privacidade, mas não quer gastar uma fortuna, o Ibis Sao Paulo Paulista tem um ótimo custo-benefício.

($$$) Podendo investir um pouco mais, vale conferir as suítes do Estanplaza Paulista.

» Se acaso preferir, clique aqui e confira outras ofertas de hospedagem em São Paulo.

Desde que comecei a viajar, em 2011, conhecer o mundo se tornou um dos meus objetivos de vida. Em 2014 deixei meu antigo emprego para realizar a minha primeira grande trip: 10 meses viajando e trabalhando pela América Latina. Desde então compartilho minhas experiências de viagem aqui no Volto Logo.

26 COMENTÁRIOS

  1. Cara excelentes opções, com exceção do Shopping Cidade Jardim. Acredito que o SESC da Av Paulista mereça o lugar dele na lista principal e até um lugar melhor no pódio, pois, a vista e fotogenia do lugar é de tirar o fôlego. Poderia passar horas vendo todo o caos da Av Paulista, fora que lá os preços das refeições e lanchinhos são super em conta e muito gostosos. Tive uma experiência péssima no Cidade Jardim, fui seguido desde o primeiro segundo da entrada até o último segundo quando o uber saiu da vista. Depois fiquei sabendo dos problemas corriqueiros nesse lugar quando pessoas não milionárias, pretas e pardas “Ousavam” entrar lá. Alternativo a isso, sugiro aproveitar a vista que temos na estação Vila Olímpia.

    • Oi Rollenbergue, tudo bem?

      Que legal que gostou do post!

      Realmente, a vista do Sesc é demais. Só não está na parte principal porque o texto foi originalmente publicado em 2016, quando o Sesc ainda nem tinha sido inaugurado! hahahaha

      Aí depois que atualizei o texto e inclui esta opção! Também adoro a lanchonete lá!

      E caramba, que absurdo isso que aconteceu no Cidade Jardim. Conforme comentei no texto, foi o único local que, de fato, ainda não visitei.

      Muito obrigado por compartilhar a sua experiência e dicas!

      Abraço

  2. Todo mundo que viaja para Sampa tinha que ter a experiência de ver a selva de pedra do alto.

    Esses mirantes de São Paulo não dão a real noção do qual louca e maravilhosa é essa cidade!!

  3. Quanto mirante massa em São Paulo para ter vistas incríveis da cidade! Só estive no Edifício Itália e amei, tenho muita vontade de conhecer a Praça do Por do Sol

  4. Que legal vc ter incluído um mapa, assim dá para qualquer pessoa encaixar um (ou vários) desses miradouros no roteiro. Adorei o pôr-do-sol na Praça Por do Sol, ainda por cima gratuito

  5. Oi Murilo, tudo bem? Adoro ler sobre pontos estratégicos em SP, para fazer uma listinha do que fazer quando vou para a cidade da garoa. Além do Martinelle, Copan, Itália e Santander, você pode visitar o edifício da Prefeitura, ao lado do viaduto do Chá.
    Você ficou muito tempo na fila para subir no Copan? Nunca consegui subir.. sniff! Outro lugar que ainda não fui, a Praça do Pôr do Sol! Fico um pouco apreenssiva com a segurança local. O que achou?

    • Oi Danielle, tudo bem e você?

      Que bacana. Não sabia sobre o edifício da Prefeitura.

      No Copan eu fui bem rápido, talvez tenha dado sorte. Eu acho a Praça do Pôr do Sol bem tranquila, nunca vi nada que me desse insegurança.
      Inclusive, é comum ter famílias com criança também!

      Abraço

    • Oi Victoria, tudo bem?!

      Acredito, pois estou morando em São Paulo há 2 anos e ainda não conheci nem metade dos lugares que gostaria! hahahaha

      Abraço

  6. * Para evitar comentários spans (falsos), solicitamos que ao deixar sua mensagem você também preencha um campo com seu nome e e-mail.
    Mas não se preocupe, pois estas informações estão seguras e seu e-mail não será exibido e nem compartilhado com outras pessoas!
    Para mais informações clique aqui para ler a nossa Política de Privacidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here